Sciam
Clique e assine Sciam
Notícias

O invasor dourado

Após infestar rios do Sul e Sudeste, chega ao Rio São Francisco molusco asiático que prejudica flora, fauna e tubulações 

Newton P. U. Barbosa/CBEI
Originário da Ásia, o mexilhão-dourado (Limnoperna fortunei) foi detectado na América do Sul em 1991 na foz do Rio da Prata, na Argentina. Nas décadas seguintes ele se dispersou pelas bacias do Sul e Sudeste do Brasil, prejudicando a fauna e flora aquáticas e instalações de captação de água e geração de energia.

Em 2015 foi confirmada sua presença no reservatório de Sobradinho, na Bahia, no Rio São Francisco, bem próximo de um dos canais da obra de transposição, trazendo o risco de a invasão se alastrar para a Amazônia.

Pesquisadores do Centro de Bioengenharia de Espécies Invasoras, de Belo Horizonte (MG), que identificaram a presença desse molusco asiático em Sobradinho, escreveram um artigo especialmente para a Scientific American Brasil sobre essa história.

Leia o artigo completo na edição de janeiro da Scientific American Brasil.