LG_jc.gif (3670 bytes)

EM FORMA
As vantagens de subir e de descer escadas

AGÊNCIA GLOBO

Se correr 40 minutos por dia para manter um bom condicionamento físico é difícil, por que não subir dez minutos de escadas quatro vezes por dia? O efeito será praticamente o mesmo, segundo o American College of Sport Medicine, dos stados Unidos. Programas incluindo subida e descida de escadas vêm sendo adotados por personal trainers como uma alternativa para exercícios aeróbicos intensos sem sair de casa, ou melhor, do prédio.

"Percebi os benefícios de subir e descer escadas numa viagem de férias a Nova York. Visitei uma gráfica, na qual trabalha meu cunhado, e me espantei ao ver os funcionários na hora do almoço subindo e descendo as escadas externas de incêndio por 20 a 30 minutos. Descobri que o rendimento daqueles funcionários aumentou em 50% e que o número de indisposições e de acidentes de trabalho por estresse diminuiu", diz a personal trainer Luciene Ávila.

Professora de natação e hidroginástica de academias do Rio de Janeiro, Luciene adotou as escadas há três anos para não tornar entediante seu trabalho. "Para programas de perda de peso, alterno caminhada em ladeiras com exercícios como pular corda, hidroginástica e escadas", diz.

A última descoberta do American College of Sport Medicine reforça as vantagens da escada: o exercício feito em quatro vezes de dez minutos registra perda calórica igual ao de uma vez de 40 minutos. Luciene adotou estes exercícios em prestações depois que aprendeu a novidade num curso de André Letta, professor de pós-graduação em educação física da UFRJ e da Faculdade Castelo Branco.

"Num estudo recente com obesos, o American College constatou que estes exercícios, por serem mais rápidos, podem até ser mais intensos, queimando calorias e gordura. É uma prática ideal para a grande maioria que não consegue fazer exercícios de 40 minutos", ensina Letta.

Para o professor, a descoberta derruba o mito de que os exercícios menos intensos e de maior duração queimam mais gordura. "Hoje sabemos que num exercício de 45 minutos de baixa intensidade perdem-se 60% de gordura e 40% de carboidratos. Num de 30 minutos, mais intenso, perdem-se 50% de gordura e 50% de carboidratos, mas como a perda calórica é maior, a queima de gordura equivale à do exercício de baixa intensidade".

________


Jornal do Commercio
Recife - 22.08.99
Domingo