LG_jc.gif (3670 bytes)

APRENDIZADO
Ipad investe em ensino a distância pela Internet

Fugir da realidade nunca é a melhor solução. A não ser que o problema em questão seja a falta de verbas federais para fomentar a cultura nordestina e o destino da fuga seja o ciberespaço. Essa ‘exceção’ à regra foi descoberta pelo Sebrae-PE, Ministério da Cultura e Instituto de Planejamento e Apoio ao Desenvolvimento Tecnológico Científico (Ipad), que, numa iniciativa inédita no País, juntaram-se para oferecer dois cursos virtuais de formação de produtores culturais, com início marcado para a próxima segunda-feira.

Foram abertas 300 vagas e as inscrições ainda podem ser feitas no site www.cultura.ipad.com.br. O primeiro curso, que terá três módulos, tratará da lei federal de incentivo e suas implicações e o segundo, com apenas dois módulos, abordará elaboração e gestão de projetos culturais. As atividades serão operacionalizadas pelo Centro de Educação Continuada do Ipad (Cened) e pelo Ipad Datacenter via chat ou e-mail.

Mas esse não é o único projeto em que o Ipad está envolvido atualmente. O instituto está lançando uma nova versão do sistema de segurança para plataforma Linux SpyKet e iniciando cursos (no mundo real mesmo) de introdução à Informática, segurança do trabalho (ou Peopleware) Java, webdesign e ferramentas gráficas. Até dezembro, o Datacenter Ipad também estará com uma promoção de 20% nos cadastros de novas imobiliárias ao portal Expoimóvel.

Serviço

www.ipadnet.com.br

___________________________________


Jornal do Commercio
Recife - 21.11.2001
Quarta-feira