LG_jc.gif (3670 bytes)

GOVERNO FEDERAL
FHC assina hoje projetos em Petrolina

por SÉRGIO MONTENEGRO FILHO
Enviado especial

PETROLINA - Pela Segunda vez em menos de um ano, o presidente Fernando Henrique Cardoso (PSDB) desembarca hoje, neste município do Sertão do São Francisco, para o lançamento de novos programas governamentais na área da agricultura. Acompanhado do vice-presidente, Marco Maciel (PFL), dos governadores de Pernambuco, Jarbas Vasconcelos (PMDB), e do Ceará, Tasso Jereissati (PSDB), e de sete ministros, FHC participa, às 11h, de solenidade no auditório do Centro de Pesquisas da Embrapa, na área rural de Petrolina, para a assinatura de quatro projetos. Entre eles, o que institui o Seguro-Safra, programa que concede uma indenização, no valor de R$ 600, aos pequenos agricultores que tiverem seus plantios prejudicados pela estiagem. O valor total de recursos alocados para o programa só será anunciado na solenidade de hoje.

Participam da comitiva do presidente FHC os ministros Pratini de Moraes (Agricultura), José Jorge (Minas e Energia), Raul Jungmann (Desenvolvimento Agrário), Ronaldo Sardemberg (Ciência e Tecnologia), Martus Tavares (Planejamento), Ney Suassuna (Integração Nacional) e José Carlos Carvalho (interino do Meio Ambiente). Coordenador da Câmara Setorial de Convívio com o Semi-árido, criada pelo presidente e composta por representantes de vários setores do Governo, Jungmann fará um balanço dos seis primeiros meses de trabalho do programa.

A expectativa, ontem, era de que o presidente e sua comitiva enfrentassem novas manifestações de protesto. Os sindicatos dos trabalhadores rurais, dos professores e dos previdenciários, coordenados pela CUT, estavam reunidos ontem à noite para discutir de que forma poderiam se manifestar, já que não terão acesso direto à solenidade na Embrapa. Após a visita a Petrolina, a comitiva presidencial segue, às 13h55, para o município de Juazeiro do Norte, no Ceará.

___________________________________


Jornal do Commercio
Recife - 21.11.2001
Quarta-feira