Compre seu dominio hoje! Calango! o Portal da Bahia News from London

Menu o Portal da Bahia o Portal do Cacau 24h ao vivo na internet Voce ja esta aqui! a regiao que inspirou Jorge Amado o jornal do brasileiro no exterior os agitos da Bahia
volta para a capa

Terezinha de J. Moreira

Capa
Geral
Itabuna
Ilhéus
Bahia
Malha Fina
Últimas
 
Gente Grapiúna
Colunas e Artigos
 
Media Kit
Expediente
Os Links

Pesquisa:
O que você achou
de Ilhéus?
. Gente Grapiuna

Algumas reflexões
      Os escândalos que rechearam a mídia brasileira ultimamente, quando se comemoram os 500 anos do descobrimento do Brasil, permitem-nos fazer algumas reflexões acerca dessa realidade, da frustração que absorve o cidadão comum e de nossas perspectivas enquanto sociedade.
      A primeira é sobre a nossa frágil democracia. É importante lembrar que a simples escolha de representantes para quaisquer cargos nas instituições não exclui os demais cidadãos da responsabilidade pelos destinos da nação. Na verdade, a essência da democracia é o exercício da cidadania, e uma não sobrevive sem a outra.
      Os políticos por sua vez, são fruto da sociedade. O famoso slogan "Rouba mas faz" expõe o perfil de uma sociedade viciada em migalhas despendidas por um poder público sórdido e podre. Um povo que aceita passivamente a condição de submisso, quando deveria estar subordinado ao poder constituído, e se coloca impotente frente a ele.
      Escândalos como o de São Paulo servem para derrubar mitos, como o de que Maluf é corrupto, mas é bom administrador, e expor redes de corrupção comuns em qualquer cidade do interior do país, das quais apenas a mídia "não sabia". Todavia, esses fatos mostram sobretudo que necessitamos urgente renovar o quadro político brasileiro.
      Nesse momento, não adianta fugir da responsabilidade com a desculpa de que não há políticos honestos. Precisamos FAZÊ-LOS honestos. Mostrar-lhes que não aceitamos mais os velhos truques, as trapaças e roubalheiras que sempre marcaram a política nacional. Que tal começarmos exigindo que eles prometam o que NÃO FARÃO (não desviar verbas, não roubar, não empregar parentes...) para que eles possam, quem sabe, realizar um pouco do que gostaríamos?
      Reduzir a distância entre o cidadão comum e o político é fundamental para mudar essa relação, e acabar com a atual ditadura econômica. Não precisamos de tapinhas nas costas, favores e brindes de campanha, mas de pessoas que tenham um passado claro, de trabalho, que tenham transparência em suas ações e sejam capazes de nos prestar conta de seus mandatos. Não nos iludamos, apenas com pessoas melhores faremos instituições melhores, e por tabela, uma sociedade melhor.
      O terceiro milênio está apenas começando, mas a famosa "Lei de Gerson", aquela de levar vantagem em tudo, está ultrapassada. A falta de ética, a desonestidade, a degradação social e do meio-ambiente não cabem mais em nossa história. Políticos corruptos devem ser afastados dos cargos, punidos, e jamais serem reeleitos. Não podemos conviver com a corrupção como se ela fosse um mal necessário. Pagamos muito caro por isso.
      Democracia se constrói com consciência, e a responsabilidade é de todos nós. Está mais que na hora de o verdadeiro povo brasileiro assumir os destinos do país. Afastar do poder a elite que nos dominou nesses 500 anos de exploração, não é tarefa fácil, porém não é impossível, afinal ninguém engana todo mundo o tempo todo. E não precisamos virar super-heróis para mudar o curso da história, basta exercer o direito de cidadão.
      A propósito, as novas gerações não aceitam a inércia e a passividade. Estão mais conscientes da efetividade de sua participação na construção de uma nova sociedade. Podemos reaprender com as crianças a resgatar nossa autoconfiança, pois não precisamos de salvadores da pátria, mas apenas de pessoas honestas e sinceras, para juntos fazermos, nos próximos séculos, um Brasil melhor para os brasileiros.

      Terezinha de J. Moreira, Bancária e pós-graduanda em Economia de Empresas pela Uesc (BA).

.
Patrocinado por O jornal do brasileiro no exterior

[ Geral ] ....  [ Itabuna ] ....  [ Ilheus ] ....  [ Bahia ] ....  [ Malha Fina ] ....  [ Comercial ] ....  [ Volta ]

Copyright©2001 A Região Editora Ltda, Praça Getúlio Vargas, 34, 45600-000, Itabuna, BA, Brasil
Telefax (73) 211-8885. Reprodução permitida desde que sem mudanças e citada a fonte.