a regiao
Find more about Weather in Itabuna, BZ
baba na praia
2.Dezembro.2017

Verão exige cuidado extra com o coração

nos exercícios e atividades físicas, em especial pelas mudanças de hábitos alimentares e o aumento da intensidade da movimentação que geralmente ocorrem no verão. Elas podem causar alterações cardíacas diversas. Por isso, é fundamental prestar mais atenção à saúde nesta época.

No verão, alguns comem mais, enquanto outros adotam dietas alimentares altamente restritivas para exibir um corpo esbelto na praia. Isso sem falar nos sedentários, que não se preocupam em procurar orientação médica e começam, por conta própria, a prática de exercícios.

De acordo com o cardiologista da Clínica ADS, Cláudio Bacelar, pessoas com maior risco cardiovascular, como idosos, hipertensos, obesos, tabagistas e diabéticos, se arriscam ao alterar sua rotina física por conta própria.

“É muito importante consultar um médico antes de iniciar qualquer atividade física e um nutricionista. Em cidades litorâneas, os frutos do mar são muito apreciados, mas é importante lembrar que colaboram para a elevação do colesterol, principal fator da arteriosclerose”.

A perda de água

“No verão, o calor extremo e a umidade aumentam a perda de água e sais minerais”. A solução é aumentar a ingestão de líquidos, principalmente os mais velhos e quem usa diuréticos. “A tendência do corpo é reduzir a pressão no calor, por isso vasodilatadores podem acentuar a queda”.

Outra dica é evitar o sol no pico. “É melhor escolher a manhã ou o fim da tarde para os exercícios ao ar livre”. Para um dia inteiro fora de casa, é importante limitar o tempo de exposição ao sol, aproveitar as sombras e passar filtro solar de boa qualidade.

Tanto cardiopatas quanto pessoas que não sofrem de problemas devem beber muita água (a de coco é melhor ainda). Além disso, é fundamental reduzir o consumo de sal e gorduras neste período. “No verão nosso corpo precisa de menor quantidade de alimentos calóricos”.



 

terreno na bahia