INFORMAÇÃO<Guia de raça << FOX PÊLO DURO >>
  


FOX PÊLO DURO: UM CONQUISTADOR

 
 



Saiba por que este cão desperta paixão em quem com ele convive e conheça algumas provas realizadas no exterior para testar suas habilidades na caça. Este cão que combina coragem com graça, beleza com inteligência e alegria com dignidade, tem seduzido de modo especial muita gente. Se num primeiro contato ele já chama a atenção por sua bonita pelagem, crespa e dura, aparada de forma a deixar uma charmosa barbicha no queixo e grossas sobrancelhas, há algo nele que vai muito além e consegue conquistar definitivamente quem com ele convive.

CARISMA

Entre os tantos que se deixaram levar pelo carisma do Fox Terrier Pêlo Duro está Leana Lee Lewis, do Camberley Kennels, São Paulo-SP, quando tinha apenas 4 anos. "Assim que vi a foto numa revista apontei para ela e ganhei meu primeiro exemplar. De lá para cá se foram 42 anos e só tive Fox Terrier Pêlo Duro. Adoro os cães, mas há algo especial nesta raça que só convivendo dá para entender. São espertos, inteligentes e malandros. Só falta falarem". Outro entusiasta é Rubem Almeida, do Canil Komainu, Porto Alegre-RS. "Ele é inteligente, esperto, não há igual. Crio também Akitas, Bull Terriers e American Staffordshire Terriers, mas nenhum é corajoso como este baixinho". Evelyn de Moraes, do Canil Miss Evelyn, Belém-PA, é mais uma fã. "Criei várias raças, mas esta é minha preferida. São inteligentes, comunicativos e incansáveis caçadores. Pegam mucuras (espécie de gambá) e chegam a chacoalhar árvores de pequeno porte para que elas caiam. Cercam gatos, matam calango (pequeno lagarto). Um até quebrou a pata ao pular atrás de um pássaro no vôo e cair de um muro de 2 metros". Maria Helena Pimentel do Canil Lady Ellen, São Paulo-SP, que tem 20 fêmeas da raça, complementa: "eles são muito ágeis. Pegam realmente pássaros no vôo e são ótimos para caçar ratos". Maria Schrader do Canil Marikabru de Teresópolis-RJ é outra que se rendeu a seus encantos. "São um amor. Com 1 mês de idade já latem ao me ver. Precisam tomar conta do dono e da casa. São ciumentos, levados e inteligentes. Com apenas 5 aulas um deles aprendeu a pular por um aro".

TOCA ARTIFICIAL

Nas origens o Fox Pêlo Duro perseguia raposas nas Ilhas Britânicas (fox = raposa) até se enfiarem na toca, onde entrava e latia chamando o dono, que para tirá-lo de lá puxava-o pela cauda. Atualmente, há provas de trabalho da FCI - Federação Cinológica Internacional, sem as quais ele não pode concorrer a títulos nacionais em alguns países. Na Europa, a França é um deles. Lá usam uma toca artificial que permite verificar o avanço do cão através de pontos de inspeção. O Fox deve conduzir, com seus latidos, uma raposa colocada no "túnel" até uma caixa situada no seu final, onde a deve manter confinada por pouco tempo. A raposa habitua-se a esta rotina e pode tornar-se muito valente e difícil, complicando a tarefa dos cães principiantes. Na Grã-Bretanha, país não filiado à FCI, esta prova não existe. Os criadores ingleses não querem prejudicar a pelagem de seus cães, mas, em compensação, não podem ganhar prêmios em outros países da Europa. Nos estados Unidos praticam-se competições por esporte. No prazo de 30 a 60 segundos conforme a prova, os cães devem entrar numa toca artificial e latir ao localizar ratos (protegidos por uma grade) no final dela.

 
FICHA

Cor: predomina o branco com marcações pretas e castanhas (fogo).

Orelhas: pequenas, em "V", dobram, ficando 2 terços caídos para a frente, rente às faces, com as pontas na altura dos olhos.

Escolha do filhote: nasce com todas as manchas pretas e com 1 ou 2 meses define a cor fogo na cabeça e em marcações no dorso e patas. Dentes alinhados de modo que os de cima encostem nos debaixo (tesoura). Não conseguir abrir a boca por inteiro significa problema na arcada dentária. Pernas encurvadas para fora podem ser corrigidas com a prática de exercícios intensos.

Amputação: de 1/3 da cauda na primeira semana. Quando adulto, ao esticar a ponta da cauda esta deve alinhar com a cabeça.

Tamanho: machos com 8,2 quilos e 39 cm de altura. Fêmeas ligeiramente menores.

Pelagem: escovação diária. Tosa periódica (a cada 3 meses) ou stripping, para exposições, que consiste em arrancar o pêlo com as mãos ou com uma faca especial para que renasça mais duro. Banhos em excesso eliminam a gordura que ajuda a proteger o pêlo.

Atividade: tem muita energia. Gosta de passear e de fazer bastante exercício diariamente.

Expectativa de vida: 10 anos.

 

Agradecemos aos criadores pelas longas entrevistas e revisão do texto final. Reportagem: Silvia Kochen. Edição de texto: Marcos Pennacchi. Foto: Luiz Henrique Mendes. Prop.: Canil Lady Ellen.
Direitos autorais do texto: Cães&Cia, é proibida a reprodução total ou parcial do texto

 
  
conheça também: