21-02-2009
Dicas de Carnaval


Carnaval sempre foi sinônimo de lazer. Mas atualmente é sinônimo de
bêbados brincando de Felipe Massa na estrada, diarréia,controladores de vôo esquizofrênicos e aeromoças na TPM.

Por isso, não se espante se, durante este período, você entrar num
avião e ele tiver cobrador e catraca. E também se a maioria dos passageiros estiver de pé, segurando um corrimão, e o piloto - com o alto-falante ligado em pleno vôo, gritando:

- Pessoal da executiva, “um passinho à frente” . Pessoal da econômica, parando de respirar”.

Mas cuidado mesmo você deve ter pra nunca pegar uma companhia aérea daquelas moderninhas e econômicas. É que elas estão instituindo a famosa contêiner-class, onde os passageiros viajam no porão mais apertados do que orçamento de aposentado.

A seguir, outras dicas para a temporada de Momo:

- É sempre bom viajar com uma cópia da certidão de nascimento dos filhos menores. Mas o ideal mesmo é viajar sem as certidões e sem os filhos menores.

- Não devolva o carro alugado com o tanque cheio de Kuat. Na hora da entrega, o motor pode engasgar e você vai passar um tremendo vexame na frente da sua família.

- Verifique qual a voltagem da corrente elétrica do lugar que irá visitar. Se for passar o Carnaval em território nacional não precisa, aqui não tem corrente elétrica mesmo.

- Não coloque sua sogra dentro do cofre existente no quarto de hotel. Há hotéis que cobram pelo serviço e não vale a pena gastar tanta grana com aquela mocréia.

- Evite levar armas na bagagem, especialmente em viagens à faixa de Gaza e favela da Rocinha. Lá você pode adquirir seu armamento pesado até em lojas de conveniência.

- Se a sua viagem for em grupo, não se esqueça de procurar um psiquiatra antes do embarque. Você pode precisar de antidepressivos.

- Ainda sobre grupos, checar se seu pacote conta com a assistência de um terapêuta especialista em pessoas dissociadas viajando juntas para locais potencialmemte estressantes pode ser uma boa medida.

- Se for à DisneyWorld procure se controlar e não agredir fisicamente o Pateta e o Mickey. Lembre-se que para seus filhos eles não são dois monstros representantes do imperialismo ianque.

- Nas viagens aéreas, leve sempre uma muda de roupa na bagagem de mão. Muita gente só se conhece completamente após passar por sua primeira turbulência.

 
 
Veja também:

Crônicas
O Caseiro do Presidente
Aboboral
Limeriques e Casteliques
Letras
Privadas do Mundo
Nestor & Laika
E-mails dos Leitores

Castelorama - Home page

Fale com Castelo

 
 

Crônicas  O Caseiro do Presidente  Aboboral  Limeriques e Casteliques  Letras  Privadas do Mundo  Fale com Castelo