- - -- - - - - - - -- - - - - - - - --Jornal do Commercio - Recife, 17 de dezembro de 1998

CONTAS PÚBLICAS V
Acordo com CEF garante novos créditos

A diretoria financeira da Caixa Econômica Federal (CEF) enviou um documento a equipe de transição do futuro governador Jarbas Vasconcelos, ontem, comunicando que a carteira imobiliária da Cohab está avaliada em R$ 180 milhões. De acordo com o vice-governador eleito, Mendonça Filho, o valor final deverá sofrer ainda uma queda de cerca de R$ 10 milhões referentes as dívidas que a Cohab tem com a CEF. Mesmo assim, com a concordância da equipe do atual governo, a negociação pode ser fechada nos próximos dias e Pernambuco não deverá sofrer penalizações por ter usado os recursos da venda do Bandepe para pagamento de pessoal.

O valor da carteria imobiliária da Cohab será repassado para o Tesouro Nacional, como forma de compensar a não devolução do valor da venda do Bandepe (R$ 179,4 milhões). Com o entendimento político bem encaminhado, a pendência judicial pode ficar reduzida ao aspecto apenas formal. Está prevista para hoje, a decisão do presidente do Tribunal Regional Federal, juiz Francisco Falcão, sobre o recurso da procuradoria regional da Advocacia Geral da União, que solicitou a execução da sentença do juiz da 1ª Vara Federal, que havia liberado o uso da verba no pagamento de pessoal.

"O problema está ficando menor, esperamos que o atual governo cumpra com sua responsabilidade da folha de dezembro", afirmou Mendonça Filho. As negociações para o fechamento do acordo prosseguirão hoje, já que, entre outras exigências, a venda deverá ser aprovada pelo legislativo.


     

Índice | Editorial | Política | Brasil | Internacional | Cidades | Ciência/Meio Ambiente | Esportes | Economia |
Caderno C | Informática | Turismo | Charge | Colunas | Regional | Veículos | Família | Especiais

Últimas Notícias | JC Debate | Roteiro | Weekend | Bate-papo | Tábua de Marés
Fale com o JC | Links | Classificados | Rádio Jornal| Edições Anteriores | Assinantes