Praias

Ilha da Gigóia: O paraíso quase escondido da Barra da Tijuca

Aproveite o feriado de Tiradentes para conhecer este pólo gastronômico ao lado do Metrô Jd. Oceânico. Neste ano, três restaurantes da ilha participam do Comida di Buteco


Entrada da Ilha da Gigóia | Foto: Divulgação Comida Di Buteco
Entrada da Ilha da Gigóia | Foto: Divulgação Comida Di Buteco

Uma ponte estaida no meio da Barra da Tijuca, um metrô que viaja com passageiros de diferentes regiões, trânsito da Avenida Armando Lombardi e a imponente Pedra da Gávea mostram para as pessoas como o caos e a beleza estonteante caminham juntos na metrópole carioca.

E no meio dessa mescla "natureza x stress", existe uma vila rústica e charmosa: a Ilha da Gigóia. Já no metrô uma placa aponta como chegar nesse pequeno paraíso.

Ao sair da estação Jd. Oceânico é só caminhar poucos metros em direção a lagoa para encontrar os chamados "barco táxi". Pode ficar a vontade para tirar todas as dúvidas com os barqueiros.

Ao entrar na ilha, o visitante se depara com casinhas coloridas e muitos restaurantes. No arquipélago temos empreendedores de todas as idades: é jovem que tem lan house  e vende deliciosos picolés, são garotas que saem com uma cestinha com seus brigadeiros com morango e senhoras que adoram um bom papo e aproveitam para vender saladas de frutas e brownie. Toda essa atmosfera com crianças correndo felizes nas ruas, sem intervenções de carros ou motos. É um clima de interior em plena cidade grande.

A Ilha que antigamente não era muito conhecida vem dando o ar da sua graça e se firmando como um excêntrico pólo gastronômico da Barra da Tijuca. Tanto que a edição do Comida Di Buteco traz três estabelecimentos concorrendo neste ano: O Poderoso Buteco, Cais Bar e Bar Caiçara.

A temática do bar "O Poderoso Buteco" é toda inspirada nos filmes da Máfia. O ambiente é de extremo bom gosto e é comandado pelo chef de Curitiba Willian Rodrigues. E o prato que vem na disputa é o "O Poderoso Escondidinho". Ele é feito com risoto de quinoa e bombom de alcatra ao molho de champignon fresco e linhaça. O preço sai menos que R$26.

O Poderoso Escondido | Foto: Reynaldo Peixoto
O Poderoso Escondido | Foto: Reynaldo Peixoto

Já no Cais Bar, a bola da vez é o "Canudinho de Camarão Gigoiano": o petisco é frito com recheio de camarão acompanhado por geléia de nozes. A melhor maneira de saborear esse petisco é quando o sol está se pondo, o cenário é de tirar o fôlego.

Canudinho de Camarão Gigoiano | Foto: Divulgação Facebook Cais Bar
Canudinho de Camarão Gigoiano | Foto: Divulgação Facebook Cais Bar

E por último o Bar Caiçara que traz uma experiência que mistura comida boa, cerveja gelada, arte e música tudo em um único local. A delícia que eles vão trazer para este ano no concurso é o prato "Cananéia": Sardinha cozida com folha de bananeira e especiarias, conservada no azeite de oliva, servida com vinagrete de quinoa e uma cestinha de pão fresco. É para comer de joelhos.

Prato Cananéia do Bar Caiçara | Foto: Divulgação Comida Di Buteco
Prato Cananéia do Bar Caiçara | Foto: Divulgação Comida Di Buteco

E aí? Já está pronto para conhecer a Ilha da Gigóia?

Serviço:

"O Poderoso Buteco"
Alameda Dalton Barreto, 40A
Terça a Sexta, 16h às 1h
Sábado, 15h às 1h
Telefone: (21)
99693-4975

"Cais Bar"
Alameda dos Ingás, 190
Domingo a Quarta 12h às 19h - quinta a sábado 12h às 22h
Telefone: (21) 2495 - 6532

"Bar Caiçara"
Rua Sebastião Aquino, 170
Quarta a sábado, das 17h à meia-noite.
Domingo, das 13h às 20h.
Telefone: (21) 2484-7983

Ana Carolina Surita



recomendado para você


na web