• Cidade

Casa Santa Terezinha deixa Santa Cruz

ECONOMIA — Após oito anos, rede resolve fechar as portas da filial de Santa Cruz do Rio Pardo com o acirramento da crise econômica


Depois de oito anos na cidade, filial vai fechar as portas em Santa Cruz do Rio Pardo; descontos chegam a 60%
Em trinta dias a Casa Santa Terezinha deve fechar as portas em Santa Cruz do Rio Pardo. A loja opera na cidade há oito anos, na rua Conselheiro Dantas. Segundo a direção, a medida é considerada “preventiva” pelos rumos da crise econômica. A unidade será transferida para o Paraná. Na verdade, a Santa Terezinha sentiu os efeitos da concorrência com grandes magazines instaladas em S. Cruz, como J. Mahfuz, Lojas Cem e Casas Bahias.
De acordo com o gerente comercial da rede, Everaldo Claro, a loja de Santa Cruz é a única que apresenta problemas de lucratividade, embora toda a rede sinta dificuldade. “No caso de Santa Cruz a decadência já ocorre há tempos”, admite o gerente.
Claro explicou que a filial de Santa Cruz do Rio Pardo será “transferida” para uma cidade do Paraná, onde paga-se menos imposto por conta da guerra fiscal. “Além disso, a unidade santa-cruzense fica muito próxima de Ourinhos, onde a rede também está presente. E isso faz com que muitos clientes comprem nesta cidade”, aponta. O gerente comercial acrescenta que o fluxo de clientes estava baixo e que foi feito um estudo antes de anunciar a decisão. “O desenvolvimento não corresponde mais às expectativas da loja Santa Terezinha”, explica.
O gerente disse que a rede está preocupada com o mercado e resolveu fechar a unidade em Santa Cruz como medida de prevenção. “A empresa decidiu não esperar os problemas chegarem, fechando as portas antes de registrar prejuízo”, alega. O prédio pertence à rede e será alugado.
A expectativa é que a loja encerre suas atividades nos próximos trinta dias. Todo o estoque está sendo liquidado, com descontos que chegam a 60%. A decisão vai desempregar seis funcionários.
A Casa Santa Terezinha tem 64 lojas espalhadas pelos estados de São Paulo, Paraná e Rondônia.