Todo Dia
TodoDia Anuncie
Domingo, 19 de outubro de 2003
Em foco

Objeto do desejo

Malu Mader quer, com sua personagem em “Celebridade”, mostrar uma heroína atípica

Mariana Trigo/PopTevê - Rio de Janeiro (RJ)

  Tudo o que Malu Mader quer com a protagonista Maria Clara, em “Celebridade”, é mostrar uma heroína atípica. Nada de mulheres doces, sofredoras e extremamente sensíveis. Muito pelo contrário. A badaladíssima empresária e produtora de shows da trama de Gilberto Braga, na Globo, é o tipo de mulher autoritária e durona, que causa um certo temor nos personagens à sua volta. “Todo mundo diz que fazer vilão é mais legal e que heroína é chata. Não concordo, porque a Maria Clara não é tão boa assim. Às vezes, ela é grossa e sem tato”, avisa, com seus gestos largos e sorriso habitual.
  Mas, segundo a atriz, Maria Clara, que é o alvo de todas as atenções da imprensa de fofocas da trama, principalmente do inescrupuloso editor da fictícia revista “Fama”, Renato - personagem de Fábio Assunção -, está em mutação. Depois de construir uma sólida carreira produzindo shows internacionais, a empresária acredita que está na hora de casar e ter filhos. “Ela está com urgência de virar mulherzinha, quer encontrar um cara que a ame e ter neném. Ela quer largar um pouco essa vida de mulher macho, moderna, independente”, diverte-se Malu.
  Só que as primeiras investidas da personagem em busca desse amor idealizado vão naufragar logo no início da trama. A relação de Maria Clara com o namorado Otávio, um rico empresário interpretado por Thiago Lacerda, promete desandar quando ela percebe a furada em que está se metendo ao ficar noiva de um cara machista e mau-caráter. Em seguida, a produtora erra seu alvo novamente ao se envolver com o produtor de cinema Fernando, vivido por Marcos Palmeira, que é casado com Beatriz, papel de Deborah Evelyn. Mas a maré de má sorte de Maria Clara tende a acabar quando ela conhece o íntegro violonista Hugo, interpretado por Henri Castelli. “Ela não tem tato para escolher um cara legal. Está sempre mal cercada”, constata.
  Como se não bastassem os homens errados, Maria Clara também escolhe péssimas amizades, como dar abrigo e emprego para a dissimulada Laura, a obsessiva vilã mor da trama, vivida por Cláudia Abreu, que fará de tudo para arruinar a vida da empresária. Quem se diverte com toda essa desgraça é Malu, que brinca que Laura é o verdadeiro “par romântico” de Maria Clara. “O meu lance na novela é com ela. É uma relação de amor e ódio, uma loucura!”, brinca.
  Todo esse universo “pervertido” do mundo das celebridades, que mescla ambição, inveja, admiração e vaidade - e que a atriz de 37 anos está mais do que acostumada -, serviu de base para compor a personagem “Apenas passei a ficar mais atenta com a minha relação com a imprensa e vice-versa”, minimiza. Depois de alguns instantes de reflexão, Malu aprofunda a comparação. “Na verdade, a Maria Clara lida melhor com a imprensa do que eu. Fico constrangida com muitos fotógrafos”, jura.
  Mas o que realmente não constrange a atriz é relembrar sua carreira na tevê, que começou há 20 anos com a personagem Dóris na novela “Eu Prometo”, da mitológica Janete Clair, também dirigida por Dennis Carvalho. “Trabalhei a vida inteira com ele”, derrete-se.
  Porém, o verdadeiro xodó da atriz é o autor Gilberto Braga, com quem começou a trabalhar na novela “Corpo a Corpo”, em 1984. De lá para cá, a dobradinha se repetiu em mais cinco tramas: a minissérie “Anos Dourados”, em 1986, a novela “O Dono do Mundo”, em 1991, a minissérie “Anos Rebeldes”, em 1992, e a novela de época “A Força de Um Desejo”, em 1999. “Me sinto protegida trabalhando com ele. Tenho mais segurança porque sei em que terreno estou pisando. Assumo que realmente esperei o Gilberto voltar ao ar para voltar com ele”, avalia. Para logo emendar: “Numa trama, a última vez que senti um clima tão bom quanto este foi quando fiz a Lurdinha em ‘Anos Dourados’”, comemora.


Retrato falado

Cores da realidade

Juliana Alves, assim como sua personagem em “Chocolate com Pimenta”, já sofreu preconceito racial

Mariana Meireles/PopTevê - Rio de Janeiro (RJ)

  Interpretar uma personagem que vai sofrer preconceito racial em “Chocolate com Pimenta” tem significado especial para Juliana Alves. Além de já ter sentido isso na pele durante a infância, desde os 13 anos ela integra a ONG Crioula, que ajuda mulheres negras a resgatar a auto-estima, entre outros trabalhos. “Sempre me envolvi com essas questões. Sei o quanto é difícil”, afirma, antes de contar uma experiência própria. “Um dia eu e minha irmã estávamos brincando no condomínio onde morávamos e duas crianças branquinhas disseram que nosso lugar não era ali, mas na senzala”, relembra.
  Na trama das seis da Globo, Selma, a personagem de Juliana, vai se revoltar por não conseguir emprego como professora, mesmo tendo estudado para isso. Também vai sofrer preconceito no amor ao se apaixonar por Maurício, o neto do banqueiro Klaus, interpretados respectivamente por Victor Percoraro e Cláudio Corrêa e Castro. Será correspondida, mas o rapaz não assumirá o que sente. Como atriz, esse é o primeiro trabalho na tevê de Juliana, que se tornou conhecida do público ao participar da última edição do “Big Brother Brasil”. A oportunidade surgiu pelo fato de ter comentado no “reality show” que havia integrado um grupo teatral. “Por causa disso, a área de Recursos Artísticos da Globo me chamou para um teste, que ficou arquivado. O Walcyr Carrasco viu e gostou”, conta, referindo-se ao autor da novela.
  Juliana sempre foi ligada à arte. Além do teatro, integrou durante anos a escola de formação de bailarinos Centro de Dança Rio, mas teve de abandonar no último ano para participar do “Big Brother”. No momento, faz curso de interpretação na CAL, também no Rio de Janeiro. Antes de ser escalada para a novela, Juliana não imaginava que iria seguir carreira de atriz. “Via o Teatro como algo que gostava, mas nunca sonhei com isso para não me frustrar”, conta. E continua querendo manter os pés no chão. Tanto que cursa o primeiro período de Psicologia na UERJ e pensa em seguir a profissão. “Tenho de abrir o leque de opções. Quero trabalhar como psicóloga na área social e ser atriz ao mesmo tempo”, planeja.


quem é

Nome: Juliana Alves de Oliveira
Nascimento: 3 de maio de 1982
Na tevê: “Telejornais e programas de entrevistas”
Ao que não assiste na tevê: “Programas que exploram a vida das pessoas”
Nas horas livres: “Vou ao cinema e saio para dançar”
Livro: “Cidade de Deus”, de Paulo Lins
Música: “Final Feliz”, de Jorge Vercilo
Filme: “Janela da Alma”, de João Jardim
Prato predileto: Yakisoba de frango
O melhor do guarda roupa: Saia longa
Mulher bonita: Ana Paula Arósio
Homem bonito: O modelo Marcelo Silva
Cantor: Chico César e Jorge Vercilo
Cantora: Marisa Monte
Ator: Lázaro Ramos
Atriz: Drica Moraes
Escritor: O poeta Mário Quintana
Sinônimo de elegância: Honestidade
Arma de sedução: “Ser natural”
Melhor notícia: “Quando soube que ia fazer a novela”
Melhor viagem: “Várias para Arraial do Cabo, na Região dos Lagos do Rio de Janeiro”.
Animal de estimação: “Uma Yorkshire chamada Mel”
Perfume: Água de banho, da Natura
Programa de índio: “Passear em shopping cheio”
Filosofia de vida: “Não fazer com os outros o que não gostaria que fizessem comigo”
Inveja: “De quem canta bem”
Luxúria: “Namorar na praia”
Gula: “Massas”
Cobiça: “Sucesso profissional”
Ira: “Com falsidade e desonestidade”
Preguiça: “De sair para comprar pão de manhã”
Vaidade: “Ser bem compreendida. Quero sempre que todos me entendam”


Fora do ar

Avassaladora dedicação

Camila Morgado raspa a cabeça para gravar cenas do longa “Olga”

Cintia Lopes/PopTevê - Rio de Janeiro (RJ)

  É quase impossível não se emocionar após assistir às cenas do longa “Olga”, que mostra a trajetória da revolucionária Olga Benário, mulher do comunista Luis Carlos Prestes. No primeiro filme do diretor Jayme Monjardim, coube à atriz Camila Morgado a função de interpretar a personagem-título, que sofreu perseguição nazista na década de 30. Depois de ficar conhecida após estrear na televisão na minissérie “A Casa da Sete Mulheres”, na pele da romântica Manoela, a atriz precisou radicalizar. Para viver os momentos em que Olga é enviada ao campo de concentração em Barnimstrasse, Berlim, por exemplo, a atriz raspou a cabeça e passou a exibir um visual bem diferente. As cenas foram rodadas no hospital Frei Antônio, no Rio de Janeiro, no dia 10. “Nunca havia usado cabelos curtos antes. Muito menos ficar careca. Mesmo assim, estou me achando linda”, jura a atriz, que também emagreceu sete quilos e agora pesa exíguos 45 quilos.
  Mas parece que a mudança física não abalou tanto a atriz quanto a cena em que a pequena Anita, filha de Olga, é tirada dos braços da mãe. “Sem dúvida, foi a parte mais difícil e trágica. É difícil se distanciar quando a gente lida com os sentimentos de uma criança”, acredita a atriz de 28 anos. Realmente Camila não esconde a empolgação. Descoberta pelo diretor Jayme Monjardim, a atriz está ansiosa com o término das filmagens. “É a personagem mais importante da minha carreira. Interpretar Olga é como fazer uma sessão de auto-análise”, compara.
  Apesar da seriedade do tema, o clima das filmagens era de descontração. A veterana Fernanda Montenegro, inclusive, que interpreta a valente Leocádia Prestes, sogra de Olga, se divertia nos intervalos com um mini ventilador de pilha. Mas a postura sóbria da atriz ressurgia quando o assunto era a temática do filme. “É uma história que está muito ligada a nossa vivência política com vários personagens densos”, explica.
  Sem dúvida, a cena mais emocionante para Fernanda é quando Leocádia, ao lado da filha Lygia, vivida por Mariana Lima, recebe a neta dos braços de uma oficial alemã, interpretada por Eliana Guttman. “A Leocádia é uma verdadeira mãe-coragem. Ela vira o mundo para conseguir a guarda da neta”, conta. Esta, inclusive, é a primeira vez que Fernanda é dirigida por Jayme Monjardim. “Ele é o tipo de diretor que conduz o trabalho com muita delicadeza”, confirma Fernanda, que é considerada um amuleto de sorte pelos diretores estreantes. Apesar de não contracenar com Camila Morgado - segundo a história, Leucádia Prestes e Olga nunca chegaram a se conhecer pessoalmente -, Fernanda não economiza elogios a Camila. “É uma atriz que possui um completo domínio da visão cênica”, garante.
  A atuação de Camila Morgado não impressionou somente Fernanda Montenegro. O diretor Jayme Monjardim também garante que se surpreende a cada cena. “Ela está fazendo um trabalho fantástico. Sem dúvida, uma das melhores atrizes dessa nova geração”, acredita. Há poucas semanas de encerrar as filmagens de “Olga”, orçado em R$ 12 milhões, o diretor não esconde a ansiedade em ver o filme entrar em cartaz no circuito nacional. A previsão de estréia é abril de 2004. “Estamos próximo de conseguir um filme muito emocionante. Mas se as pessoas vão gostar ou não é outra história”, arrisca Jayme.
  A aparente insegurança do diretor talvez seja pelo fato de ser sua estréia no cinema. Depois de experiências bem-sucedidas na tevê como a minissérie “Chiquinha Gonzaga”, exibida em 99, a novela “O Clone”, de 2001, e “A Casa das Sete Mulheres”, entre outras, Jayme lembra a coincidência de retratar a trajetória de mulheres que fizeram História. “Elas realmente me perseguem”, brinca ele, antes de emendar. “A idéia é popularizar a história dessa mulher guerreira e não do período histórico”, esclarece. Ele garante também que vai adotar o mesmo método de trabalho que utiliza na televisão. “Não fiquei intimidado com o veículo. Tanto que vou adotar a minha própria linguagem para contar a história”, avisa.


Nome próprio

Águas calmas

Depois de um período de amargura, Daniel Del Sarto vive momentos mais leves em “Kubanacan”

Mariana Meireles/PopTevê - Rio de Janeiro (RJ)

