LG_jc.gif (3670 bytes) CB_brasil.gif (6025 bytes)
MP_brasil.gif (5256 bytes)



Repórter JC
Paulo Sérgio Scarpa

E os dados?

O desencontro de informações, tão comum entre o Governo Jarbas e o Sindicato dos Policiais Civis (Sinpol), continua existindo sobre os reais dados da criminalidade. Para a população ficou a promessa do Conselho de Defesa do Cidadão, feita em maio, de cobrar providências para conter os altos índices de violência. Entre as medidas, a criação de um sistema de coleta de estatísticas criminais, o que não foi feito até agora. Enquanto a Secretaria de Defesa Social não providencia, que tal cobrar empenho dos delegados para a finalização de todos os inquéritos e requisitar do Ministério Público informações públicas sobre quantos inquéritos foram devolvidos?

Oportunidade

O Governo do Estado perde, mais uma vez, ótima oportunidade de mostrar o que está fazendo. Não foi dado prioridade e esforço necessários para terminar o asfalto entre Camela e Serrambi, no Litoral Sul, o que iria facilitar muito a vida de centenas de turistas neste verão. No ritmo que está, a obra só será inaugurada mesmo no inverno.

Rio mais perto de levar o museu

O Rio de Janeiro está bem mais perto de ganhar uma filial do Museu Guggenheim. A assinatura do contrato de viabilidade arquitetônica estava prevista para ontem, em Nova Iorque, entre o procurador-geral do Rio, Júlio Horta, e o advogado Jones Day. A sede do Guggenheim faria a proposta arquitetônica e indicaria o local do museu. Custo: US$ 100 milhões. E como fica o Recife? Na foto, um simples ioiô com a marca Guggenheim vendido no museu em Nova Iorque por US$ 12. Uma das vantagens do museu.

Cara do Brasil

O Governo Jarbas prova mais uma vez que está sendo mal assessorado sobre a Polícia Militar e segurança pública. Ele manda exonerar os coronéis insubordinados e depois volta atrás. E fica tudo por isso mesmo.

Situação incômoda

A ausência dos principais dirigentes da Prefeitura do Recife no ato de desagravo ao secretário de Serviços Públicos, José Aílton, foi proposital. Os assessores do prefeito João Paulo (PT) avaliaram que a manifestação era inoportuna, politicamente inconseqüente e com efeito negativo de mídia. O esvaziamento do ato, porém, colocou em xeque a permanência de José Aílton no governo. Mas o mesmo comportamento será exigido de todos caso o prefeito volte a ter outra saia justa. Haveria pelo menos outros 20 casos no 2º escalão.

Continente chega quente

Em tempo de greve dos docentes brasileiros, às vésperas de um possível cancelamento do semestre nas universidades federais e do adiamento do vestibular em instituições públicas, a nova revista Continente Multicultural, editada pela CEPE, discute a atual situação educacional do Brasil numa entrevista com o professor Cláudio Moura de Castro. Ele defende o provão, critica os movimentos estudantis e analisa as estatísticas otimistas do Governo FHC sobre o ensino médio. “Conseguimos botar todo mundo na escola, mas não conseguimos dar uma educação de qualidade”, sentencia o professor. E tem ainda Gilberto Gil contando a briga com Caetano Veloso.

Sinfônica toca Villa-Lobos e Vivaldi no campus da UFRPE

A Orquestra Sinfônica do Recife realiza amanhã 22, às 10h, no anfiteatro do Centro de Ensino de Graduação da UFRPE, concerto no Dia da Música e pelos 89 anos de criação dos cursos de Agronomia e Medicina Veterinária. No programa, prelúdio das Bachianas Brasileiras e o Concerto para Dois Trompetes.

Controladores de vôo continuam em operação padrão

Os controladores de vôo do Aeroporto Internacional dos Guararapes continuam em operação padrão (tartaruga) e insatisfeitos com a FAB. E o mesmo protesto acontece em todos os aeroportos do País. Garantem que estão cansados da falta de segurança do tráfego aéreo e da maneira como são tratados.

Final de obra

A MCI de Antonio Lavareda exibe, esta semana, filme mostrando ações do Governo Jarbas para sanear o Recife. A publicidade irá tratar do sistema de esgoto e abastecimento de água do Pina-Brasília Teimosa, que se arrasta há 50 anos e que Arraes iniciou e não terminou.

Sem visão 1

Quem chega em Porto de Galinhas está, hoje, impedido de ver o mar na entrada que dá acesso ao centro da vila. Tudo porque a Prefeitura de Ipojuca deu licença para o Bandepe construir bem na entrada um posto de serviço 24h sem levar em conta o urbanismo.

Sem visão 2

O Governo do Estado finaliza a construção de mais um Núcleo Comunitário de Segurança, agora no Porto do Recife. Só que erguido entre o até agora inútil Terminal Marítimo e o Armazém 12. Que já está impedindo a circulação do vento e a visão do mar.

___________________________________


Jornal do Commercio
Recife - 21.11.2001
Quarta-feira