Publicidade

 

Cybertron, o embrião dos VR Troopers
11/09/2007
Escrito por: Leandro Cruz
Editado por: David Denis Lobão e Cezar Jr.

Já não é mais novidade que a série “Power Rangers” nada mais é que uma ‘releitura’ americanizada das séries Super Sentai (seriados de heróis coloridos) da Toei Productions, como “Changeman” e “Flashman”, exibidas todo ano na TV japonesa e adaptadas no ano seguinte nos Estados Unidos.

Além dos heróis coloridos, a Saban (produtora original dos Rangers) ainda "recriou" heróis de outros gêneros do tokusatsu (seriados japoneses com efeitos especiais), como “Kamen Rider” e “Metal Heroes”. A obra mais famosa da empresa depois de “Power Rangers” com certeza é "VR Troopers", que foi exibida no Brasil pela Rede Globo.

O que quase ninguém sabe é que a série tinha outro nome e enredo antes: "Cybertron". O piloto original contava a história de um grande lutador de artes marciais que, depois de ter seu pai desaparecido misteriosamente, recebe a missão de enfrentar um exército de robôs chamados War Drones, liderados pelo Imperador Grimlord. Nada de realidade virtual ou coisa do tipo.

Sim, alguns nomes haviam sido mantidos neste ‘piloto’, mas em “Cybertron” temos mais algumas curiosidades:

- “Cybertron” seria um herói solo, e apenas a série “Metalder” (exibida no Brasil pela Bandeirantes) seria adaptada. Para “VR Troopers”, adicionaram mais dois heróis e adaptaram também a série “Spielvan” (conhecida também como "Jaspion 2" no Brasil);

- O Alter ego do herói era Adam Steele, interpretado por ninguém menos que Jason Davis Frank, o Tommy de “Power Rangers”. Depois da mudança, o nome mudou para Ryan Steele e o ator principal passou a ser Brad Hawkins;

- Como dito antes, não existia nada relacionado a realidade virtual. O mentor de Adam era seu professor de artes marciais, Tao Chong, ‘aproveitado’ na versão final. Cybertron se transformava através de um cristal protegido por Tao;

- A identidade humana de Grimlord era Cyros Riktor, depois foi alterada para Karl Ziktor. Seu filho, Percy Riktor, era rival de Adam Stelle nas artes marciais.

A série teve seu nome trocado devido a problemas de direitos autorais por parte da Hasbro, proprietária dos “Transformers” e dona do nome “Cybertron”.

Confira aqui a apresentação do episódio piloto de “Cybertron” e depois comente na nossa comunidade no Orkut:

Será que "Cybertron" teria sido melhor do que "VR Troopers"?

Video de "Cybertron"


Uma história bem diferente da original


O mestre

O herói

A lutadora
Produzido por ©YAMATO CORPORATION - Conteúdo por ©YAMATO EDITORA - Design por ©T2 Studio - 2004/2009
Copyright: Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da ZN Editora.