  Após um longo período de amargura e luta por ideais políticos, Daniel Del Sarto vive com seu personagem momentos mais leves em “Kubanacan”. O ator se destaca nas situações em torno da virgindade de Guijermo. Romântico e sensível ao extremo, ele pretende “se guardar” para Soledad, vivida por Rafaela Mandelli. Mas a assanhada Consuelo, papel de Fernanda de Freitas, “tenta” o rapaz de todas as formas para fazê-lo desistir da idéia. “Ele fica louco, mas não cede. Adorei essa história, sentia falta de um romance para o meu personagem”, conta.
  Na verdade, Daniel não andava lá muito satisfeito com sua participação na trama. Ele confessa que esperava mais do trabalho. E tinha motivos de sobra para acreditar que o introspectivo Guijermo seria mais atuante e viveria fortes conflitos na trama. A definição do personagem na sinopse - um jovem sofrido, que não aceita a relação da mãe Mercedes, papel de Betty Lago, com o General Carlos Camacho, de Humberto Martins -, parecia bastante promissora. Já o fato de ser filho de uma das protagonistas, que ainda por cima é presença cativa nas tramas do autor, e de ter disputado o papel com outros atores, fizeram Daniel imaginar que teria uma importância mais significativa na novela. “Achei que esse papel fosse ser mais desafiador, mas não me frustrei. Como é um trabalho leve, me divirto muito fazendo”, ameniza.
  A questão da virgindade não trouxe apenas diversão. Além de destaque, Daniel acredita que Guijermo ganhou uma linha mais definida. O nervosismo em que o personagem fica durante as investidas de Consuelo proporciona um olhar e uma postura diferente. E essa é uma preocupação do ator desde o início da novela. O diretor Wolf Maya, inclusive, já havia lhe alertado sobre a falta de uma assinatura forte, que existe em quase todos os personagens da trama. “Acho que um bom personagem é aquele que você consegue imitar na hora. Mas é difícil formatar uma característica quando não se tem muita informação. Continuo sem a assinatura que gostaria”, confessa.
  Articulado, Daniel demonstra seriedade em tudo o que faz. Além de se empenhar na novela, ele concentra boa parte dessa energia na música. Nas horas de folga das gravações, compõe e ensaia o show “Quase Acústico”, que apresenta em bares e boates do Rio de Janeiro. Ao lado do percussionista Cláudio Boeckel, que também é diretor de “Kubanacan”, e do baixista Igor Eça, canta e toca violão. No variado repertório, canções de sua autoria e versões de músicas conhecidas como “Kiss”, do Prince, “Faith”, do George Michael e “Televisão”, dos Titãs. “A proposta do show é música boa com swing diferente. Estou tendo o retorno que queria, com as casas lotadas”, comemora.
  Ao contrário do que deveria ser, Daniel não pretende aproveitar o sucesso dos shows e o fato de ser conhecido para lançar CD. Talvez para não alimentar o preconceito das pessoas, que o consideram um ator que canta. “É o músico que está atuando. Não sabem que toco desde os 13 anos. Mas no show percebem que sou um músico. Toco melhor que atuo, então tenho mais é que tocar muito”, valoriza.
  E foi a música que fez Daniel se tornar ator. Ele tocava violão na peça “Confissões de Adolescente” quando se interessou pela arte de interpretar. A primeira providência foi estudar na CAL - uma das mais conceituadas escolas de interpretação do Rio de Janeiro. Por influência dos astros, como ele gosta de dizer, emendou trabalhos. Os primeiros foram as peças “Jornada de Um Poema”, com Glória Menezes, e “Cambaio”. Foi esse musical, escrito por Chico Buarque e Edu Lobo, que lhe abriu as portas da tevê.
  Após ser visto em cena, foi chamado para fazer par romântico com a cantora Sandy no extinto seriado “Sandy & Junior”. Em seguida, veio o galã Nicolau em “Desejos de Mulher”, novela de Euclydes Marinho exibida em 2001, e agora, “Kubanacan”. A experiência no cinema também já aconteceu: uma participação no longa “As Alegres Comadres”, de Leila Hipólito, com estréia no circuito nacional prevista para novembro. “Adorei ter feito porque o maior objetivo de estudar artes dramáticas foi o cinema. Queria fazer mais, o ano inteiro se pudesse”, sonha o paulistano de 29 anos.


Personagem da semana

O último cafajeste

Oscar Magrini não consegue se livrar da fama de mau

Cintia Lopes/PopTevê - Rio de Janeiro (RJ)

  Oscar Magrini definitivamente não consegue se livrar da fama de mau. Tanto que, mais uma vez, interpreta o vilão da trama. Em “Canavial de Paixões”, do SBT, Oscar é o inescrupuloso Agenor. Figura odiada pelos empregados da usina, o abominável Agenor faz de tudo para deixar de ser apenas o braço direito de Teresa, personagem de Débora Duarte. “É o tipo frio e calculista que quer se dar bem a qualquer custo. Além disso, ele sabe dos podres de cada personagem. Por isso é temido por todos”, explica. Para dar maior veracidade ao personagem, Oscar resolveu deixar, pela primeira vez, a barba crescer. “Como ele é realmente do Mal, achei que a barba seria legal para pesar na fisionomia”, acredita o ator de 42 anos.
  E interpretar tipos inescrupulosos é algo que Oscar sabe como ninguém. A galeria de personagens de má índole é realmente de fazer inveja até mesmo aos atores consagrados. A começar pelo mais famoso deles, o malandro Ralf de “O Rei do Gado”, de 96. “Ainda hoje as pessoas me chamam de Rei do Gado. Mas costumo dizer que sou apenas o sócio dele”, diverte-se. Em seguida, surgiu o intragável Sílvio de “Marcas da Paixão”, exibida na Record em 2000, e, por último, o interesseiro Humberto de “Esperança”. “Mas nenhum deles chega aos pés do Agenor”, avisa Oscar.
  Talvez pelo fato de “Canavial de Paixões” ser um texto mexicano adaptado, onde geralmente os vilões são maquiavélicos. “A história é coerente e bem amarrada. O fato de ser uma trama mexicana não interfere em nada”, argumenta. Por isso mesmo, o ator se mostra empolgado em voltar ao SBT. Depois de atuar em “Sangue do Meu Sangue”, de 94, e, no ano seguinte como Augusto de “As Pupilas do Senhor Reitor”, Oscar garante que se surpreendeu com a atual estrutura da emissora. “É legal constatar que o SBT se preocupa em investir na teledramaturgia”, garante.
  Você havia declarado anteriormente que este seria o seu primeiro vilão da carreira. Em que o Agenor diferencia dos demais?
  Eu classifico o vilão como aquele cara frio, calculista e sem escrúpulos. Capaz de matar qualquer um que atrapalhe o seu caminho. Pensando dessa forma, até hoje nunca havia interpretado um personagem com estas características. Nem mesmo o Ralf de “O Rei do Gado”, que foi um dos meus papéis mais marcantes, era um vilão. Na verdade, ele era um “bon vivant”, que se aproveitava das mulheres em troca de favores sexuais.
  Por que, então, você é escalado para viver tipos politicamente incorretos?
  Sinceramente não sei. Acredito que pelo fato de ser um ator com cara de homem mesmo, com um rosto marcante. Algumas pessoas acham que eu tenho cara de safado e sem vergonha. Vou fazer o que? Se as próprias mulheres me vêem como um conquistador, cafetão e machão, não tenho como me livrar disso...
  O que mais chamou a sua atenção no personagem?
  O Agenor é o braço direito da Teresa, interpretada pela Débora Duarte. Praticamente o capacho da mulher mais rica da região. Por isso mesmo ele tem outros interesses nela e tenta, a todo custo, conquistar a patroa. É o tipo que é odiado na usina, porque além de maltratar os empregados também dificulta a vida deles. É aquela história do pequeno poder... O Agenor é terceiro escalão, mas acha que pode mandar nos outros.
  Por ter sido rotulado como vilão, dificilmente será o mocinho de alguma produção. O que você acha disso?
  Eu realmente gosto de fazer o cara mau, não tem jeito... Ser o mocinho da trama não é algo que me atrai. Até porque já sou bonzinho no meu dia-a-dia. Tenho de aproveitar, então, a ficção para ser bandido. Mas não me considero um ator rotulado. Sempre fiz personagens bem diferentes como o Marcos de “Deus Nos Acuda”, o Johnny Percebe em “Torre de Babel”. Mas aqueles que realmente ficam marcados são os mulherengos. Também não me preocupo com isso. Estou me lixando para a crítica. Eles podem falar o que quiser que não me atingem mais.


aniversários da semana

Hoje - Marisa Orth, 40, e Glória Menezes, 68.
Amanhã - Rodrigo Faro, 30.
Terça-feira - Fernanda Rodrigues, 24, Carla Regina, 27, e Aisha Jambo, 18. Neste dia, em 1994, foi ao ar o capítulo de estréia do “remake” “A Viagem”, de Ivani Ribeiro, na Globo. A primeira versão foi exibida na TV Tupi, em 1975. O enredo central aborda a vida após a morte. Na história, Alexandre, papel de Guilherme Fontes, é um rapaz rico e desajustado. Depois de praticar um roubo, o irmão Raul, personagem de Miguel Falabella, e o cunhado, Théo, Maurício Mattar, com quem tinha desavenças, decidem entregá-lo à polícia. Dinah, vivida por Christiane Torloni, porém, é a irmã protetora. Depois que Alexandre se mata na cadeia, vai para o plano espiritual e passa a viver no chamado Vale dos Suicidas. Com a morte de Otávio Jordão, papel de Antônio Fagundes, e em seguida de Dinah, o casal tenta neutralizar a má influência de Alexandre sobre os vivos. Também no elenco, Andréa Beltrão, Claudio Cavalcanti, Ary Fontoura, Fernanda Rodrigues, Lucinha Lins, entre outros.
Quarta-feira - Ana Furtado, 29, e Ana Beatriz Nogueira, 38.
Quinta-feira - Bianca Byington, 40.
Sexta-feira - Rosamaria Murtinho, 68.
Sábado - Pedro Vasconcellos, 29.


