Sciam


Clique e assine Sciam
Notícias

Pesquisadores descobrem curioso dinossauro com corcova

Espécie habitou atual território espanhol há cerca de 125 milhões de anos

Katherine Harmon
Cortesia de Raul Martin
Corcova era de osso sólido, ao contrário dos camelos
Alguns dinossauros tinham penas, outros, garras retráteis ou características únicas. Mas uma espécie recém-descrita é a primeira a ter uma corcova diferenciada.

Os terópodes de 6 metros de comprimento e conhecidos como Concavenator corcovatus extintos no atual território da Espanha há cerca de 125 milhões de anos. Ao contrário da corcova gorda de camelos, esse dinossauro carnívoro tinha a sua feita de osso sólido. E, como uma sutil característica, as vértebras XI e XII eram cinco vezes mais altas que o topo do restante das parcelas centrais.

“O esqueleto fossilizado está quase completo e bastante preservado”, revelam os pesquisadores e autores da descrição, publicada on-line em 8 de setembro Nature. Foi tão bem conservado ao longo do tempo que a equipe, liderada por Francisco Ortega, da Universidade Nacional de Educação a Distância em Madri, também encontrou evidências de folículos no antebraço do animal, indicação de que teria ostentado pelo menos algumas penas ou outros elementos salientes.

Outros dinossauros tinham elevações pronunciadas em sua espinha, em forma de picos, como o Stegosaurus sp, o que poderia ter sido usado para dimorfismo, armazenamento de gordura ou controle de temperatura.