Publicidade

 




Novo seriado da TV Cultura vaza na internet
30/03/2009
Escrito por: David Denis Lobão
Editado por: Tom Marques

Quando a sexta temporada de “24 Horas” estreou nos Estados Unidos, os quatro primeiros episódios vazaram na internet. Na ocasião falaram que foi de propósito, uma jogada de marketing, para alavancar o mais fraco ano de Jack Bauer. No entanto, tempos depois, “acharam” o responsável e ele foi punido. A rede de TV americana FOX, durante todo o processo se esforçou para tirar os vídeos do ar de sites como o YouTube e outros do gênero.

Já na Folha de São Paulo de hoje (30), o jornalista Daniel Castro noticiou que todo o primeiro episódio de “Tudo o que É Sólido Pode Derreter“, novo seriado da TV Cultura, está há duas semanas na internet. A pergunta que não quer calar é: Se está a DUAS SEMANAS na rede, porque a emissora e os produtores ainda não tiraram do ar?

A série adolescente é grande aposta da emissora para este semestre, mas só estreia no próximo dia 10, quase nem nenhuma divulgação e ninguém saber que ela existia até hoje. Ela estava tão por baixo que até sexta-feira, apenas 1.200 pessoas tinham assistido à primeira parte do programa no YouTube.

Dirigida por Rafael Gomes, 26, um dos produtores do vídeo “Tapa na Pantera“, fenômeno de audiência na internet, “Tudo o que É Sólido” mistura o cotidiano de uma adolescente com os livros que ela lê. Cada um dos 13 episódios dialoga com uma obra exigida em vestibular, como “Dom Casmurro”, “Senhora” e “Macunaíma”. A Cultura não chegou a formar uma comissão de sindicância, mas nega que o vazamento tenha sido proposital. E o diretor completa afirmando: “’Tapa na Pantera’ não vazou de propósito. Fomos ingênuos, mandamos cópias para festivais”, diz Gomes.

Imagens: Divulgação

Produzido por ©YAMATO CORPORATION - Conteúdo por ©YAMATO EDITORA - Design por ©T2 Studio - 2004/2009
Copyright: Todos os direitos reservados - É proibida a reprodução do conteúdo desta página em qualquer meio de comunicação, eletrônico ou impresso, sem autorização escrita da ZN Editora.