ctrl+h [alt+h]ctrl+a [alt+a]ctrl+f [alt+f]ctrl+m [alt+m]ctrl+x [alt+x]ctrl+t [alt+t]
Site Web
Mac-e-Dúvida
Na "hora do show", qual produto se destacou?
iPod
iTunes
iTV
Filmes na iTMS
iPeroba
MP.Parcerias
Seja Atípico
Seja Atípico
MP.Giro
Atualizado em:
19/12/2007 10:35:17

Informação na Velocidade da Maçã Quinta, 27 de novembro de 2008

BPL: Internet mais veloz e barata via rede elétrica Print E-mail
11 Out 2005 às 15:15, por MacPress

Já sendo realidade em partes dos Estados Unidos e na Europa, o fornecimento de acesso à Internet em alta velocidade através da rede de energia elétrica está tornando-se conhecido por uma sigla que você deve anotar: BPL (Broadband Power Line, ou "linha de força de banda larga").

Escrevendo para o MercuryNews, Dean Takahashi acha que pode soar como maluquice que o mesmo pessoal que trouxe aos americanos os blecautes e quedas de energia prometa de repente acesso em alta velocidade à Internet. Mas, segundo ele, após anos de incubação, os observadores da indústria dizem que isso está prestes a acontecer.

"Experiências já começaram e espera-se grandes novidades em 2006", diz Takahashi. "O serviço, chamado BPL, pode ser mais barato e mais rápido que os serviços DSL em linhas telefônicas ou TVs a cabo que hoje fornecem conexões à Internet a muitos domicílios americanos."

Segundo ele, a cidade de Manassas, no estado da Virginia, acaba de completar uma rede BPL por toda a cidade, implementada por uma empresa privada que oferece acesso à Internet a 12,5 mil residências.

Ingo Schonberg, CEO da PowerPlus Communications, na Alemanha, disse que sua empresa oferece serviço BPL a mais de 300 mil domicílios na Europa e já tem mais de 10,5 mil assinantes nas cidades de Manheim (Alemanha) e Linz (Áustria).

Takahashi explica que o serviço BPL tem uma característica em comum com o do acesso à Internet via TV a cabo: o compartilhamento de banda. As residências na área de cada sub-estação de energia têm que compartilhar o acesso à Internet. Ou seja, quando mais assinantes na vizinhança, mais lento será o acesso em cada casa.

Em compensação, assinantes residentes em áreas rurais onde telefone e TV a cabo não chegam poderão ser beneficiados pela nova tecnologia.

Takahashi diz que o serviço BPL será benéfico também para as próprias distribuidoras de energia, pois possibilitará que gerenciem suas redes mais eficientemente.

Gary Stuebing, gerente de uma rede de energia em Charlotte, Carolina do Norte, disse que as empresas de energia geralmente só tomam ciência de problemas no fornecimento quando recebem queixas dos usuários. Mas, com o sistema BPL, uma tecnologia de rastreamento poderá ser habilitada para permitir às empresas saber exatamente quantas casas consomem energia e até em quais endereços está havendo roubo de energia.

"Para nós, isso abre as portas para uma rede mais produtiva", disse Stuebing. "Podemos licenciar nossas linhas para o fornecimento de serviço de acesso à Internet em alta velocidade, telefonia via Internet, serviços de vídeo, segurança e outros, também." 
Notícias Relacionadas
ClassifiMac
©2003-2009 MacPress - Todos os direitos reservados.
Logotipos e marcas exibidos neste site são propriedade de seus detentores legais.
As opiniões expressas em artigos, colunas e comentários são responsabilidade dos respectivos autores e podem não refletir a opinião do MacPress.
Compatível com HTML 4.01/W3C
O MacPress gera RSS compatível
Gerenciado com Mambo Open Source
Retorna à Home do MacPress