O Guia de Empregos tem um novo site (http://www.guiadeempregos.org.br).
Esta página é antiga e não recebe mais atualização. Acesse o novo Guia de Empregos e encontre vagas e notícias atualizadas diariamente.

   

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O mercado prefere quem sabe inglês

Temos dito com freqüência, com base em pesquisas realizadas em momentos diferentes, que a fluência na língua inglesa apresenta forte influência na remuneração dos executivos. Os novos dados obtidos a partir da análise comparativa de quatro edições da Pesquisa Salarial do Grupo Catho, interpretadas pelo matemático Renato Scher, corroboram essa informação.

Dos 19.620 respondentes, 37,6% afirmaram falar fluentemente (ainda que com alguns erros) o inglês. Para determinar o que representa, em termos de remuneração, foram cruzadas as informações referentes aos cargos de presidentes e diretores – o resultado é de que executivos na posição de presidentes que falam fluentemente o inglês ganham até 44,5% a mais do que os que falam com alguns erros, e diretores com fluência 32,2% a mais do que os que não têm fluência. Infere-se daí que errar, em inglês, pode significar perto de 20% a menos na remuneração.

Identificou-se também que a porcentagem de executivos fluentes na língua inglesa decresce à medida que cai o escalão:

Cargo

Fluência na língua inglesa

Presidentes

43 %

Diretores

33 %

Gerentes

27,5 %

Supervisores

11,8 %


Do total de respondentes, o nível de fluência é baixo, como se pode ver pela tabela a seguir:

Nível de fluência

Total

Homens

Mulheres

Falo e escrevo corretamente

15,16 %

14,84 %

15,79 %

Falo fluentemente com alguns erros

22,49 %

23,40 %

20,69 %

Falo com dificuldades

27,02 %

25.94  %

29,15 %

Inglês técnico para leitura

20,52 %

22,90 %

15,80 %

Não falo inglês

14,82 %

12,92 %

18,56 %



Acompanhe a distribuição de remuneração de acordo com a fluência em inglês:

Cargo

Grau de fluência na língua inglesa

Fluente

Fluente com alguns erros

Com dificuldades

Inglês técnico

Não tem fluência

Presidente

239.500,00

165.700,00

80.600,00

65.836,00

54.230,00

Diretor

176.850,00

133.800,00

90.825,00

63.892,00

55.625,00

Gerente

92.000,00

81.800,00

60.677,00

48.466,00

40.991,00

Supervisor

48.800,00

42.628,00

38.555,00

32.888,00

26.902,00

Analista/engenheiro

48.214,00

40.895,00

37.487,25

32.084,00

24.200,00

 
   
BIOGRAFIA
Joaquim Maria Botelho é jornalista, especializado em Jornalismo Internacional e Fotojornalismo pela Universidade de Wisconsin, nos Estados Unidos. Atualmente é Gerente de Comunicação do Grupo Catho.

Mudou o chefe! E agora?
A universidade e a realidade do mercado
Maneiras de lidar com o chefe
Os jovens e o mercado de trabalho
Profissões que vão surgir e profissões que vão desaparecer
Como sobreviver a um mau chefe
Enfrentando negociações difíceis
A solidão do poder
Como negociar uma proposta de trabalho com habilidade
Educação a distância
Novo século para a mulher brasileira
Brasil, país de empreendedores
Compreenda os poderes da mente
A "ponte" e a emenda dos feriados
Habilidades Múltiplas
A informalidade no trabalho