Sciam


Clique e assine Sciam
Notícias

Clima nos Estados Unidos quebra mais de 3500 recordes

Temperaturas extremas, chuva, neve, enchentes, incêndios e secas mais intensas durante 2012 

Mark Fischetti
Cortesia do Conselho de Defesa de Recursos Naturais dos Estados Unidos
 Recordes climáticos quebrados em 2012
Noticiários das últimas duas semanas apontaram que 2012 foi o ano mais quente já registrado nos Estados Unidos. Hoje descobrimos que 3527 recordes climáticos mensais foram quebrados em 2012, de acordo com o Conselho de Defesa de Recursos Naturais (NRDC). A conta excede os 3251 recordes estabelecidos em 2011, a máxima anterior.

O NRDC acabou de publicar um mapa interativo equipado com um slider que pode ser movido de janeiro a dezembro para mostrar onde temperaturas recorde, chuva, neve, enchentes, secas e incêndios estavam ocorrendo em qualquer dia do ano. Tabelas no website do mapa também listam datas, locais, e registros climáticos específicos.

Kim Knowlton, cientista sênior do NRDC, observou que a incidência cada vez maior de climas extremos despertou as comunidades ao redor do país para a necessidade de preparação e proteção.

Tennessee e Wisconsin lideram a lista de estados que tiveram a maior porcentagem de estações de monitoramento que registraram novos recordes de calor, com 36 e 31%, respectivamente.

O mês de março de 2012 foi o mais quente já registrado contiguamente nos Estados Unidos, e julho foi o mês individual mais quente da história.

O último verão boreal, também produziu a pior seca em 50 anos ao longo da seção medial da nação; 1300 regiões em 29 estados declararam estado de emergência devido a secas. Incêndios florestais queimaram mais de 3,7 milhões de hectares pela nação; o tamanho médio dos incêndios ficou em 65 hectares, excedendo em muito a média de 35 hectares no período de 2001 a 2010.

O NRDC declarou que o aumento de eventos climáticos extremos deve acelerar esforços estaduais e nacionais para reduzir emissões de dióxido de carbono (o condutor da mudança climática) e melhorar a eficiência energética, e deveria motivar governos locais e estaduais a desenvolver planos minuciosos para administrar emergências.

 
Nas bancas!                     Edições anteriores                                            Edições especiais                              
Conheça outras publicações da Duetto Editorial
© 2012 Site Scientific American Brasil • Duetto Editorial • Todos os direitos o reservados.
Site desenvolvido por Departamento Multimídia • Duetto Editorial.