- - - -- - - - - - - -- - - - - - - - - - - - --Jornal do Commercio - Recife, 12 de maio de 1998

SECA IV
Carros-pipa suprem abastecimento em área contaminada

CUSTÓDIA - Desde ontem, após a descoberta das algas cianoríficas que liberam a toxina cilindespermoxima, no Açude Marrecos, 13 carros-pipas abastecem este município no Sertão do Moxotó. O açude, que tem capacidade para acumular até 21 milhões de metros cúbicos, encontra-se apenas com 6% de sua capacidade e só atenderia o município até agosto próximo. Segundo a Compesa, os 27 mil habitantes serão abastecidos em sistema de revezamento, de 24 por 72 horas sem água. De acordo com José Adalberto Honório, auxiliar-administrativo da Compesa, a medida foi necessária para evitar um surto de doenças, uma vez que a toxina é a mesma encontrada na água do IDR de Caruaru. "Estamos trazendo água da adutora de Fátima, de Flores, e iremos abastecer três setores da cidade", disse ele. No hospital municipal, nenhum caso de contaminação foi detectado.


     

Índice | Editorial | Política | Brasil | Internacional | Cidades | Ciência/Meio Ambiente | Esportes | Economia |
Caderno C | Informática | Turismo | Charge | Colunas | Regional | Veículos | Família | Especiais

Últimas Notícias | JC Debate | Roteiro | Weekend | Bate-papo | Tábua de Marés
Fale com o JC | Links | Classificados | Rádio Jornal| Edições Anteriores | Assinantes