O Guia de Empregos tem um novo site (http://www.guiadeempregos.org.br).
Esta página é antiga e não recebe mais atualização. Acesse o novo Guia de Empregos e encontre vagas e notícias atualizadas diariamente.

     

 

 

Rede de companhia de dança com deficientes

Cristina Veiga

Montar uma rede de companhias de dança contemporânea que misture portadores e não portadores de deficiência física. Este é o objetivo maior do projeto Dance Meets Differences, que está no Brasil montando o espetáculo Via sem Regra (que fala sobre tabus) com quatro bailarinos brasileiros e três alemães, dirigidos pela coreógrafa e criadora do programa, a alemã Gerda Koenig.

“O projeto amplia a visão do espectador porque, não só mistura pessoas de possibilidades físicas diferentes, mas também pessoas de países diferentes, culturas diferentes, línguas diferentes, linguagens diferentes. É a globalização no sentido humanístico da palavra”, disse, em entrevista exclusiva ao Aprendiz, o coordenador geral do projeto, Gustavo Fijalkow.

A idéia é deixar uma semente do projeto em cada um dos cinco continentes por onde o grupo passar. O primeiro continente escolhido foi a América e, nele, o Brasil. Ao chegar ao país, a cadeirante Koenig e sua equipe fizeram o que vão repetir no Quênia (África) e na Malásia (Ásia): selecionaram bailarinos portadores e não portadores de deficiência e passaram a ensaiar em ritmo de qualquer companhia de dança - seis dias por semana, oito horas por dia.

No intervalo desses ensaios, Koenig tem repetido que o Dance Meets Differences é um programa que “questiona as regras, os rituais e preconceitos de nossa sociedade e procura transgredir os limites entre pessoas com diferentes possibilidades de movimento. Inaugura, pela ruptura de tabus, nova possibilidade de percepção visual dos movimentos”. É exatamente o que pretende quando estrear o espetáculo em São Paulo.

Apesar de misturar portadores com não portadores de deficiência, o projeto não tem a preocupação com a inclusão. “A proposta é otimizar a deficiência e confrontar as pessoas com seus limites”, acrescenta Fijalkow contando que os espetáculos montados agora participarão de um festival na Alemanha no primeiro semestre do ano que vem.

Serviço:
Espetáculo: Via sem Regra
Datas: 28 de abril e 3 de maio
Locais: Teatro Tuca e Galeria Olido (respectivamente)
Onde: São Paulo (SP)

   
Diálogo desencontrado dificulta entendimento entre empresas e pessoas com deficiência
Mouse ocular permite uso de computadores por deficientes
Exposição no escuro estimula uso dos outros sentidos
Deficientes ganham centro de inclusão digital
Prefeitura faz parceria para inclusão social de deficientes
Projeto investe em esporte para integrar jovens com deficiência
Projeto digital do Serpro integra deficientes
Sites do governo facilitarão acesso de deficientes
Sites do governo facilitarão acesso de deficientes
Portadores de deficiência serão admitidos no Senai
Descrença e discriminação marcam desempregados com deficiência
Capacitação profissional para pessoas com deficiência
Obstáculos na paisagem do Rio
Deficientes devem ser mais ativos em ações de inclusão social
Herbert faz apelo pela liberação das pesquisas com células-tronco
Deficientes mentais apresentam peça teatral
Encontro reúne empresas que valorizam pessoas com deficiência
Empresas produzem produtos específicos para pessoas com deficiência
Deficiente auditivo pode falar ao telefone
Projeto do HC recoloca esquizofrênicos no mercado