Praias

Praias do Piauí e Delta do Parnaíba

Surpreenda-se com o menor litoral do país

Danielle Forte - 3/9/2014

Em um país cujo litoral possui mais 7 mil quilômetros de extensão e abrange 17 estados, os 66 km que pertencem ao Piauí podem passar despercebidos por turistas que buscam belas praias. Mas, ao contrário do que se pode imaginar, o estado com o menor litoral do Brasil (menos de 1% do total) guarda paisagens surpreendentes.

Na divisa com o Maranhão está o principal ponto turístico da região, o Delta do Parnaíba, um fenômeno raro da natureza em que, ao contrário do comum - o rio desaguar no oceano por um braço único -, o curso da água se ramifica, criando vários caminhos até o mar. O fenômeno também é observado, por exemplo, na embocadura do rio Nilo, na África.

A Costa do Delta, no extremo norte do Piauí, abrange cinco municípios (Buriti dos Lopes, Luís Correia, Cajueiro da Praia, Ilha Grande e Parnaíba) que respondem por 35% da região do delta do Rio Parnaíba - o restante pertence ao Maranhão e é chamado de Delta das Américas.

Dunas, mangues, igarapés, lagoas, rios e praias constituem cenários indescritíveis. Por ali, o Sol brilha o ano inteiro, a água do mar é morna e o vento sopra brisa suave. A revoada de Guarás (ave cuja plumagem fica cada vez mais vermelha dado o pigmento dos crustáceos base se sua alimentação) é imperdível. O safári noturno para avistamento de fauna (jacarés, cobras, iguanas e pássaros) é uma opção inesquecível para os amantes da natureza.

Praias do Piauí

Atalaia é a praia mais conhecida e urbanizada do litoral piauiense, tem bares e restaurantes distribuídos pela orla e é pioneira no estado na questão de acessibilidade. Já a praia do Coqueiro é a mais badalada, com casas de veraneio e point de kitesurfistas.

Quem busca tranquilidade a beira mar encontra em Arrombado, onde o mar é agitado e em determinadas épocas do ano há desova de tartarugas. A praia de Barra Grande oferece condições perfeitas para o aprendizado de kitesurf e passeios ecológicos de caiaque ou canoa, por manguezais e igarapés, inclusive um berçário de cavalos marinhos.

Famosa pelo pôr do sol mais bonito da região, a praia da Pedra do Sal tem formação rochosa exótica e é divida em dois lados, o Manso e o Bravo - propício para o surf. Imperdível, a praia do Pontal, acessível apenas de barco, está situada em área de preservação ambiental e é formada por uma extensa faixa de areia que separa as águas do rio e do mar.

Onde ficar?

Hotel Casa de Santo Antônio

Criado a partir da recupeação de um imóvel tombado no século passado, o hotel dispõe de 22 suítes decoradas individualmente, piscina, jacuzzi e sala de massagens.

Contato: (86) 3322 - 1900

Resort Carnaubinha 

48 suítes, piscina, sala de jogos, loja de artesanato e até um mirante onde, em determinadas épocas, é possível avistar o Peixe Boi Marinho.

Conato: (86) 3323 - 4068

Pousada dos Ventos

Opção de apartamento econômico, completo ou luxo. Conta com piscina, playground e lan house.

Contato: (86) 3322 - 2177

Como chegar?

O Aeroporto Internacional Senador Petrônio Portella, em Teresina está localizado a aproximadamente 330 km do município de Parnaíba. Neste ano, a AZUL Linhas Aéreas passou a operar vôos semanais no Aeroporto Internacional de Parnaíba partindo de Campinas (SP), Fortaleza (CE) e Teresina. A empresa Guanabara faz o  trajeto de ônibus partindo da capital até Parnaíba em diversos horários.

Mais informações sobre turismo no Piauí, acesse: www.turismo.pi.gov.br