Klever Kolberg e Equipe Valtra no Facebook Klever Kolberg e Equipe Valtra no Twitter
Klever Kolberg e Equipe Valtra no You Tube Klever Kolberg e Equipe Valtra no Flickr
Notícias
Rally Dakar 2019 – 1ª etapa com vitória brasileira na categoria UTV por Assessoria de Imprensa - (imprensa@parisdakar.com.br)
08/01/2019


Joan Barreda (Honda CRF 450 Rally)
Foto: Divulgação - DPPI



Nasser AL Attiyah / Matthieu Baumel (Toyota Hilux V8)
Foto: Divulgação - Marcelo Maragni



Reinaldo Varela / Gustavo Gugelmin (Can-Am Maveric X3)
Foto: Divulgação - André Chaco


A 1ª etapa do Rally Dakar 2019 foi realizada nesta segunda-feira (07/01). Os 334 veículos, divididos em 138 motos, 29 quadriciclos, 83 carros, 50 UTvs e 41 caminhões, percorreram um total de 331 quilômetros entre a capital Lima e a cidade de Pisco. O percurso começou com um trecho de deslocamento com 247 quilômetros, seguido da especial (trecho cronometrado) de 84 quilômetros com muita areia, dunas e um rio seco com muitas pedras.

Joan Barreda (Honda CRF 450 Rally) foi o mais rápido entre as motos. O espanhol está a 1'34" à frente do chileno Pablo Quintanilla (Husqvarna FR 450 Rally).. O americano Rick Brabec (Honda CRF 450 Rally) foi o terceiro colocado na etapa

Esta foi a 23ª especial vencida por Barreda no Dakar. O espanhol tem fama de perseguido pelo azar, mas demonstrou que continua sendo um dos mais rápidos. Na As diferenças na duas rodas ainda são pequenas. O francês Xavier de Soultrat (Yamaha WR 450 F) fecha o top 10 provisório. Ele está a 6 minutos do líder.

Os brasileiros Lincoln Berrocal e Marcos Colvero fizeram sua estreia no Dakar. Ambos com a KTM 450 Rally Replica, completaram a etapa na 95ª e 132ª colocações respectivamente.

Nos quadriciclos o argentino Nicolás Cavigliasso (Yamaha YFM 700 R), segundo colocado na categoria em 2018, também começou forte, abrindo uma vantagem de quase quatro minutos para seu compatriota Jeremías González Ferioli (Yamaha Raptor 700).

Nos carros a dupla formada dupla pelo catariano Nasser Al-Attiyah, bicampeão do Dakar (2011 e 2015) e o inglês Matthieu Baumel (Toyota Hilux V8), campeão do dakar em 2015 (Toyota Hilux V8) assumiu o comando da prova. Com o resultado Nasser chega a 32 de vitórias de etapa, sendo superado apenas pelo finlandês Ari Vatanen (50) e o francês Stéphane Peterhansel (41), um de seus adversários na prova que concluiu a etapa com a sétima colocação.

A dupla dos espanhóis Carlos Sainz e Lucas Cruz (Mini John Cooper Works Buggy), defensora do título de 2018, ficou com o segundo melhor tempo. A terceira colocação foi conquistada pela dupla do polonês Jakub Przygonski e o belga Tom Colsoul (Mini ALL4 Racing).

A dupla do francês Sébastien Loeb e o monegasco Daniel Elena (Peugeot 3008DKR) demorou a encontrar um bom ritmo. Eles perderam seis minutos para os líderes, ficando na 13ª posição. O nove vezes campeão do WRC nunca se declarou um fã de areia e dunas, terreno que deve marcar a 41ª edição da prova.

Nos UTVs a vitória foi brasileira. A dupla atual campeã da categoria, os brasileiros Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin (Can-Am Maveric X3), foi a mais rápida na especial mais curta desta edição. A segunda colocação ficou com a dupla formada pelos chilenos Francisco Lopez Contardo e AJ. Leon Quintanilla (Can-Am Maveric X3). O espanhóis Gerard Farres Guell e Daniel Oliveras Carreras (Can-Am Maveric X3) completaram o pódio da etapa.

A dupla dos brasileiros Marcos Baumgart/Kleber Cincea (Can-Am Maveric X3) ficou com a sétima colocação. Bruno Varela/Maykel Justo (Can-Am Maveric X3) fizeram o 10º melhor tempo. O navegador brasileiro Lourival Roldan, campeão da categoria em 2017, que este ano forma dupla com o português Miguel Jordão (Can-Am Maveric X3) na 11ª posição e a dupla Cristian Baumgart/Beco Andreotti (Can-Am Maveric X3) na 17ª colocação.

Nos caminhões vitória apertada do campeão de 2018, o Kamaz do russo Eduard Nokolaev. Os Iveco do holandês Ton Van Genugten e do argentino Federico Villagra chegaram praticamente colados.

Nesta terça-feira (08/01) será disputada a 2ª de 10 etapas, todas em território peruano. Os competidores deixam Pisco em direção a San Juan de Marcona. Serão 342 quilômetros cronometrados do total de 553 quilômetros a serem percorridos.




Itens relacionados:
»06/01/2019 Rally Dakar 2019 – Largada e favoritos das categorias Motos e Caminhões
»05/01/2019 Rally Dakar 2019 – Favoritos da categoria Carros
»04/01/2019 Brasileiros no Rally Dakar 2019
»03/01/2019 Rally Dakar 2019 - Cobertura ao vivo!
»10/10/2018 Rally do Marrocos 2018: Vitória de Toby Price nas motos e Nasser Al Attiyah nos carros
»20/01/2018 Rally Dakar 2018 - 14ª e última etapa SxS: Reinaldo Varela e Gustavo Gugelmin são campeões
»20/01/2018 Rally Dakar 2018 - 14ª Etapa Carros: Carlos Sainz é bicampeão
»20/01/2018 Rally Dakar 2018 - 14ª Etapa Motos: Matthias Walkner conquista o título
voltar para a página anterior | topo desta página | home do site

Klever Kolberg e Equipe Valtra no Facebook Klever Kolberg e Equipe Valtra no Twitter Klever Kolberg e Equipe Valtra no You Tube Klever Kolberg e Equipe Valtra no Flickr
www.parisdakar.com.br