a regiao
Find more about Weather in Itabuna, BZ
ambulancia samu
7.Outubro.2017

Sucateado, Samu de Ilheus faz greve e alerta

a população sobre as condições impossíveis de trabalho. A situação precária e perigosa do Samu já foi denunciada, há meses, pelo jornal A Região e os blogs O Sarrafo e Agravo, que registrou a ambulância com as portas amarradas por uma atadura (foto).

A ambulância continua nas mesmas condições, assim como o resto da frota. Os veículos estão rodando com pneus carecas e sem licenciamento. O suporte das macas está quebrado e por isso elas não ficam presas durante o trajeto.

Os samuzeiros são obrigados a fazer a própria comida em um fogo improvisado no chão, porque o fogão está quebrado e não há gás. Apesar de ter licitado quentinhas por R$ 17 cada uma, a Prefeitura de Ilhéus nunca forneceu o alimento à equipe. A sede está cheia de gambiarras de energia e água.

O que ninguém da Prefeitura explica é onde foram gastos os R$ 839.125,00 recebidos neste ano, do governo federal, exclusivamente para a manutenção do Serviço Móvel de Urgência. O estado do serviço, que era razoável até dezembro, hoje deveria ser fechado pelo risco que oferece.

Duas viaturas

Sem explicar o sucateamento do serviço, a Prefeitura de Ilhéus emitiu uma nota dizendo que, “apesar da paralisação de advertência por 24 horas dos servidores do Samu, em Ilhéus, duas unidades – uma básica e outra avançada – asseguram o atendimento à população durante o dia de hoje (6)”.

O coordenador do serviço, Edson Freitas Nascimento, explica que na viatura básica atuam um técnico e um condutor socorrista. Na avançada, médico, enfermeiro e condutor. O Samu de Ilhéus é Polo Regional do Ministério da Saúde, regulando o serviço em mais seis municípios.

Nos casos mais graves, as ambulâncias de Ilhéus são acionadas. Por isso, obrigatoriamente, ela precisa ter seis unidades, duas avançadas e quatro básicas. O atual governo alega ter recebido a frota sucateada. Mas não explica por que não usou os quase R$ 900 mil na recuperação dela.



 

terreno na bahia