Publicidade

 




OhaYO! na Copa - O Adeus da seção!
01/07/2006
Escrito por: David Denis Lobão
Editado por: David Denis Lobão
Hoje apresentamos a última capa especial temática: OhaYO! na Copa. Graças a eliminação da seleção brasileira por um a zero contra a França em um jogo onde o Brasil praticamente “não jogou”.

Nesta capa de despedida, a seção Flashback OhaYO! mostra uma matéria exclusiva sobre “Hi Hi Puffy AmiYumi”, o desenho que continuou “bombando” no Ibope, mesmo durante os jogos do mundial da Fifa.

“Hi Hi Puffy AmiYumi” tem vencido os jogos da Copa do Mundo de Futebol exibidos pela Rede Globo na parte da manhã. A maioria das vitórias ocorreram durante compactos dos jogos do dia anterior, mas mesmo assim mostra o poder da animação de vencer a cobertura do mundial na audiência.

No dia 22/06, o SBT ficou em primeiro lugar no Ibope, das 9h54 às 10h38, com média de 7 pontos, empatando com a Globo na liderança do horário. Já no dia 21, foram 8 pontos de média contra 7 da Globo.

Música, confusões e estilo
(por Danilo Saraiva)

O desenho “Hi Hi Puffy AmiYumi” surgiu de uma proposta do Cartoon Network associado a agentes japoneses para transformar as cantoras em animação. Depois de muitas negociações, a série estreou na televisão americana recebendo muitos elogios. Não demorou para que elas se espalhassem pelo mundo.

A história traz as duas cantoras do pop tentando se dar bem no mundo da música e tendo que aturar as palhaçadas do empresário Kaz, que ao invés de ajudá-las, sempre as coloca nas maiores encrencas.

A animação é bem feita, produzida pelo mesmo estúdio dos Cartoon Cartoons que envolvem clássicos como “Dexter”, “A Vaca e o Frango” e “As Meninas Super Poderosas”. A comédia escrachada é típica destes desenhos também.

Sim, elas existem
(por Danilo Saraiva)

Muita gente dúvida que as garotas Ami e Yumi existem na vida real, mas o fato é que elas são realmente roqueiras e moram em Tóquio, no Japão (ainda que na maior parte do tempo elas estejam rodando o mundo).

Ami entrou no mundo da música ao enviar uma fita com uma canção gravada para a Sony Music. Já Yumi começou participando de festivais de canto e de música pop no Japão. O marketing em torno delas foi tão alto, que hoje raramente as duas podem sair na rua sem estarem cercadas de seguranças.

Além do desenho americano, as meninas possuem um talk-show no Japão, onde apresentam convidados e conversam com o público através de telefonemas e uma linha inteira de produtos voltados ao lucro das duas.

Fotos: Divulgação Web

Produzido por ©YAMATO CORPORATION - Conteúdo por ©YAMATO EDITORA - Design por ©T2 Studio - 2004/2009
Copyright: Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da ZN Editora.