INFORMACÃO<Entrevista << DRA. REGINA RHEINGANTZ MOTTA>>

A Dra. Regina Rheingantz Motta é médica veterinária, graduada pela Universidade de São Paulo, com curso de especialização em Homeopatia Veterinária, pela Escola Médica Homeopática Argentina, de Buenos Aires. Com mais de dez anos de experiência clínica de pequenos animais, participa como professora convidada de cursos de homeopatia para veterinários . É autora do livro "Nosso Filho, O Cachorro, Cuidados e Carinhos" da Editora Saraiva. Segundo a autora estamos vivendo uma nova realidade, de melhor amigo do homem, o cão se tornou um membro da família, seu filho! Na entrevista abaixo Regina fala das vantagens da homeopatia para os animais.

 

 

 
 

AU! Qual a diferença entre um tratamento convencional e a homeopatia? Qual seria sua aplicação nos animais?

Regina "Ao contrário da alopatia que se preocupa em tratar os sintomas isolados, por exemplo para um cãozinho que tenha uma inflamação de ouvido, o remédio alopático vai ser um anti-inflamatório, um antibiótico, etc, visando apenas tratar aquele sintoma. Já na homeopatia é diferente, um medicamento homeopático trata o organismo como um todo. Se o animal está com uma otite, não é só o ouvido que está com problema, mas o organismo como um todo que está doente e se manifesta no ouvido."

AU! Qual a vantagem desse tipo de tratamento?

Regina "A vantagem da homeopatia sobre a alopatia é que você trata o animal por inteiro, equilibrando o organismo e levando todos os órgãos a funcionar corretamente, gerando mais saúde para o animal. Além de ter um custo bem inferior aos medicamentos alopáticos. Outro ponto de suma importância é a ausência de efeitos colaterais. Na homeopatia não se encontram os efeitos colaterais que já são conhecidos na alopatia, tais como no uso da cortizona, que pode trazer problemas renais e até problemas cardíacos. Os próprios alopatas sabem das contra-indicações dos medicamentos e não é rara a notícia de que tal medicamento utilizado no tratamento é suspenso do mercado por ter efeitos colaterais fortes. Já a homeopatia está aí há duzentos anos e nada se comprova de ruim, ao contrario só efeitos benéficos."s


ilustrações:Fernando Gonzales

AU! Existem remédios específicos para tratamento de animais?

Regina "Existe uma grande confusão entre a homeopatia e tratamentos através de plantas, que é a Fitoterapia. Ainda têm pessoas que pensam que a homeopatia se refere a tratamento com "chazinhos" e com "plantinhas"...Na verdade os medicamentos homeopáticos são feitos tanto através de plantas como também de animais e minerais. Como exemplo existem remédios de homeopatia que são feitos de uma flor, outro que é feito através de uma barata (remédio para asma), abelha (reumatismo e doenças inflamatórias) e do reino mineral (ouro, platina, ferro). Os remédios de homeopatia originam-se do reino vegetal, mineral e animal. Esses remédios sofrem uma manipulação específica e com técnica apropriada no preparo do medicamento homeopático."

AU! Esses remédios são exclusivos para animais?

Regina "Não. O mais interessante é que os medicamentos homeopáticos atuam tão bem nos animais como nas pessoas, não sendo necessário desenvolver medicamentos específicos para animais."

AU! Como está a homeopatia aplicada aos animais aqui no Brasil?

Regina "Tem poucos profissionais especializados, mas já existem associações de veterinários homeopatas, que inclusive até o mês passado eu era a presidente da Associação dos Homeopatas do Estado de São Paulo. Sempre temos congressos nacionais e internacionais. Na Europa e Estados Unidos está mais difundido."

Au! Há alguma restrição no tratamento homeopático para animais?

Regina Não. Não tem nenhuma restrição. O que acontece muitas vezes, é que as pessoas procuram a homeopatia como um milagre. Após fazerem inúmeros tratamentos sem obterem uma solução procuram a homeopatia esperando um milagre. E a homeopatia não faz nenhum milagre. Ela vai fazer tudo que o organismo tem condições de fazer, utilizando a energia do organismo e estimulando o processo de cura".

saiba mais sobre o livro
Nosso Filho, o Cachorro

 
  
conheça também: