Klever Kolberg e Equipe Valtra no Facebook Klever Kolberg e Equipe Valtra no Twitter
Klever Kolberg e Equipe Valtra no You Tube Klever Kolberg e Equipe Valtra no Flickr
Notícias
WRC - Loeb vence o Rally da Espanha e Ogier reassume a liderança do Mundial por Assessoria de Imprensa - (imprensa@parisdakar.com.br)
29/10/2018


Sébastien Loeb / Daniel Elena (Citroën C3 WRC)
Foto: Divulgação - Jaanus Ree



Sébastien Ogier / Julien Ingrassia (Ford Fiesta WRC)
Foto: Divulgação - Jaanus Ree



Thierry Neuville / Nicolas Gilsoul (Hyundai i20 Coupe WRC)
Foto: Divulgação - Jaanus Ree


O francês Sébastien Loeb (Citroën C3 WRC) venceu o Rally da Espanha, 12ª e penúltima etapa do Campeonato Mundial de Rally - WRC. Seu compatriota Sébastien Ogier (Ford Fiesta WRC) foi o segundo colocado, seguido do britânico Elfyn Evans (Ford Fiesta WRC).

Com o resultado cresceram as chances de Ogier conquistar o sexto título consecutivo. O pentacampeão mundial retomou a liderança da temporada, superando em três pontos o belga Thierry Neuville (Hyundai i20 Coupe WRC), quarto colocado na etapa.

O rally não teve um bom início para Neuville. Na manhã da quinta-feira, dia 26/10, ele capotou durante o shakedown. Os mecânicos conseguiram recuperar o carro a tempo de Neuville participar da primeira especial. Ela foi realizada durante a tarde. O belga conseguiu fazer o segundo melhor tempo, mas viu Ogier ser o mais rápido e assumir a liderança provisória.

Na sexta-feira o estoniano Ott Tänak (Toyota Yaris WRC) cumpriu o que havia prometido. Partiu para o ataque num ritmo alucinante, venceu a SS2 e foi segundo na SS3, assumindo a ponta e abrindo uma vantagem sobre todos os adversários. O finlandês Jari-Matti Latvala (Toyota Yaris WRC) venceu a SS3 e assumiu a segunda colocação, seguido pela surpreendente performance de Elfyn Evans.

Tanak ampliou a vantagem com o segundo melhor tempo na SS4, vencida pelo norueguês Andreas Mikkelsen (Hyundai i20 Coupe WRC). Latvala era o mais rápido até o meio do trecho cronometrado, mas um pneu furado acabou com a possibilidade de assumir a liderança.

Ogier ocupava a quinta colocação, seguido do compatriota Sébastien Loeb, que em sua segunda aparição em 2018 mostrava estar em plena forma, relembrando os tempos em que dominou a prova espanhola por oito edições seguidas. Neuville estava afastado, na oitava colocação. O líder do campeonato não encontrava um bom ritmo.

Pilotando em casa, o espanhol Dani Sordo venceu a SS5 e ficou mais próximo do pódio, assumindo a quarta colocação, enquanto Latvala tentava se recuperar, vencendo a SS6.

Tänak fechou a sexta-feira com 26,8 segundos de vantagem sobre Sordo. O estoniano mostrou superioridade e domínio sobre todos os adversários. Elfyn Evans concluiu o dia numa sólida terceira colocação.

Com o resultado parcial a briga pela liderança do campeonato ficaria muito acirrada, já que Ogier era o sétimo e Neuville o nono.

O sábado trouxe um cenário totalmente diferente. Do cascalho para o asfalto. O piso também ficou úmido com a chuva noturna. Com o público não respeitando as áreas de segurança, a organização da prova se viu obrigada a cancelar a primeira especial do dia, a SS8.

Tänak venceu a SS9 e ampliou sua vantagem na liderança, mas o estoniano cometeu um erro na SS10 e perdeu quase dois minutos com um pneu furado, devastando o resultado e caindo para a nona colocação.

Nestas novas condições Sordo brilhou e assumiu a liderança, mas viu Latvala vencer a SS10 e se aproximar, assumindo a segunda colocação, com uma diferença de apenas 0,3 segundos.

Loeb manteve a quarta colocação, com Ogier em quinto e Neuville escalando da nona para a sexta colocação.

O sábado terminou com um novo líder. Latvala foi o quarto a comandar a prova, mostrando uma incrível recuperação. O dia também terminou bastante positivo para Ogier. O pentacampeão havia amanhecido na sétima posição, mas com uma escolha certa de pneus para o asfalto úmido, subiu para a vice-liderança, resultado que lhe garantiria o retorno ao topo da classificação, ficando mais próximo do sexto título.

Falando em muitos títulos, Loeb, o nove vezes campeão do mundo, também mostrou que continuava afinado com seu navegador Daniel Elena, concluindo o sábado na terceira colocação, muito próximo de Ogier e Latvala.

Neuville também subiu na tabela, da nona para a quinta colocação, fazendo crescer a expectativa de um domingo muito intenso.

E o dia final de competição começou emocionante com um Loeb inspirado. O francês foi o único a arriscar na escolha dos pneus de composto duro e levou a melhor sobre os adversários na SS15 e SS16, pulando da terceira posição para a liderança do rally.

A briga pelo título da temporada ficou ainda mais intensa com Ogier caindo para a terceira colocação e Neuville assumindo a quarta posição após superar Evans.

Ogier venceu a SS17 e se aproximou de Loeb, mas Latvala cometeu um erro e caiu para a sexta colocação, permitindo a Neuville subir para a terceira colocação.

A SS18 foi decisiva. Tänak foi o mais rápido no TV Power Stage, seguido de Ogier, Loeb, Evans e Sordo. Loeb teve um dia de sonho e venceu a etapa espanhola pela nona vez.

Neuville perdeu tempo ao tocar numa rocha e não conseguiu somar pontos adicionais. O belga acabou perdendo a terceira posição para Evans e também a liderança do Mundial para Ogier. A decisão de 2018 acontecerá na última etapa, na Austrália, entre os dias 15 e 18 de novembro.

Classificação final do Rally da Espanha:

1. S. Loeb / D. Elena (Citroën C3 WRC): 3:12:08,0
2. S. Ogier / J. Ingrassia (Ford Fiesta RS WRC): + 2,9
3. E. Evans / D. Barritt (Ford Fiesta RS WRC): +16,5
4. T. Neuville / N. Gilsoul (Hyundai i20 Coupe WRC): + 17,0
5. D. Sordo / C. del Barrio (Hyundai i20 Coupe WRC): + 18,6
6. O. Tänak / M. Järveoja (Toyota Yaris WRC): + 1:03,9
7. E. Lappi / J. Ferm (Toyota Yaris WRC): + 1:16,6
8. J.M. Latvala / M. Anttila (Toyota Yaris WRC): + 1:26,4
9. C. Breen / S. Martin (Citroën C3 WRC): + 2:07,0
10. A. Mikkelsen / A. Jaeger (Hyundai i20 Coupe WRC): + 2:48,2

Classificação do Mundial de Pilotos após o Rally da Espanha

1. Sébastien Ogier: 204 pontos
2. Thierry Neuville: 201 pontos
3. Ott Tänak: 181 pontos
4. Esapekka Lappi: 110 pontos
5. Jari-Matti Latvala: 102 pontos
6. Andreas Mikkelsen: 84 pontos
7. Dani Sordo: 71 pontos
8. E. Evans: 70 pontos
9. C. Breen: 61 pontos
10. H. Paddon: 55 pontos

Classificação do Mundial de Construtores após o Rally da Espanha

1. Toyota Gazoo Racing WRT: 331 pontos
2. Hyundai Motorsport: 319 pontos
3. M-Sport WRT – Ford: 306 pontos
4. Citroën Total Abu Dhabi WRT: 216 pontos



Itens relacionados:
»15/10/2018 Campeonato Mundial de Rallycross WRX - 11ª etapa - Alemanha: Johan Kristoffersson continua intocável
»08/10/2018 WRC - Ogier vence o Rally da Grã-Bretanha e reassume a vice-liderança do Mundial
»01/10/2018 Campeonato Mundial de Rallycross WRX - 10ª etapa - USA: Johan Kristoffersson vence e conquista o bic
»17/09/2018 Campeonato Mundial de Rallycross WRX - 9ª etapa - Letônia: 8ª vitória de Johan Kristoffersson em 201
»16/09/2018 WRC - Ott Tänak vence o Rally da Turquia e assume a vice-liderança do mundial
»04/09/2018 Campeonato Mundial de Rallycross WRX - 8ª etapa - França: 7ª vitória de Johan Kristoffersson em 2018
»20/08/2018 WRC - Ott Tänak vence o Rally da Alemanha, Neuville mantém a liderança com pódio
»29/07/2018 WRC – Ott Tänak vence o Rally da Finlândia, Neuville é nono e mantém a liderança
voltar para a página anterior | topo desta página | home do site

Klever Kolberg e Equipe Valtra no Facebook Klever Kolberg e Equipe Valtra no Twitter Klever Kolberg e Equipe Valtra no You Tube Klever Kolberg e Equipe Valtra no Flickr
www.parisdakar.com.br