VISITA AO GINECOLOGISTA
DISTÚRBIOS HORMONAIS
INFECÇÕES VAGINAIS
INFECÇÕES URINÁRIAS
INFLAMAÇÃO PÉLVICA
ENDOMETRIOSE
MIOMA
OVÁRIOS POLICÍSTICOS

VISITA AO GINECOLOGISTA
o que é o teste papanicolau
ROTINA DE EXAMES
CUIDADOS COM O ÚTERO
ATENÇÃO AOS SEIOS
PRECAUÇÕES COM A PELE

FREQUÊNCIA ANUAL
Toda mulher que teve ou tem vida sexual deve consultar o ginecologista uma vez por ano para fazer o exame de toque, pélvico e colher material para o teste de papanicolaou.
O exame interno ou pélvico, aquele feito com ajuda do espéculo, permite ao médico coletar material e observar o colo do útero, como se chama a entrada do órgão, atrás de sinais de corrimentos indesejáveis, de doenças.e suspeita de câncer. O câncer cervical, também chamado de câncer de colo do útero ainda afeta muitas brasileiras (clique aqui para saber mais).
No exame de toque com apalpação abdominal o ginecologista consegue perceber se existe alguma irregularidade nos ovaries, trompas de falópio e no útero.
OUTRA FREQUÊNCIA

Os casos em que o exame pélvico deve ser repetido e menos de um ano:

  • Sangramento fora das menstruações ou fluxo menstrual muito intenso
  • Sangramento após a menopausa
  • Irritação ou coceira nos genitais ou corrimentos suspeitos
  • Dor e sangramento durante a relação sexual
  • Presença de sinais estranhos como manchas, verrugas ou vermelhidão na vulva (a região da entrada da vagina).