CAPÍTULOS DAS NOVELAS

MALHAÇÃO
Globo 17h30

Segunda - Luísa assume para Victor que pagou o conserto da jukebox, pois sente gratidão por ele. Thaíssa e Murilo combinam que vão estudar juntos. Luísa revela a Carla que pagou o conserto da jukebox. Bruno treina apesar do pé machucado, deixando Mônica revoltada. Luísa sugere a Victor que eles trabalhem para conseguir o dinheiro de seu laboratório. Solene e Beto temem que Aderbal tenha ido contar tudo para Vilma. Victor revela a Luísa que não transou com Carla e ela pergunta por quê.
Terça - Victor afirma que não era apaixonado por Carla. Beto e Solene descobrem que Aderbal já contou tudo. Manu confessa a Luísa que não foi ela que fez o trabalho de geografia que Maciel adorou. Daniela explica para Ana Paula que Victor pensa que elas estão saindo juntas. Maciel continua a elogiar Manu, para revolta de todos. Carla decide estragar a sociedade de Luísa e Victor. Vilma anuncia para Solene que vai se mudar. Luísa e Victor se beijam.
Quarta - Thaíssa interrompe o beijo de Luísa e Victor. Luísa tira fotos de Thaíssa para fazer um CD-book. Bruno continua treinando, mesmo com seu pé cada vez pior. Solene fica preocupada, pois Vilma não consegue encontrar um apartamento. Uma menina beija Cabeção e descobre que seu bigode é falso. Luísa pergunta por que Carla disse que tinha transado com Victor. Daniela avisa para Victor que tem uma novidade sobre o acidente de Rômulo.
Quinta - Daniela conta que o inquérito foi arquivado. Victor afirma que ainda há uma testemunha que tem algo a dizer. Carla confessa para Luísa que ainda é virgem. Victor explica para Daniela que uma pessoa procurou ele e Luísa. Mônica se assusta ao ver que o pé de Bruno está bem pior. Manu confessa a Maciel que colou numa prova e copiou o trabalho. Cabeção fica chateado, pois vai perder um show só para parecer maduro. Vilma avisa a Solene que encontrou apartamento. Carla descobre que Paulo e Daniela estão namorando.
Sexta - Daniela afirma para Paulo que ainda não teve coragem de contar a Victor sobre o namoro. Vários alunos do colégio encomendam CD-books, deixando Luísa e Victor felizes. As famílias de Bruno e Mônica se encontram para ver a apresentação de balé. Sandra impede que Paulo e Daniela sentem juntos e Carla faz o mesmo com Luísa e Victor. Cabeção fica arrasado ao ver a animação de todos para ir ao show. Beto afirma que não quer que Vilma vá embora. Carla faz com Victor veja Daniela e Paulo se beijando.

CHOCOLATE COM PIMENTA
Globo 18h

Segunda - Danilo avisa para Timóteo que Ana Francisca é uma golpista. Olga manda que Peixoto siga Danilo. Ana Francisca conhece Ismênia e Romão, a quem pretende vender a fábrica. Mocinha pede que Padre Eurico aconselhe Bernardete. Danilo não consegue parar de pensar em Ana Francisca. Margot avisa a Guilherme que, se ele não fugir com Celina, ela acabará cedendo às pressões e casando com Klaus. Vivaldo bate o carro enquanto namora Márcia. Klaus oferece flores a Celina. Danilo avisa a Guilherme que quer dar um jeito de não se casar.
Terça - Danilo se dá conta de que Guilherme está com um problema pior do que o dele e decide ajudá-lo. Danilo e Sebástian se conhecem e não gostam um do outro. Guilherme briga com Klaus e é levado para a cadeia. Reginaldo avisa a Celina que ela terá que se casar. Celina decide pedir a ajuda de Ana Francisca. Bárbara encontra um fio de cabelo no paletó de Vivaldo. Ana Francisca decide encontrar seus futuros sócios no hotel. Margot ameaça contar as intimidades de Terêncio para toda a cidade se ele não soltar Guilherme. Ana Francisca encontra Danilo no hotel.
Quarta - Danilo garante que vai esperar por Ana Francisca. Maurício convida Selma para passear e ela aceita. Ismênia se dispõe a ficar um tempo na cidade e verificar os números da fábrica. Ana Francisca concorda. Dr. Paulo tenta beijar Lili, mas ela garante que nunca beijou ninguém. Lili aceita ir com Danilo para o quarto. Danilo não consegue ficar com Lili e se exaspera, pois Ana Francisca não lhe sai da cabeça. Margarido manda Timóteo vigiar Márcia. Terêncio concorda em soltar Guilherme. Danilo vai até a fábrica e exige falar com Ana Francisca. Timóteo tenta expulsar Danilo e eles começam uma briga.
Quinta - Timóteo e Margarido jogam Danilo no rio. Guilherme pede que Celina fuja com ela, mas ela garante que Ana Francisca irá ajudá-los. Padre Eurico fica horrorizado com os modos de Bernardete. Bárbara mostra o fio de cabelo que encontrou a Márcia e pede que ela descubra de quem é. Margarido afirma para Ana Francisca que concorda com a venda da fábrica. Márcia exige que Vivaldo lhe dê uma jóia para provar seu amor. Danilo avisa que precisa conversar com Olga, mas ela se insinua para ele, deixando-o perturbado.
Sexta - Danilo insiste em conversar sobre o casamento com Olga, que finge desmaiar. Márcia espera Timóteo ir embora e sai de debaixo do carro de Vivaldo, onde estava escondida. Marieta encontra Danilo no quarto de Olga, mas ele afirma que a levou até ali quando ela desmaiou. Danilo decide fugir da cidade para não ter que se casar. Margarido pergunta a Mocinha se pode visitá-la de vez em quando e ela permite. Klaus avisa a Celina que arruinará seu pai se ela não casar com ele. Danilo pede para conversar com Ana Francisca e garante que a ama.
Sábado - Danilo avisa que não vai embora até que Aninha fale com ele. Ela resolve descer. Danilo se declara para Aninha, deixando-a radiante. Ana Francisca garante a Celina que vai pagar a dívida de Reginaldo. Padre Eurico pede que Marieta deixe Cássia fazer companhia a Bernardete. Ana Francisca pede que Klaus calcule a dívida de Reginaldo e ele fica furioso. Jezebel revela a Olga que Danilo foi atrás de Ana Francisca. Olga manda que Peixoto mande um bilhete para Ana Francisca marcando um encontro em nome de Danilo. Ana Francisca vai ao encontro e vê Olga.

