a regiao
find more about weather in itabuna, bz
13.Janeiro.2018
malha fina

Obedece, Chico!

O Prefeito de Itabuna não sabe se termina o mandato, por isso ordenou a seus subordinados na Câmara que façam uma sessão “extra ordinária” no meio do recesso para mudar o regime trabalhista de todos os servidores municipais.

As regras dele

Decidida sem qualquer discussão com os servidores, a mudança tira a proteção da CLT e muda o regime deles para o estatutário, onde o Prefeito pode impor as regras que achar melhor. Cuma já anunciou que “novas regras” vem aí...

Era lorota

Em dezembro, o presidente da Câmara de Itabuna, Chico Reis, prometeu ao Sindserv que só colocaria em pauta o projeto de Cuma mudando o sistema de trabalho da Prefeitura depois do recesso e de debates com a categoria. Sei...

Inferno de lama

caos da emasa Cheia de cabos eleitorais e gente sem qualificação indicada por aliados do prefeito, a Emasa não consegue fazer nada direito. Uma obra mal planejada e mal executada transformou em verdadeiro inferno uma rua do Goes Calmon.

Todo mundo preso

Os moradores da Rua B não conseguem entrar ou sair de casa, porque a Emasa revirou toda a terra e largou assim. Com a chuva dos últimos dias, a terra virou lama e quem tenta passar acaba com o carro atolado. Só sai com trator.

Idiotice oficial

Não tem como dar certo. Ao mesmo tempo em que insiste para o eleitor fazer o cadastro biométrico até o dia 31, o TRE já avisa que quem não aparecer terá outro prazo, esticado até o fim de maio. Adivinha o que vai acontecer.

Muita conversa...

O governo do estado anunciou um edital para “melhorar os serviços e a produção” dos artesãos na Bahia que, diz, “ganharam um importante incentivo”. E que “a expectativa é de que o artesanato baiano alcance novo patamar”.

...pra pouca coisa

O valor investido é de R$ 5 milhões em dois anos. Fazendo as contas, são R$ 2,5 milhões por ano, R$ 208.300 por mês, para atender 13 mil artesãos. Ou seja, R$ 16 por artesão a cada mês. Não é nada, não é nada mesmo, Rui...

Esqueceu, foi?

Em 9 de outubro o governador Rui Costa fez uma festa imensa para assinar a duplicação da Rodovia Ilhéus - Itabuna, com fogos e show, e prometeu o início das obras “em 90 dias”. O prazo acabou e ele nem toca mais no assunto. E aí?

Enrola eleição

Rui também fez fanfarronice dizendo que “se o governo federal não enviar a verba, o estado faz com recurso próprio”. O governo federal só mandou R$ 9 milhões, dos R$ 105 milhões que a obra precisa. Rui vai cobrir ou enrolar até 2019?

Não é novidade

O alcaide Fernando Cuma atrasar salários não é novidade. Toda vez em que foi prefeito saiu devendo 5 meses de salário aos servidores. Que, bestas que são, fizeram campanha para ele em 2016. Estão colhendo o que plantaram.

Marretadas

Parece piada pronta o Sindserv, sindicato dos servidores, exigir pagamento dos salários atrasados. Fez campanha para eleger Cuma, não representa nada, não é nem recebido pelo prefeito. A única certeza é que vai ficar pior ainda.

Papo furado

Servidores estão dizendo que não vão deixar barato, caso os salários não sejam quitados até o carnaval. Vão fazer manifestação e bloquear a saída dos trios elétricos. Se fosse em outro governo dava para acreditar. Mas nesse aí...

Vergonha coletiva

A prefeitura, o MP e a imprensa jabá até agora não explicam como o prefeito ficha suja Fernando Cuma vai bancar o carnaval se não tem dinheiro para pagar o 13º e o salários dos funcionários. Todos estão criminosamente calados.

Ruim de conta

O secretário de administração de Itabuna, o primeiro sobrinho Son Gomes, não foi bom aluno no fundamental e parece ser ruim de contas. Disse em entrevista que o município só vai gastar R$ 90 mil com o carnaval. Não lê o D.O.

Chega a R$ 1 mi?

O Diário Oficial do município mostra as contratações para o carnaval: são R$ 432 mil com banheiros químicos e trios, mais R$ 32 mil com decoração, fora palanques, iluminação, atrações, etc. R$ 90 mil não dá nem pra caixa 2.

Toneis de peroba

R$ 470 mil com a TVI, R$ 493 mil com banheiros químicos e trios elétricos, R$ 90 milhões com lixo, R$ 23 milhões para gerir uma UPA e o prefeitim alega não ter dinheiro para pagar salários. Mas fique alegre, porque vai ter carnaval.

Vigiando pequenos

policia ambiental A Cippa Ambiental fiscalizou os vendedores na feira do Malhado e na BR perto do Teotônio Vilela, para impedir a venda de caranguejos-uça, que estão em período de defeso (e reprodução), ou seja, não podem ser capturados.

Perdendo os grandes

Mas, enquanto se empenhava em fiscalizar ambulantes e pequenos bares, os caranguejos eram vendidos, sem cerimônia, em certas cabanas da Praia do Sul no último fim de semana. Em quantidade bem maior que a apreendida.

É bem verdade

O prefeito ficha suja Fernando Cuma diz que os servidores que reclamam de salário atrasado durante o dia são os que vão encher a avenida no carnaval à noite. E que logo que receberem, vão esquecer a chiadeira. Nisso ele tem razão.

Colheita

A maioria dos professores que hoje, através do sindicato, reclamam dos salários atrasados votaram no ficha suja para prefeito, que tinha como slogan de campanha uma marreta. Vão ter que aguentar as marretadas. Reclamar de que?

“Meu pirãu premêro”

Dizem que a secretaria de Saúde de Itabuna fez contrato com a Maternidade da Mãe Pobre por R$ 600 mil a mando do prefeito Cuma, que alega não pagar salários e fornecedores por falta de dinheiro. Mas para o pirão familiar tem.

Farra na folia

Parece que os vereadores de Itabuna resolveram lançar blocos para desfilar no carnaval e estão buscando recursos com quem vai disputar eleição. O candidato Sérgio Gomes está bancando a folia, fazendo festa com chapéu público.

Passaporte VIP

Dizem que a vereadora Charliane exigiu de Sérgio Gomes 1.000 camisas e R$ 3 mil em espécie para bancar seu bloco. Outros vereadores são vistos constantemente na sede da maternidade. Pelo jeito serão muitos blocos nessa avenida.

É um bichano

Parece que o prefeito ficha suja Fernando Cuma passou o comando da Ficc para Jorge Vasconcelos e Sérgio Gomes, que administram os contratos do carnaval. O presidente Daniel Leão não tem nenhum poder, é só figurante de luxo.

Ilusão a toa

Descobriu-se que, durante o cortejo do Senhor do Bomfim, a chuva de papel picado “do povo” para ACM Neto, o prefeito de Salvador, foi arrumada por indicado em cargo de confiança na prefeitura. Marcou ponto com o chefinho.

|