- - - -- - - -- - - - - - - -- - - - - - - - --Jornal do Commercio - Recife, 12 de maio de 1998

TELECOMUNICAÇÕES
SBC compra Ameritech por US$ 62 bilhões

SÃO PAULO - A SBC Communications Inc., empresa que domina a telefonia local no Oeste americano, anunciou ontem que vai comprar a Ameritech Corporation por US$ 62 bilhões, formando a maior empresa de telefonia local dos EUA. O negócio será o maior já anunciado no setor de telecomunicações e o terceiro maior ocorrido nos EUA, atrás apenas da compra da Chrysler pela Daimler, anunciada na última semana, e da fusão entre o Travelers Group e o Citicorp, há um mês. A nova empresa, que continuará a se chamar SBC, vai operar de Detroit a Los Angeles, estando presente em 12 Estados dos EUA e de certa forma recriando o antigo sistema Bell.

Em 1984, a AT&T, que até então dominava toda a telefonia local e de longa distância nos EUA, foi dividida pelo governo, continuando com o sistema de longa distância, mas passando toda a telefonia local para sete empresas, as chamadas "Baby Bells". Com a nova onda de fusões, incluindo a junção, em 96, da Bell Atlantic com a Nynex, e agora a da segunda maior empresa de telefonia americana, a SBC, com a Ameritech, restará apenas quatro "Baby Bells".

Quando foi criada como Southwestern Bell, a SBC controlava a telefonia local do Texas, Arkansas, Oklahoma, Missouri e Kansas. Há um ano, comprou a Pacific Telesis Group, outra Baby Bell, por US$ 16,5 bilhões, passando a operar na Califórnia e em Nevada.


     

Índice | Editorial | Política | Brasil | Internacional | Cidades | Ciência/Meio Ambiente | Esportes | Economia |
Caderno C | Informática | Turismo | Charge | Colunas | Regional | Veículos | Família | Especiais

Últimas Notícias | JC Debate | Roteiro | Weekend | Bate-papo | Tábua de Marés
Fale com o JC | Links | Classificados | Rádio Jornal| Edições Anteriores | Assinantes