NO LIMITE DA PAIXÃO
SBT 18h

Segunda - Rebeca confessa para Maria Madalena que Gabriel é seu filho e que ela foi a mulher que passou a noite com Rodolfo na sua despedida de solteiro. Maria Madalena fica indignada. Rebeca se aproxima de Gabriel e Juliana para cumprimentar o casal, mas ele finge não conhecê-la. Ana Cristina começa a sentir as primeiras contrações e se desespera pois está sozinha na cabana. Maria Madalena diz a Maciel que Tobias procurou por ele. Ana Cristina, muito assustada, reza e pede à virgem que proteja seu bebê.
Terça - Otávio está a ponto de dizer a Rogério que ele é o pai de Ana Cristina, mas é interrompido por Lucília. Santinha dá a luz a uma menina e Frida tem um menino. Ana Cristina dá a luz a um menino. Uma enfermeira diz a Otávio que acaba de ser pai de dois bebês, porém de mães diferentes. Maciel troca o filho de Ana Cristina pelo de Frida. Otávio diz a Ana Cristina que está convencido de que é o pai do seu filho, diz que a ama e os dois se beijam. Paulo assiste a cena com tristeza.
Quarta - Ana Cristina e Otávio trocam juras de amor. Tobias diz a Gabriel que é conveniente que continue lutando para ele já que ficou com os negócios do Aldir. José Alfredo decide denunciar Gabriel por estupro. Paulo diz a Otávio que o viu beijando Ana Cristina e entendeu que não tem mais nada a fazer na cidade e que irá embora sem se despedir de Ana Cristina. O Dr. Edgard informa a Otávio que o resultado do teste de DNA provam que ele é o pai apenas do filho de Frida.
Quinta - Dr. Edgard diz a Ana Cristina que seu bebê apresenta todos os sintomas de uma gravidez mal cuidada. Frida diz a dona Josefa que se Otávio se negar a casar com ela terá que lhe entregar toda a fortuna da família Vila Real por ser a mãe do herdeiro que o Sr. Fernando pediu em testamento. José Alfredo diz a Rosália que já sabe que ela não é sua mãe, mas que a ajudará a encontrar seu filho em retribuição a toda a atenção que teve com ele. Otávio diz a Ana Cristina que já está com os resultados dos exames e que há não há nenhuma dúvida de que ele não é o pai de seu filho.
Sexta - Desolada com o resultado do exame, Ana Cristina diz a Otávio que não vai se casar com ele enquanto não conseguir limpar seu nome e poder provar que ele é o pai de seu filho. Frida diz a Otávio que caso ele insista em se separar dela para se casar com Ana Cristina, não colocará as mãos em nenhum centavo da fortuna e nunca mais verá seu filho. Caetana chega para o jantar de aniversário de Juliana e, surpresa com a presença de Gabriel, pergunta o que ele está fazendo ali. Maciel entra no quarto de Maria Madalena, reivindica seus direitos de marido e diz que a fará sua mulher.

KUBANACAN
Globo 19h

  Até o fechamento dessa edição, a Globo não havia disponibilizado os capítulos de “Kubanacan”

POUCAS, POUCAS PULGAS
SBT 19h45

Segunda - A nova cozinheira diz a Alex que vai levar a comida que sobrou para seus filhos. Lourenço e Vitor aproveitam que Julian sai de casa e ordenam a seus homens que iniciem a demolição. Inês comenta com Adriano que viu Lourenço vigiando a casa do Sr. Julian. Adriano vai até a Vila e tenta, em vão, impedir que derrubem a casa do Sr. Julian. Danilo e Julian chegam à Vila e Julian desmaia ao ver sua casa em escombros.
Terça - Adriano ajuda Julian. Adriano e Afonso pedem a Gladis que alugue um quarto para o Sr. Julian. Renê ouve quando Alex diz que é muito difícil gostar dela. Danilo conta ao Sr. Julian que uma senhora o acusou de roubar suas compras mas ele jura que é inocente. Orlando diz a Presunto e a Chouriço que roubou a carne para culpar o Danilo. Renê comenta com Inês que Afonso a engana com Miréia. Julian fica surpreso ao encontrar um pacote de carne dentro de sua caixa de livros.
Quarta - Julian repreende Danilo e desconfia de sua honestidade. Bibi, cinicamente, diz a Alex que quer ser sua amiga e pede desculpas a ela por ter lhe roubado Danilo. Orlando diz a Sr. Julian que Danilo quebrou uma jarra caríssima da loja do Sr. Salim. Julian procura Salim e se compromete a pagar pelo prejuízo. Salim diz que não é necessário e informa que Danilo conseguiu vender um de seus quadros. Miréia vai buscar Alex no colégio e diz que quer ser sua amiga.
Quinta - Rodrigo tenta conversar com o Sr. Julian, mas ele se nega. Alex e Danilo voltam a ser amigos e ela lhe dá um beijo no rosto. Alex comenta com Inês que convidou Danilo para jantar com ela na casa de bonecas. Julian diz a Danilo que o que ele está sentindo por Alex é amor. Danilo pede ao Sr. Lupe que escreva para Alex. Bibi diz a Alex que Miréia e Afonso são namorados.
Sexta - Alex fica indignada com Bibi e as duas brigam. Renê separa as duas e exige que a filha lhe dê uma explicação. Alex diz a Danilo que o jantar queimou porque Bibi a interrompeu. Afonso acompanha Miréia até seu apartamento e se surpreende ao encontrar Guilherme. Danilo leva Alex para jantar no restaurante do Bruno e os dois conversam de rostinho colado. Bibi tenta entrar na cozinha do restaurante mas é impedida por Bruno.

CANAVIAL DE PAIXÕES
SBT 20h30

Segunda - Clara fala para Lourdes sobre a sua amiga Mirela e conta também sobre os amuletos. Raquel arruma as malas, Débora fica triste com a partida da irmã, que prefere se afastar de Amador. Amador avisa Agenor que, enquanto estiver fora, o responsável pela usina será Miguel. Amador diz para Paulo que fará uma viagem de negócios, e pede para ele cuidar de Teresa enquanto estiver fora. Teresa à usina questionar Agenor sobre a casa do lago e encontra as notas fiscais das passagens. Raquel tenta pela última vez, seduzir Fausto.
Terça - Teresa fala para Fausto sobre a fuga de Amador e Débora. Débora vê Raquel chegar em casa irritada, e propõe uma carona até a Rodoviária. Débora tranca Raquel no quarto. Amador estaciona o carro na Estrada Velha para Terra Branca. Começa a trovejar. Fausto e Teresa chegam procurando por Débora. Clara avisa que ela não está. A tempestade se aproxima, Amador entra em seu carro. Débora chega ao local onde está Amador e avisa que Raquel não virá. Fausto derrapa na estrada. Amador fala para Débora que voltará para buscar Raquel. Chove torrencialmente, o carro derrapa e capota. Remédios vê o acidente. Ela vê a caminhonete de Fausto se aproximando e faz sinal para ele parar.
Quarta - Teresa conta a Raquel que Agenor foi quem falou sobre a fuga de Amador com uma mulher e que ela acha que é Débora. Fausto dá a notícia a Teresa e Raquel, sobre as mortes de Amador e Débora. Teresa diz para a menina que Débora foi a responsável pela morte de Amador. Clara não acredita na morte da mãe. Paulo escuta a conversa, sai desnorteado e vai para seu quarto chorando. Padre Antônio liga para Miguel avisando sobre a morte de Amador. Agenor vai à casa de Teresa lhe dar pêsames. Agenor fica sem entender a presença de Débora.
Quinta - Teresa pede para Antônio descobrir qual o horário do enterro de Débora. Ela não deseja encontrar o corpo da pessoa que causou a morte de Amador. O corpo de Amador é velado em casa. Débora é enterrada. Teresa manda Agenor cancelar o contrato do Canavial de Fausto. Teresa insiste com Padre Antônio no fato de Débora e Amador serem amantes. Padre Antônio contesta. Miguel procura por Fausto para tentar conversar .Fausto rasga foto de Débora e conversa com Miguel. Miguel interroga Raquel sobre a viagem e a visita dela na usina.
Sexta - Paulo defende Clara e Teresa proíbe o filho de encontrar com a menina. Raquel entra no quarto de Fausto, furta uma jóia e é surpreendida por Clara. Raquel desmaia na rua. Ela é levada ao consultório do Dr. Alexandre. Raquel fica sabendo que está grávida. Fausto pede para Raquel que vá embora de sua casa o mais depressa possível. As crianças conversam na praça, Teresa chega e agride verbalmente Clara, que defende a mãe. Carlota entrega para Agenor a pasta de documentos, que estavam com Sr. Amador no dia do acidente. Ele promete entregar pessoalmente para Teresa, mas fica com ela.

