Principal   
   

Ataque
Banhista atacado por tubarão
Publicado em 17.09.2002 no JC

O estudante Fabrício Carvalho, 19 anos, foi atacado enquanto boiava no mar nas imediações da Igreja de Piedade. Levado ao hospital, os médicos tiveram que amputar-lhe a perna

Mais um ataque de tubarão foi registrado na Praia de Piedade, em Jaboatão dos Guararapes, Grande Recife, em pouco mais de dois meses. Desta vez, no entanto, a vítima foi um banhista. O estudante Fabrício José de Carvalho, 19 anos, teve partes da perna e da coxa esquerdas atingidas, ontem à tarde, quando tomava banho com um grupo de amigos nas proximidades da Igreja de Nossa Senhora da Piedade. Submetido a uma cirurgia no Hospital da Restauração (HR), Fabrício teve o membro amputado, devido ao tamanho da lesão. De acordo com a equipe médica, o caso é bastante grave e o paciente corre risco de morte.

O ataque ocorreu por volta das 14h30, no momento em que Fabrício estava tomando banho de mar com um grupo de 10 amigos. Luiz Paixão da Silva, o primeiro a socorrer a vítima, contou, ontem à tarde no HR, que Fabrício estava um pouco afastado dos colegas, a cerca de 100 metros da praia, quando gritou que um tubarão tinha mordido sua perna. “No começo, a gente pensou que fosse brincadeira dele. Teve até um dos nossos colegas que não quis prestar socorro porque achou que ele estava brincando. Só quando eu resolvi ir atrás dele é que eu percebi que ele estava perdendo muito sangue”, relatou Luiz.

Retirado às pressas pelos amigos, Fabrício acabou sendo socorrido pelo Corpo de Bombeiros meia-hora depois do ataque, por volta das 15h. Levado primeiramente para o Hospital da Aeronáutica, ele terminou sendo encaminhado depois para o HR, onde deu entrada às 15h40. Na operação, que durou cerca de duas horas, os médicos tentaram manter a perna, o que não foi possível devido ao tamanho da mordida, que atingiu cerca de dois palmos da perna, o equivalente a 50 centímetros de extensão.

“Tentamos a todo custo salvar o membro do paciente, mas não houve a menor condição. Tivemos de amputar a perna porque a lesão atingiu uma extensão muito grande”, afirmou o cirurgião vascular Cláudio Souza, responsável pela operação. Segundo o médico, a situação de Fabrício é muito grave, o que requer grandes cuidados. “Por enquanto, a orientação dada é repor o sangue perdido e tomar antibióticos, uma vez que o risco agora é que o paciente contraia uma infecção”, informa Cláudio Souza. Segundo ele, não há previsão de alta.

O ataque a Fabrício é a primeira ocorrência deste ano envolvendo banhistas em Pernambuco. Contabilizando os ataques contra surfistas, esse é o 43º registro desde 1992, no litoral do Estado. O último caso ocorreu no dia 9 de julho, quando o surfista Mário César Carneiro da Silva, 22 anos, perdeu a mão e o antebraço direito após ser atacado por um tubarão na Praia de Piedade.

Segundo o capitão Valdy Oliveira, assessor de imprensa do Corpo de Bombeiros, Fabrício foi atacado a mais de dois metros e meio de profundidade, numa área imprópria para banho, onde a prática de surfe já é proibida. “Independentemente de ser banhista, não é permitido se afastar muito da margem nesse local”, afirma o capitão Valdy. Segundo ele, no litoral de Pernambuco, o banhista deve evitar nadar quando a água passar do peito. “Também deve-se tomar banho próximo aos guarda-vidas, não ingerir álcool ou comer alimentos pesados antes de entrar no mar”, recomenda.

Voltar ao topo
 
 
 
  Leia mais
27.07.2006
» Pernambuco: 50 ataques e inúmeros danos
» Por que Pernambuco?
» Conheça as espécies que atacam
01.08.2006
» O drama dos sobreviventes
» Em meio à dor, pais lembram que alertaram o filho sobre os perigos no mar
» "Humberto, ao nadar, lutava pela vida"
» 2006 já contabilizou quatro novos ataques
» Dicas de prevenção a ataques
» Lista oficial das vítimas
» Estatísticas dos ataques
» O que torna o tubarão tão perigoso?
» HR lidera atendimento às vítimas de tubarão
08.08.2006
» Turismo sobrevive aos tubarões
» Países campeões em ataques lucram com mergulho
» Em Noronha, turistas pagam para nadar com tubarões
» Governo planeja, enfim, montar um oceanário
» Documentário do Discovery estréia sob polêmica
15.08.2006
» Tubarão leva surfistas para longe do Recife
» Divergências sobre o futuro do surfe
» Mergulhadores longe do perigo
» Queda no surfe força mudança nos negócios
» Um temor que atravessa décadas
  24.08.2006
» Barco de 13 metros é guardião do litoral do Grande Recife
» Pesquisas começaram no Grande Recife há uma década
» Rotina no Sinuelo serve de lição aos estudantes
» Marinheiro de primeira viagem
» Estado aposta em soluções conjuntas para diminuir ataques
» Aparelho vai monitorar tubarões por satélite
» Corpo destroçado é achado no Pina. Pode ser a 51ª vítima
» Confira bate-papo sobre ataques de tubarão no Grande Recife
  EXTRAS
 Vídeos
  Áudios
  Galeria de fotos
  Arquivo

 

Site melhor visualizado em resolução 1024x728        EXPEDIENTE        Copyright © 1997-2006, JC OnLine - Recife - PE - Brasil.