- - - -- - - -- - - - - - - -- - - - - - --Jornal do Commercio - Recife, 13 de dezembro de 1998

ESPECIAL / AI5
Era para ser só um show. E Nova Jerusalém virou praça de guerra

Estava tudo pronto. Chico Buarque, Milton Nascimento, Elizeth Cardoso, Paulinho da Viola, MPB-4, grandes nomes da música brasileira, com presença confirmada. O show "É Preciso Cantar" seria o terceiro evento musical de porte realizado pela Sociedade Teatral de Nova Jerusalém. A cidade de pedra já havia hospedado, noutros tempos, dois Festivais de Verão que consagraram Gal Costa, lançaram Luiz Melodia e o Quinteto Violado. O show de 1974 seria no 15 de novembro, dia de eleição.

"Inventaram uma história que Marcos Freire, candidato a senador pelo MDB, estaria no show para fazer campanha e conversar com o amigo Chico Buarque. O Exército nem esperou para confirmar e proibiu o espetáculo", conta hoje o produtor de teatro José Pimentel, responsável pelo show que foi sem nunca ter sido. "Fazenda Nova foi invadida. Soldados armados cercaram o teatro, initimidaram as pessoas, invadiram casas, pintaram o sete."

Dois dias antes do show, que seria no sábado, o diretor Plínio Pacheco foi "convidado" a ir à Polícia Federal, no Recife. No DPF, Pacheco, depois de muito argumentar, teve a promessa de que o espetáculo estava liberado. Apenas uma ressalva, feita por um coronel de plantão: o show não poderia virar comício.

"A "liberalidade" da censura não resistiu ao raiar do dia. Na manhã da sexta-feira, uma mensagem de Pacheco, por rádio - não havia telefone em Fazenda Nova -, tentava dar o alerta. Não deu tempo. A cidade já estava sitiada e o show, cancelado. "À imprensa, o Exército jurou que fez o que fez para combater um surto de meningite no Agreste", lembra Pimentel. (G.F.)


     

Índice | Editorial | Política | Brasil | Internacional | Cidades | Ciência/Meio Ambiente | Esportes | Economia |
Caderno C | Informática | Turismo | Charge | Colunas | Regional | Veículos | Família | Especiais

Últimas Notícias | JC Debate | Roteiro | Weekend | Bate-papo | Tábua de Marés
Fale com o JC | Links | Classificados | Rádio Jornal| Edições Anteriores | Assinantes