O Guia de Empregos tem um novo site (http://www.guiadeempregos.org.br).
Esta página é antiga e não recebe mais atualização. Acesse o novo Guia de Empregos e encontre vagas e notícias atualizadas diariamente.

             

 



O profissional do futuro é o que "faz acontecer"

"Experiência não quer dizer nada. O entrevistador, muitas vezes, busca pessoas que tenham vontade de fazer acontecer". Por mais estranho que possa parecer, essa é a constatação de Izabel Cortez, diretora de recursos humanos da Microsoft. Leia mais:

Riachuelo forma gerentes a partir do programa de trainee

As Lojas Riachuelo procuram jovens recém-formados para integrar sua próxima turma de trainees. Eles vão dar sustentação ao processo de crescimento da rede - hoje com 73 lojas em 20 estados e com perspectiva de faturar 15% mais em relação aos R$ 910 milhões obtidos em 2001. Leia mais:

Volkswagen incentiva participação de funcionários para reduzir custos
Participação nos lucros e resultados chega ao "chão da fábrica"
Trabalho não assusta a nova geração, o que eles querem é ser o número um
Contratação na área de infra-estrutura cresce 241%
Escolaridade básica não garante emprego
 

 

 

 

 

 

 

 

 

 


O profissional do futuro é o que "faz acontecer"

"Experiência não quer dizer nada. O entrevistador, muitas vezes, busca pessoas que tenham vontade de fazer acontecer". Por mais estranho que possa parecer, essa é a constatação de Izabel Cortez, diretora de recursos humanos da Microsoft, uma das mais experientes profissionais do ramo de Tecnologia da Informação. Durante a 6º Expo Centro de Integração Empresa Escola (CIEE), realizada sexta-feira (07/06), no Centro de Convenções Rebouças, ela fez várias recomendações para quem quer trabalhar no setor.

Segundo ela, os pré-requisitos para quem quer entrar no mercado são: buscar fazer o que gosta; preparar-se, definir objetivos e metas, além de buscar aperfeiçoamento e informações. De acordo com Cortez, o profissional ainda precisa ter um bom senso crítico; procurar ajuda; ser coerente com seus princípios e valores. Para "fazer acontecer", a diretora de RH da empresa aconselha: o profissional precisa ter capacidade de realização.

Izabel Cortez ainda dá dicas de como o candidato à uma vaga na área de TI deve se comportar na hora da entrevista. Ela recomenda ficar tranquilo; ser transparente; organizar as idéias; fazer um planejamento do que achar importante falar e não deixar dúvidas para depois. A profissional da Microsoft ainda sugere que o candidato tenha o máximo de informação possível sobre o local de trabalho; ficar atento aos detalhes e ser um bom observador.

(Ana Paula Oliveira da Fonseca)

Riachuelo forma gerentes a partir do programa de trainee

As Lojas Riachuelo procuram jovens recém-formados para integrar sua próxima turma de trainees. Eles vão dar sustentação ao processo de crescimento da rede - hoje com 73 lojas em 20 estados e com perspectiva de faturar 15% mais em relação aos R$ 910 milhões obtidos em 2001.

"O objetivo é formar um profissional de varejo, que goste de moda e tenha boa capacidade de comunicação e relacionamento interpessoal", afirma Hyppólito Neves, gerente de Recursos Humanos. A meta é chegar a gerente de loja, mas com perfil de um executivo dono de seu próprio negócio e, portanto, com visão de resultados e lucro. Qualidade essencial para fazer frente à forte concorrência das redes C&A e Renner.

Os candidatos devem ter curso superior, de preferência em Administração, Economia, Marketing ou Propaganda, e deverão passar por uma bateria de testes, dinâmica de grupo e entrevistas, uma delas em inglês. O crivo final é feito pelo próprio gerente de RH e pelo diretor de operações. Todo o processo é acompanhado por gerentes de lojas, que também fazem suas avaliações. Experiências anteriores em varejo também contam pontos importantes.

Quem passar por esses diferentes filtros começa um programa de treinamento de um ano e meio, para conhecer bem o funcionamento da empresa, com salário inicial de R$ 2,1 mil, reajustado em 20% a cada seis meses. O trainee deve ter disponibilidade para viajar e para trabalhar no ritmo dos shoppings, que abrem aos sábados e domingos. Hoje são poucas as lojas de rua da rede Riachuelo.

Desde o início, os trainees acompanham o movimento de algumas lojas e fazem relatórios sobre diferentes itens, como a arquitetura e a comunicação visual, o atendimento, suprimentos, entre outros. Em dinâmica de grupo, é apresentado um "case" de varejo para analisar e interpretar os detalhes do exemplo apresentado.

Sempre observados por "gerentes mentores" - gerentes de loja com grande capacidade de treinamento - e supervisionados pela área de Recursos Humanos, os trainees, em uma primeira fase, ficam um mês em uma unidade e conhecem os manuais de operação, de vendas, de suprimentos. Depois fazem uma auto-avaliação e vão para uma segunda loja.

Depois de alguns meses, começa a experiência prática, com a supervisão de uma parte da loja, ou com a substituição de um gerente de férias, normalmente em uma unidade de menor porte. No período de treinamento, os trainees fazem três viagem. Na primeira delas, acompanham o auditor da empresa por várias lojas para ter uma visão não só do balanço, mas da parte de documentação, tributária, de administração de pessoal.

Na segunda, acompanham o consultor de "vision merchandising" e aprendem a arrumar as mercadorias nas lojas, a preparar as unidades para o impacto de aumento de vendas após uma campanha publicitária, por exemplo.

Na terceira, eles mergulham a fundo no setor de crediário e acompanham o cadastro, a inadimplência, conhecem as normas que regem o serviço. A Riachuelo é a segunda maior administradora de cartões de crédito do varejo, com 6 milhões de usuários.

Além de seminários de capacitação sobre matemática financeira, tecnologia têxtil, técnicas de negociação, os trainees passam por um treinamento feito pelos próprios gerentes de loja, responsáveis por passar a cultura da empresa aos funcionários, transmitir conhecimento, motivar a equipe. Essas são funções que os trainees também deverão assumir no futuro.

O número de funcionários por loja varia de 60 pessoas (em unidades de 3 mil metros quadrados) a 300 funcionários, na maior unidade da rede, em Recife (PE), de 11 mil metros quadrados. A empresa tem um total de 6.200 funcionários.

Quando contratados, os trainees assumem o cargo de gerente-adjunto e passam a fazer parte do plano de carreira. Entre os benefícios, salários adicionais quando o plano de metas é atingido.

Segundo Neves, o grande desafio do varejo hoje é selecionar o pessoal, treinar e motivar a equipe de funcionários para atender bem o cliente. No caso das Lojas Riachuelo, um cliente da classe média, urbana, que aprecia moda, mas não quer pagar muito. A Riachuelo está investindo este ano R$ 30 milhões em cinco novas lojas e R$ 40 milhões em campanhas publicitárias.

(Gazeta Mercantil - 11/06/02)