Segredos para cobrir cabelos brancos

Dez experts revelam seus truques de coloração para atender a clientela grisalha com resultado de primeira

 
COBERTURA LEVE
A cliente te m pouco s cabelo s bra nco s, de 10% a 30% dos fios, dispersos pela cabeça ou localizados em certas regiões, como na parte frontal

1. As necessidades (ocultas) da sua cliente
“O primeiro passo é conversar e descobrir por quais problemas ela passa com os brancos e que tipo de expectativa tem com a cobertura”, recomenda Claus Borges, do salão 1838, em São Paulo. Pode ser que, além de disfarçar o grisalho, ela queira aproveitar para mudar o visual. Ou está determinada a voltar a ter exatamente o mesmo cabelo de antes.

2. Mecha inversa com plaquete
Anderson Couto, consultor do programa Superbonita, do canal GNT, e hairstylist do salão Majestic, no Rio de Janeiro, indica esse procedimento para clientes com fios brancos bem-localizados, como nas têmporas, por exemplo. “Divido o cabelo e, com a plaquete, aplico o tonalizante apenas nas mechas grisalhas”, diz.

3. Fio a fio minimalista
Quando a quantidade de grisalhos é pequena, Claus Borges adota a técnica fio a fio. “Separo bem os brancos com papel ou na prancha e deixo o tonalizante agir ao ar livre, sem embrulhar as mechas”, revela.

4. Tonalizante babado
“Essa coloração curinga serve tanto para disfarçar como corrigir as pontas claras devido ao desbotamento por fator ambiental (sol) ou mecânico”, diz Anderson Couto.

5. Mechas: disfarce perfeito
Clientes com grandes áreas na parte frontal, principalmente perto das têmporas, podem dar um upgrade no visual com esta técnica, sugerida pelo cabeleireiro Claus Borges: abrir mechas na parte frontal com papel-alumínio e descolorante e, em seguida, aplicar tonalizante para cobrir os fios brancos e igualar a cor.

6. Sombreamento salvador
O truque usado pelo cabeleireiro Alex Safra, do Espaço Be, em São Paulo, para cobrir áreas grisalhas em cabelos escuros, sem risco de ocorrer avermelhamento, é misturar o tonalizante com um pigmento. “A receita para os pouco volumosos é ½ tubo de tonalizante com ½ centímetro de pigmento verde”, revela. No caso dos claros, use o cinza. Outra vantagem desse procedimento é aumentar a penetração da cor no fio branco.

7. Fonte de calor na pausa
O cabeleireiro Felipe Ribeiro, do salão Nuance Beauty, no Rio de Janeiro, turbina a ação do tonalizante com fonte de calor – ele usa o Climazon. “Quando a pausa de 20 minutos é feita com emissão de calor, ocorre abertura das cutículas, permitindo que o pigmento artificial penetre um pouco mais no fio”, explica o hairstylist. Para dar certo, no entanto, é importante deixar os cabelos esfriarem 10 minutos até o fechamento das escamas antes de enxaguar. “Deixe secar ao ar livre ou jogue ar frio do secador, mas longe da cabeça”, diz.

8. Oxidante dosado
Na hora de atender clientes com cabelos brancos distribuídos pela cabeça, o hairstylist Julio Crepaldi, do salão Galeria, em São Paulo, usa tonalizante, mas diminui o oxidante pela metade. “Em vez de usar 60 ml de OX, use 30 ml e acrescente 30 ml de água. A força do produto vai diminuir e o resultado ficará natural”, diz.

*Veja 22 dicas para cobertura média e intensa de fios brancos na edição 194, mês abril: http://bit.ly/cabelos194

Nicole Ramalho e Sandra Hirata

publicidade