PEDRO, O ESCAMOSO
Rede TV! 20h15

Segunda - Mônica e Paula saem da empresa como grandes amigas e os funcionários ficam fofocando. Lídia pede que César a promova, mas ele se recusa. Durante o almoço com Paula, Mônica tem um sangramento e Pedro a leva ao hospital.
Terça - César fica sabendo o que aconteceu e vai até a clínica, onde encontra Paula e Pedro. Paula se recusa a ter qualquer tipo de relacionamento com César. Mônica sofre uma grande decepção com a perda do filho.
Quarta - Nidia bebe muito porque está insegura com o casamento. Mônica insiste para que César assista ao casamento. Sem condições de se arrumar sozinha para a cerimônia, Nidia é ajudada por Pedro e sua filhas. Os convidados e o noivo chegam na igreja.
Quinta - Os convidados e o noivo se acomodam na igreja. Nidia, já vestida de noiva, desiste de se casar, mas acaba se arrependendo e corre para a igreja. Paula trata César com indiferença, mas Ana lhe aconselha a ser discreta.
Sexta - César conta para Pastor que Mônica perdeu o bebê. Perafán fica mal do estômago mas, apesar de tudo, o casamento se realiza. Yadira fica possessa ao ver Enrique e Júlia juntos na festa. Sábado - César tenta falar com Paula durante a festa, mas ela se sente mal e vai embora. Nidia insiste em dançar com César. Mônica convida Paula para almoçar na sua casa. Pastor se preocupa com o desaparecimento de sua mãe depois da festa e Pedro oferece ajuda para encontrá-la.

CELEBRIDADE
Globo 21h
Segunda - Marta abre a porta para Ana Paula, explica que é um orfanato, mas que a patronesse não gosta de publicidade. Ana Paula chama Ivan. Maria Clara brinca com as crianças. Eliete comenta com Marta que Maria Clara já perdeu um filho. Maria Clara viaja com Otávio. Um menino cai do barco e Fábio consegue salvar a criança. Laura copia a declaração de renda de Maria Clara e descobre que seu ex-noivo foi assassinado durante a festa de casamento. Vladimir entra no estúdio uniformizado. Joel pede que Darlene convença-o a fazer a foto para a revista gay. Ela jura que a foto é para ela e ele aceita. Renato procura Lineu para conversar sobre Maria Clara.
Terça - Vladimir é fotografado. Joel enrola Vladimir, que acaba assinando a autorização para a publicação da foto. Vladimir e Darlene transam. Começa a festa de entrega do Troféu Celebridade. Lineu e Fernando ficam cara a cara. O sogro pede desculpas sinceras ao genro. Maria Clara marca a data do casamento. Laura acha as fotos de Maria Clara e Otávio no quarto de Ana Paula. Vladimir fica chocado ao ver sua foto na capa de uma revista gay. O comandante avisa que ele está expulso. Beatriz reage quando Fernando demonstra o sua vontade de ficar no Brasil. Laura decide desmascarar Ana Paula.
Quarta - Beatriz topa ficar no Brasil. Darlene jura que também foi enrolada por Joel. Vladimir chora com sua expulsão. Renato teme pelo cargo de vice-presidente, agora que Fernando fez as pazes com o sogro, e seduz Olga para que ela coloque um gravador na sala de Lineu. Marcos vai ao laboratório e descobre que são fotos do orfanato. Laura conta para Maria Clara que Ana Paula vai se encontrar com Renato. Começa o coquetel. Nelito só dá mancadas. Bruno manda Teresa ser afável. Herculano mostra-se enciumado. Maria Clara flagra Ana Paula e Renato.
Quinta - Maria Clara discute com a irmã. Ana Paula esconde a foto de Otávio pelado. Laura vê tudo. Maria Clara expulsa Ana Paula de casa. Nelito manda um jornalista perguntar para Teresa sobre as suas relações com a imprensa. Teresa joga champanhe no repórter e Nelito filma. Herculano ameaça fechar a loja e se separar. Maria Clara descobre que as fotos foram roubadas. Marcos vende as fotos a Renato. Lineu diz para Renato publicar a foto de Maria Clara e Otávio, se não incomodá-los. Lineu convida Fernando para ser o vice-presidente. Maria Clara e Otávio vêem sua foto na capa da revista Fama. Dentro, a foto de Otávio nu.
Sexta - Otávio decide processar a revista. Fernando agradece a Lineu, mas não aceita o convite. Beatriz aconselha Lineu a fingir que vai produzir o filme que Fernando quer fazer. Lineu propõe que Renato continue no cargo, desde que pague a indenização. Otávio avisa Maria Clara que precisarão adiar o casamento: ele foi transferido, não aceitou a mudança e vai ficar desempregado. Maria Clara decide acompanhar Otávio. Lineu pede que Fernando leia um roteiro. Renato vibra ao saber que Lineu e Beatriz estão enganando Fernando. Laura ouve Otávio comentar que foi ele que cavou a promoção.
Sábado - Laura quer uma prova da armação de Otávio. Fernando aceita a vice-presidência da empresa. Lineu se compromete a comprar o roteiro. Laura faz cópia da chave da casa de Otávio e copia mensagens do computador dele. Vladimir diz a Vitória que não quer ser famoso. Laura arma para que Maria Clara entre no computador de Otávio e veja as mensagens que provam que foi ele quem pediu a transferência na empresa. Beatriz manda Fernando desligar o gravador. Otávio, trêmulo, pede que Maria Clara desligue o computador e ela percebe o seu nervosismo.


