ctrl+h [alt+h]ctrl+a [alt+a]ctrl+f [alt+f]ctrl+m [alt+m]ctrl+x [alt+x]ctrl+t [alt+t]
Site Web
Mac-e-Dúvida
Na "hora do show", qual produto se destacou?
iPod
iTunes
iTV
Filmes na iTMS
iPeroba
MP.Parcerias
Seja Atípico
Seja Atípico
MP.Giro
Atualizado em:
19/12/2007 10:35:17

Informação na Velocidade da Maçã Quinta, 27 de novembro de 2008

Jobs é preferência secreta de Gates para substituí-lo na MS, diz Economist Print E-mail
22 Jun 2006 às 15:10, por MacPress

WILLIAM Henry Gates III, ou simplesmente Bill Gates, presidente e "arquiteto-chefe de software" da Microsoft, negaria até a morte, mas a pessoa que mais admira por seu talento e a quem teria escolhido para sucedê-lo como arquiteto de software certamente é o CEO da Apple Computer, Steve Jobs.

A opinião é da revista The Economist, que acha também que Jobs, co-fundador da Apple e vítima dos instintos comerciais predatórios de Gates durante os anos 80 e 90, não pode ser considerado disponível, já que está ocupado conduzindo a ressurreição da Apple como fabricante de produtos que, na opinião de seus fãs, humilham a Microsoft.

Assim sendo, diz o The Economist, não restou a Gates alternativa senão cortejar nos últimos anos alguém que vem logo atrás de Jobs em sua lista de ídolos: um pioneiro do software chamado Ray Ozzie.

É interessante notar que quase toda reportagem, matéria, artigo ou mesmo simples nota referente à partida de Gates da Microsoft usa a expressão "a maior empresa de software do mundo" ao invés de "a melhor empresa de software do mundo", título que, indubitavelmente, cabe à Apple Computer.

É também interessante lembrar que, nos primeiros dias, Gates também promoveu o Macintosh, da Apple, como mostra o vídeo abaixo.


Naquela época, segundo observa Ann Winblad, ex-namorada de Gates, citada por Michael Gross no livro "My Generation" (publicação da Cliff Street Books/HarperCollins), Gates não só admirava o Macintosh e possuía um como também era literalmente fã de Steve Jobs. No livro, Gross conta que Winblad estava com Gates em uma apresentação de Jobs quando Gates confessou a ela: "Algum dia serei tão bom orador quanto ele. Como faço isso? Vou trabalhar nisso." 
Notícias Relacionadas
ClassifiMac
©2003-2009 MacPress - Todos os direitos reservados.
Logotipos e marcas exibidos neste site são propriedade de seus detentores legais.
As opiniões expressas em artigos, colunas e comentários são responsabilidade dos respectivos autores e podem não refletir a opinião do MacPress.
Compatível com HTML 4.01/W3C
O MacPress gera RSS compatível
Gerenciado com Mambo Open Source
Retorna à Home do MacPress