Como recuperar o dano de um cabelo liso sem brilho e com frizz?

Tem uma dúvida e quer perguntar para o Sylvio Rezende? Mande um e-mail para redacaocabelos@duettoeditorial.com.br

Foto: Shutterstock
 
Um cliente de cabelo liso e comprimento médio fez um corte que deixou os fios sem brilho e com muito frizz. Como posso recuperar o dano?

Felipe Pereira, por e-mail

Olá Felipe! Com relação à perda do brilho, ela deve ter acontecido devido ao uso incorreto do secador ou da chapa, ou mesmo pelo fato de já haver uma tendência ao ressecamento, pois não há relação direta com o corte. Quanto às pontas, se o corte foi feito com navalha ou tesoura mal-afiada, elas realmente ficam com um aspecto espigado. Para sanar o problema, invista em seções de selagens, cauterizações ou hidratações, que vão devolver movimento e brilho. É importante também evitar fazer luzes ou mechas, pelo menos até a restauração completa. Abraços.

Depois de fazer uma escova texana em outro salão, o cabelo de uma cliente quebrou e caiu muito, especialmente durante a primeira lavagem. As madeixas estão extremamente danificadas. Qual a melhor opção de tratamento? 

Rebeca Alves, por e-mail

Oi Rebeca! Pelo que você me conta, o mais provável é que tenha havido um choque químico. Isso acontece quando ativos como o formol, ou mesmo tioglicolato e guanidina, são aplicados de forma incorreta sobre fios quimicamente tratados. Aí a estrutura fica totalmente comprometida, o que causa quebra e queda. Além de muitos tratamentos reconstrutores à base de queratina líquida e proteínas, para ajudar a devolver a elasticidade e recompor a estrutura, um bom corte também seria muito bem-vindo. Experimente fazer um degradê repicado, que é uma boa alternativa para eliminar as pontas ressecadas. Beijos!

 

 

Uma cliente castanha adora ser loira, mas de uns tempos para cá o cabelo dela passou a ter pontas tão ressecadas que precisamos cortar. Como prevenir esse problema?

José Carlos dos Anjos, por e-mail

Amigo José Carlos, em fios escuros isso é normal, pois na hora de descolorir, usamos pó descolorante de 30 ou 40 volumes, o que deixa as pontas mais espigadas do que o habitual. Outro fator importante pode ser a falta de hidratação, algo essencial para os descoloridos. Indique bons leave-ins e máscaras reconstrutoras à base de óleo de ojon, que é um ativo com propriedades nutritivas e que protegem o cabelo. Além disso, aconselhe o uso moderado do secador e da chapa. No salão, o ideal é aparar a cada dois meses, além de fazer tratamentos reconstrutores. Um grande abraço e até mês que vem!

 

 

Sylvio Rezende, hairstylist e dono do salão Tony by Sylvio Rezende - Edição: Patrícia Santos

publicidade