O QUE VEM POR AÍ

CELEBRIDADE
21h - Globo

Genro com batatas
  Os personagens do Bem em “Celebridade” realmente têm de ficar atentos às cobras peçonhentas que estão sempre ao seu lado. Como se não bastasse as figurinhas absurdamente crápulas, como Laura e Marcos atazanando a vida de Maria Clara, agora é o reconhecido produtor de cinema Fernando, que está prestes a levar o bote. Durante a festa da entrega do Troféu Celebridade, o boa-gente dá de cara com o sogro Lineu, com aquela permanente pinta de jibóia que acabou de comer um boi. O ricaço acaba dando o braço a torcer e faz as pazes com o genro, que antes odiava. Lineu se desculpa por não ter acreditado no amor que Fernando sentia por sua filha Beatriz. Ingênuo, o cineasta se sente aliviado. O que ele não esperava é que Lineu fosse convidá-lo para assumir a vice-presidência da revista “Fama”. Mas Fernando sai pela tangente, dizendo que seu negócio é apenas trabalhar na telona. Só que a víbora de sua mulher, a fútil Beatriz, fala para o pai fingir que está interessado em produzir o novo filme de Fernando através da empresa, que se compromete a comprar o roteiro de Fernando. Ingênuo, o tonto cai no conto da carochinha.

PEDRO, O ESCAMOSO
20h15 - Rede TV!

Engov para dois
  A trama de “Pedro, O Escamoso” desta semana mais parece uma comédia grega, daquelas bem gaiatas. Principalmente com o confuso e patético casamento de Nídia e Perafán. Desesperada porque não quer subir ao altar de jeito nenhum com o cafona Perafán, Nídia resolve entornar todas e acaba ficando “trêbada”. Ao chegar em casa trocando as pernas, é ajudada por suas filhas e por Pedro a colocar o vestido de noiva e a grinalda, que fica mais capenga que a noiva, sentada no buquê todo despetalado. Quando se olha no espelho, Nídia desiste de casar. Mas, como todo bêbado, muda de idéia de uma hora para a outra e vai para a igreja, com a ajuda da família. Para atrapalhar ainda mais o casório, o noivo acaba passando mal do estômago, o que não chega a impedir o desastrado casamento, onde todos estão com patéticas caras de cólica. No meio da confusão dos cumprimentos aos noivos - ainda com expressões de quem tomou dúzias de antiácidos -, a mãe de Pastor acaba desaparecendo, para desespero do diretor.

CHOCOLATE COM PIMENTA
18h - Globo

Dura de chutar
  O capricho de Olga (Priscila Fantin) mais uma vez atrapalha a vida de Ana Francisca e Danilo em “Chocolate com Pimenta”. A mimada moça de olhos puxados não larga o osso do noivo fanfarrão por nada. E esta semana apela de todas as formas para que Danilo não desista de marcar a data do casamento. Quando ele avisa que quer conversar, Olga percebe que vem coisa ruim e se insinua, deixando o nada santo rapaz perturbado. Danilo ainda insiste em conversar sobre o casamento e Olga finge desmaiar.
  Sem escapatória, Danilo decide deixar a cidade para fugir do casório. Mas antes quer resolver sua situação com Ana Francisca, a única mulher capaz de lhe botar nos eixos. A primeira providência é pedir para conversar com a amada, mesmo sabendo que ela não vai recebê-lo. Depois de um showzinho com juras de amor e ameaças de que não vai arredar pé até que Ana aceite conversar com ele, é atendido. Emocionada, Ana resolve descer e os dois se acertam, em meio a mais declarações de amor.
  Novamente Danilo tenta falar com Olga, que desta vez finge estar doente. E vai ainda mais fundo na disputa pelo bonitão do pedaço. Após descobrir por Jezebel que o noivo foi atrás de Ana, marca um encontro com a rival em nome de Danilo. No final do capítulo de sábado, Ana vai ao encontro bela, feliz e sorridente. E se assusta ao dar de cara com Olga e seu ar petulante. Ninguém merece!

MALHAÇÃO
17h30 - Globo

Anjo mau
  Esta semana em “Malhação”, Carla (Nathália Rodrigues) destila boa dose de seu veneno. A vilã da pior espécie espuma de inveja ao ver o amado Victor e a prima Luísa andando juntinhos de um lado para o outro. Os dois estão produzindo “CD Books” de alunos por encomenda. E Carla, irritada, planeja um jeito de acabar com a “sociedade” de Luísa e Victor, que, a esta altura, é claro, já aprofundaram a relação profissional com trocas de beijos. Na primeira oportunidade, Carla dá o bote. Quando descobre que Daniela e Paulo estão namorando, arruma um jeito de fazer Victor ver a mãe beijando o pai de Luísa. Como odeia Paulo com todas as forças, Victor certamente vai querer se afastar de Luísa. É também uma forma de Carla ver o ex-namorado em crise, já que tudo indica que ele não vai perdoar a mãe por ter escondido que estava namorando Paulo. Se o que Carla pensa que sente por Victor é amor, imagine o que seria capaz de fazer se fosse ódio.

POUCAS, POUCAS PULGAS
19h45

Mudança forçada
  O velho Julian (Ignácio López Tarso) pode se considerar o mais novo integrante do Movimento dos Sem Teto. Depois de resistir bravamente a várias tentativas de despejo, o coroa não consegue evitar a demolição de sua casa nesta semana em “Poucas, poucas pulgas”. Desesperado, o coitado fica na rua da amargura e por pouco não tem um piripaque. Apesar do desânimo, o velhinho conta com a ajuda do fiel escudeiro, Danilo. E parece que os dias de azar da dupla estão contados. Tudo porque Afonso resolve fazer a boa ação da semana e dá o dinheiro para que Julian e Danilo aluguem um quarto na pensão de Gladis. A atitude de Afonso tem uma explicação. Depois de levar bronca da filha Alexandra, o advogado fica com complexo de culpa por ter permitido a demolição e resolve se redimir. Nem mesmo Julian, que é um tanto avesso à bajulação, resiste a oferta. Rapidamente o coroa se muda de mala e cuia para o quartinho. E mais: ainda presenteia Afonso com um de seus quadros. A felicidade de Danilo só não é completa porque o garoto volta a ser infernizado por Orlando. Com a ajuda de Presunto e Chouriço, o “bad-boy” tenta mais uma vez incriminar Danilo por roubo.

CANAVIAL DE PAIXÕES
20h30 - SBT

Cenas de impacto
  O acidente de carro que mata Amador e Débora esta semana em “Canavial de Paixões” deixa um mal-entendido que vai prejudicar Clara (Cláudia Ohana) e Paulo (Victor Fasano), os protagonistas jovens da história. Teresa sempre achou que o marido Amador e Débora tinham um caso e acredita ter tirado a prova com a morte dos dois. Não sonha que a amante era Raquel e Débora só estava com Amador para dizer que a irmã não iria aparecer para fugir com ele. Com a idéia fixa de que Débora é a culpada pela morte do marido, Teresa não deixa o filho Paulo nem chegar perto de Clara. Não satisfeita, agride a menina na frente de todos. Esta aliás, vai viver dias de cão. Além de perder a mãe, ainda tem de engolir a notícia de que seu pai, Fausto, vai se casar com a cunhada Raquel. Para se livrar de tudo e de todos, foge com Paulo, deixando Teresa de cabelo em pé.

