ctrl+h [alt+h]ctrl+a [alt+a]ctrl+f [alt+f]ctrl+m [alt+m]ctrl+x [alt+x]ctrl+t [alt+t]
Site Web
Mac-e-Dúvida
Na "hora do show", qual produto se destacou?
iPod
iTunes
iTV
Filmes na iTMS
iPeroba
MP.Parcerias
Seja Atípico
Seja Atípico
MP.Giro
Atualizado em:
19/12/2007 10:35:17

Informação na Velocidade da Maçã Quinta, 27 de novembro de 2008

IBM quer reduzir custo de uso do Linux e do Macintosh Print E-mail
12 Fev 2007 às 15:00, por MacPress

EM anúncio feito ontem (11/2) a International Business Machine (IBM) disse que pretende oferecer ao mercado corporativo sistemas de software aberto cujo custo de manutenção para computadores Macintosh ou PCs com Linux será semelhante àqueles dotados de software Microsoft, o que melhoraria as perspectivas econômicas das alternativas ao Windows.

Segundo Eric Auchard e Michael Kahn, da agência Reuters, o Open Client Offering mescla software da própria IBM com outros desenvolvidos por ela em parceria com Novell e Red Hat. O intuito é esclarecer dúvidas quanto à relação custo-benefício de computadores rodando software Apple ou Linux em redes mistas contendo também máquinas Windows.

"A IBM afirmou que o novo software torna viável para grandes empresas oferecer a seus funcionários a escolha entre software Windows, Linux ou Mac OS em seus computadores usando o mesmo código-base de software. Isso reduz os custos de manutenção do Linux ou dos Apple com relação ao Windows", dizem Auchard e Kahn.

Ainda segundo eles, o Open Client é uma investida contra a rival de longa data Microsoft, pois desobriga as empresas de pagar licenças de software da Microsoft para produtos que não mais dependem do Windows. A jogada da IBM foi feita no momento em que os tomadores de decisões das empresas estudam quando (ou se) faz sentido migrar para o Windows Vista, da Microsoft, observam Auchard e Kahn.

"Trabalhamos com a comunidade de software open source e descobrimos meios de escrever programas que funcionam não importa o sistema operacional. Os programas rodam em Windows, Macintosh ou Linux", disse Scott Handy, vice-presidente de Linux e software open source da IBM.

Auchard e Kahn contam também que, como alternativa a produtos Microsoft, a IBM oferecerá seu Open Document Format para tarefas como processamento de texto, planilhas e apresentações, juntamente com programas Lotus de colaboração, mensagens instantâneas e blogs, e ainda o navegador web Mozilla Firefox, principal rival do Internet Explorer da Microsoft.

"A IBM acredita que usar seu software pode reduzir o custo de administração, manutenção e assistência nas redes das empresas que precisam operar não só Windows como outros programas", disse Handy, conforme citado por Auchard e Kahn. Eles contam também que centrais de atendimento ao cliente da IBM em países como Brasil, Índia, Europa e outros onde há escritórios da IBM tomarão parte no projeto. Pela primeira vez, usuários de computadores Apple na IBM também receberão suporte pelo Open Client.

Mais detalhes no artigo completo de Auchard e Kahn. 
Notícias Relacionadas
ClassifiMac
©2003-2009 MacPress - Todos os direitos reservados.
Logotipos e marcas exibidos neste site são propriedade de seus detentores legais.
As opiniões expressas em artigos, colunas e comentários são responsabilidade dos respectivos autores e podem não refletir a opinião do MacPress.
Compatível com HTML 4.01/W3C
O MacPress gera RSS compatível
Gerenciado com Mambo Open Source
Retorna à Home do MacPress