Publicidade

 
         
Receba mensalmente
Scientific American
Brasil em sua casa






 

NAS BANCAS, GÊNIOS DA CIÊNCIA, Infinito

  Para adquirir esta edição especial, peça ao seu jornaleiro ou pelo telefone (11) 3038-6300 (de segunda a sexta-feira, das 8h30
às 20h00).

Caso você queira fazer seu pedido via internet, clique aqui.

Preço: R$ 11,90 + despesas com postagem.

*As edições especiais não estão incluídas nos pacotes de assinaturas.

Sumário:

6 A ciência do infinito
JAVIER DE LORENZO MARTÍNEZ
Esclarecer a diferença decisiva entre uma quantidade “infinita” e outra “tão grande quanto se deseje” custou aos matemáticos o trabalho de séculos. Agora eles já não podem abrir mão do infinito, embora jamais consigam apresentá-los em sua totalidade real

14 O infinito é um paradoxo para a matemática?
JEAN-PAUL DELAHAYE
Como pode o conjunto dos pontos de um quadrado ter o mesmo tamanho que o conjunto dos pontos de um de seus lados? A resposta está na teoria do infinito de Cantor

24 Da perspectiva ao infinito geométrico
JEAN-PIERRE LE GOFF
No século XVII, a geometria projetiva, originária da perspectiva e da teoria das cônicas, conferiu ao infinito a dimensão do real

32 A história do símbolo
MARIA REMENYI
O oito deitado não faz parte de uma linguagem secreta; sua utilização, ao contrário, permite obter maior clareza

34 A teoria do movimento no século
XVII MICHEL BLAY
A análise dos infinitésimos foi o passo decisivo para a construção dos conceitos de velocidade e aceleração instantâneas, bases da mecânica clássica newtoniana

41 O descontínuo de Cantor
ANDRÉ DELEDICQ
Os encarregados da limpeza do planeta Tri descobrem um conjunto de Cantor que torna aparentemente impossível executar a tarefa

42 A análise não-standard
JEAN-MICHEL SALANSKIS
A introdução de números infinitamente pequenos permitiu justificar – com dois séculos de atraso – os raciocínios logicamente duvidosos, mas na prática bem- sucedidos, do cálculo infinitesimal.

48 O infinito: teste decisivo para o construtivismo
ALLAN CALDER

Aquele que aceita um objeto matemático somente quando pode construí-lo torna sua vida desnecessariamente difícil – é o que dizem os formalistas. Mas é possível que num futuro longínquo, os físicos adotem a matemática construtivista

56 O infinitamente pequeno na física
HARALD FRITZSCH

As modernas teorias da física de partículas alcançaram enorme sucesso ao tratar os tijolos fundamentais da matéria como massas puntiformes

64 O infinitamente grande
GERHARD BORNER

A idéia de uma densidade inicial infinita do Universo escapa às explicações da física clássica e da teoria da relatividade

72 O infinito e o universo dos algoritmos
GILLES DOWEK

Diversas funções só podem ser calculadas por meio de procedimentos que, talvez, jamais cheguem ao fim

76 A aritmética necessita do infinito?
PATRICK DEHORNOY

Sim. Algumas seqüências numéricas, no início, parecem crescer para além de qualquer medida – mas, finalmente, terminam no zero. A prova disso só é possível com auxílio do infinito

82 O infinitamente vazio não existe
THIMOTHY BOYER

O vácuo clássico não é vazio. Mesmo sem matéria nem radiação térmica, o espaço ainda contém campos, partículas transitórias e ... energia

92 O infinito revelador
PATRICK DEHORNEY
A pesquisa de conjuntos hiperinfinitos não-construtíveis ajudou na descoberta de objetos matemáticos finitos e bem fundamentados

 




© 2002-2005 Scientific American Brasil. Todos os direitos reservados. Contentstuff.com