Sciam
Clique e assine Sciam
Notícias

Americanos mentem sobre uso de fio dental

Pesquisa revela que muita gente detesta praticar a importante higiene bucal

SHUTTERSTOCK
Kylie Gumpert / Agência Reuters

Mais de 25% dos americanos omitem de seus dentistas a verdade sobre o uso diário de fio dental e 36% alegam que prefeririam realizar uma tarefa bem desagradável, como limpar o banheiro ou trabalhar em suas declarações de imposto de renda.

De acordo com uma pesquisa realizada pela Harris Poll, em alguns casos passar fio dental é uma atividade menos agradável que escutar o som de unhas raspando em um quadro-negro ou crianças pequenas chorando em um ônibus ou avião.

A pesquisa foi realizada como parte da campanha nacional “Ame As Gengivas que Você Tem”, promovida pela Academia Americana de Periodontologia.

O grupo quer melhorar a conscientização popular para doenças da gengiva.

A pesquisa constatou que as três principais atividades desagradáveis que os entrevistados prefeririam fazer em lugar de usar fio dental são: lavar uma pia cheia de louça suja (preferência de 18%), limpar o vaso sanitário (14%) e aguardar em uma longa fila em um caixa de loja ou mercado (14% também).

Quando as respostas foram analisadas por cidade, os nova-iorquinos afirmaram estar mais dispostos a usar fio dental diariamente, enquanto em Atlanta, na Geórgia, as pessoas se mostraram mais propensas a serem honestas sobre a prática da higiene bucal quando perguntadas por seus dentistas.

Mas os entrevistados em Chicago, Illinois, admitiram que provavelmente prefeririam ficar sentados à toa em um engarrafamento de trânsito que passar fio dental.

De modo geral, mais de 25% dos participantes da pesquisa confessaram mentir para seus dentistas sobre a prática regular da higiene.

A pesquisa também revelou que 88% dos americanos provavelmente ou muito provavelmente diriam a um amigo se eles tivessem algo grudado em seus dentes; sendo que os habitantes da área de Washington, D. C. foram os menos propensos a fazer isso.

A pesquisa foi conduzida on-line no período de 20 a 30 de março a pedido da Academia Americana de Periodontologia.

A Harris Poll entrevistou 2.021 adultos nas 10 maiores cidades dos Estados Unidos.

 

Publicado em Scientific American em 24 de junho de 2015.