Publicidade

 




Os verdadeiros “Super Campeões”
09/06/2006
Escrito por: Caio de Souza
Editado por: David Denis Lobão e Caio de Souza

Nada melhor do que, no dia da estréia da Copa do Mundo de Futebol, apresentarmos o ‘super campeão’ da categoria nos animes: “Captain Tsubasa”!

Selo do Leitor - A mais pedida

Na nossa última promoção Capa da Semana, o anime “Super Campeões” foi o mais votado pelos nossos leitores e é a nossa capa desta sexta-feira. Semana que vem você confere a segunda colocada, tudo sobre a dublagem do filme “O Grito”. Abaixo você confere o resultado. Obrigado a todos que participaram.

"Super Campeões" – 38 %
"Zatch Bell!" – 21 %
“Demon Lord Dante” – 15%
"O Grito" – 26 %

Os “Super Campões”

"Captain Tsubasa" é uma série de sucesso, não só no Japão, mas também na Europa e na América do Sul. Protagonizada por Tsubasa Ozora, um garoto do primário que rouba a cena com sua habilidade extraordinária com a bola de futebol. Logo, o garoto entra para o time do colégio, e participa das competições internas com pinta de craque brasileiro.

Com o tempo, Tsubasa chega também a ingressar em campeonatos grandes, e até mesmo internacionais. A cada instante nós vemos novos jogadores, times, habilidades e propostas.

O anime conta com mais três séries, sendo duas mais atuais também foram exibidas por aqui: "Captain Tsubasa J", há muito tempo atrás, na antiga Tv Manchete; e "Captain Tsubasa Road to 2002", exibido pelo Cartoon Network e reprisado há algumas semanas.

Conhecida aqui no Brasil como “Supercampeões”, a série nos apresenta incríveis movimentos com a bola em campo, alguns que podem até mesmo se comparar com os mais poderosos golpes dos “Cavaleiros do Zodíaco”. São uma variedade imensa de técnicas de futebol, que vão da mais simples "bicicleta" (que é chamada, oficialmente, de "Overhead Kick"), até às mais absurdas e fantásticas, como o "Neo Cyclone Shoot" e o "Chotsukaku Tornedo Feint".

Referências ao Brasil também não faltam. Tsubasa, na série, chega a ser contratado pelo "São Paulo Futebol Clube", e vêm jogar no Brasil. Antes e depois disso, o garoto conhece muitos craques e olheiros brasileiros (e muitos deles são homenagens a pessoas que existem, ou existiram de verdade, como Parreira, Tostão ou Casagrande).

O autor

O autor do mangá, Yoichi Takahashi, de 44 anos, é fã incontestável do mundo dos esportes, e, em especial, do futebol. Sua carreira como ‘mangaká’ de sucesso iniciou-se quando ele enviou a proposta de “Captain Tsubasa” (que era, até então, apenas uma história de 32 páginas) para a revista “Shonen Jump” (criada em 1968 e responsável por outras posteriores publicações de extrema importância, como “Dragon Ball”), em 1981. Antes disso, no entanto, ele já havia escrito e desenhado outras obras com o futebol como tema principal.

Yoichi diz que sua paixão pelo futebol nasceu aos 17 anos, quando presenciou, pela televisão de um restaurante, uma partida entre times italianos. A partir dali, sua paixão pelo esporte estaria firmada, e seria a razão de um dos maiores sucessos do mangá e do anime dos últimos tempos.

Dragon Screamer

Para encerrar, nada melhor do que uma parte traduzida da música favorita dos fãs de ‘”Captain Tsubasa”, a música Dragon Screamer, do grupo “DA PUMP”:

WHY? Será o líder de uma era?
WHO? É mais esperto do que parece?
FOOL! Deixar seu coração seco só faz piorar
FIGHT! Por que não chorar de vez em quando?

Veja como eu corro para o amanhã
Meu novo "eu" não vai ser confundido
Quem terá pensado que
Ainda há muito mais para alcançar!

Produzido por ©YAMATO CORPORATION - Conteúdo por ©YAMATO EDITORA - Design por ©T2 Studio - 2004/2009
Copyright: Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da ZN Editora.