NO LIMITE DA PAIXÃO
18h - SBT

Clássico clichê
  Ana Cristina (Susana González) passa por mais uma prova de fogo na trama de “No Limite da Paixão”. Depois de uma gravidez conturbada, a moça finalmente dá luz ao herdeiro de Otávio Vila Real. O que seria motivo para os pombinhos viverem felizes para sempre acaba se tornando um pesadelo para Ana Cristina. A moça realmente vive o inferno astral. Justamente no mesmo dia em que vai para o hospital, a megera Frida também resolve fazer o parto no mesmo hospital. A coincidência é ainda maior porque as crianças nascem praticamente no mesmo horário. Por isso mesmo Maciel não tem muito trabalho para fazer mais uma das suas armações. Tanto que o vilão não perde tempo na hora de fazer a troca dos bebês no hospital. Para piorar a situação de Ana Cristina, Frida insiste para Otávio fazer o exame de DNA nas crianças para desmoralizar a rival. E o plano dá certo. Na mesma semana, Otávio descobre que não é o pai do filho de Ana Cristina. Inconformada, a mocinha exige novos exames para provar que não “pulou a cerca”. Mesmo assim, Otávio resolve “assumir” a criança e marca a data do casório. Mas agora é Ana Cristina que não aceita o pedido. A moça quer tirar a limpo a história antes de subir ao altar. Enquanto isso, Frida é só felicidade...


TV GENTE

Belo golpe

  Karina Bacchi já se desfez de todo o jeito de “perua” de sua última personagem na tevê, a voluptuosa Pâmela, de “Agora É Que São Elas”. Isso porque a atriz já está pegando pesado na composição de sua próxima personagem. Karina volta à telinha em janeiro de 2004, na próxima novela das sete da Globo, “Da Cor do Pecado”, de João Emanuel Carneiro. Na trama, ela será Tina, uma lutadora de jiu-jitsu que vive cercada de “pitboys” fortões. Para a personagem, Karina já está se programando para colocar um longo aplique de madeixas louras. “Estou adorando, porque vou mostrar um trabalho completamente diferente da Pâmela. A Tina é mais durona, menos mocinha”, avalia.

Na mira da verdade

  Zezé Polessa só pensava em descansar da tevê com o final das gravações de “Agora É Que São Elas”, na Globo, onde vivia a divertida Timtim. Mas a atriz jura que não resistiu quando foi chamada para interpretar a badalada estilista Zuzu Angel no “Linha Direta Justiça”, a nova versão do programa policial, que vem reconstituindo casos polêmicos de famosos, como o assassinato da socialite Ângela Diniz. Zezé passou esta semana gravando o episódio, que reconstitui o trágico “acidente” que matou Zuzu. O especial conta ainda com o depoimento de jornalistas, como Zuenir Ventura. “Essa personagem é tão maravilhosa que eu não podia recusar. Vai ser um programa lindo”, avisa a atriz. O episódio ainda não tem data para ir ao ar.

Conflito nos Pampas

  A Record está faturando o terreno do SBT no interior do Rio Grande do Sul. A emissora acaba de adquirir as emissoras de Carazinho, Santa Maria e Pelotas, que antes eram afiliadas do SBT na região. A partir do próximo dia 1º de novembro, o trio de emissoras passa a usar o sinal de transmissão da Record. Com a mudança, a emissora passa a ter 93 afiliadas, contra 110 do SBT. A única retransmissora gaúcha do SBT passa a ser a sucursal da própria emissora, em Porto Alegre.

Laboratório

  Bruno Garcia, o Dagoberto de “Kubanacan”, assume que está se divertindo nas gravações do novo semanal da Globo, “Sexo Frágil”, que estreou na sexta. Para interpretar a Vilminha, a mulher de Beto - personagem de Lúcio Mauro Filho - na trama de João Falcão, o ator teve de fazer aulas de expressão corporal, para aprender a se comportar como uma mulher e não ficar parecendo um travesti. “Tive de aprender maneiras femininas e abolir os gestos grotescos dos homens”, diverte-se.

Aposta no “barraco”

  A Band ficou bastante entusiasmada com a estréia de “Jogo da Vida”, apresentado por Márcia Goldschmidt no último domingo. Com média de cinco pontos e pico de oito, a produção sensacionalista - exibida durante três horas ao vivo, a partir das 16h - virou a maior aposta da emissora para começar a brigar pela guerra da audiência dominical.

Volta artística

  Depois de viver Amélie, a hilariante vampira atrapalhada em “O Beijo do Vampiro”, Betty Goffman já está de data marcada para voltar à telinha. Na próxima minissérie da Globo, “Um Só Coração”, de Maria Adelaide Amaral, Betty será a artista plástica Anita Malfati, que teve enorme contribuição cultural na Semana de Arte Moderna, em 1922. “Começamos a gravar a trama esta semana. Estou emocionada com a sensibilidade artística que será transmitida para o público sobre esta semana que mudou para sempre o conceito de arte no Brasil”, comemora.

Calor lucrativo

  A Record largou com o pé direito para seu projeto de programação do verão: “Bahia 50 Graus”. Na semana passada, a emissora vendeu a primeira cota de patrocínio para a rede de lojas de eletrodomésticos Casas Bahia, pela “bagatela” de R$ 1,2 milhão. Os especiais da emissora serão transmitidos diretamente de Salvador durante todo o mês de janeiro.

Sem descanso

  Mesmo cansada com o término de “Mulheres Apaixonadas”, Carolina Dieckmann, que viveu a sonhadora Edwiges, pretende adiar um pouco suas merecidas férias. A atriz já se prepara para voltar ao batente. Mas ela não estréia em nenhuma trama. Carolina volta ao ar no segundo episódio do programa “Cena Aberta”, dirigido por Guel Arraes, que está previsto para ser exibido em dezembro. Na produção, recheada de humor, a atriz contracena com Regina Casé.

Na terra do dendê

  O “Sem Censura” de amanhã promete ter um tempero especial. Comandado por Leda Nagle, o programa de entrevistas da TVE, da Rede Brasil, será transmitido diretamente de Salvador, na rota do projeto “Sem Censura Itinerante”. A transmissão será realizada no horário habitual, das 16h às 18h, de um dos maiores cartões postais de Salvador: o Solar do Unhão. No cenário histórico, Leda receberá Ivete Sangalo, Margareth Menezes, a famosa mestre-cuca Dadá e Mãe Carmem, a filha da célebre Mãe Menininha do Gantois, entre outros.


’Aspas’

“Enquanto surgirem as Darlenes, não tem problema. O pior são as Lauras”

Gilberto Braga, autor de “Celebridade”, da Globo, sobre o episódio em que uma jovem de 19 anos tirou a blusa e mostrou os seios num restaurante onde o elenco da novela assistiu ao primeiro capítulo. Gilberto se referiu à manicure Darlene, interpretada por Deborah Secco, que vive em busca da fama e à vilã Laura de Cláudia Abreu.

“Tenho 15 anos de carreira, um certo sucesso, uma certa fama, mas celebridade é o Jorge Amado, é o Chico Buarque. Parece que ser célebre virou muito pouco”

Fábio Assunção, o Renato Mendes de “Celebridade”, menosprezando o próprio reconhecimento.

“Sou tiete por natureza. Quando comecei na Globo, meu maior prazer era encontrar as pessoas que eu admirava. Ficava no corredor e dizia: ‘Não acredito, olha quem vem lá, Tarcísio Meira’”

Malu Mader, protagonista de “Celebridade”.

“Sou popular e me orgulho disso”

Márcia Goldschmidt, apresentadora dos programas “A Hora da Verdade” e “Jogo da Vida”, da Band.

“A personagem pedia essa cena”

Juliana Paes, a Jaqueline de “Celebridade”, que mostrou os seios no capítulo de estréia da novela.

“Sou muito preocupado com a aparência. Até unha encravada eu curei no hospital”

Luiz Fernando Guimarães, ator.

“Vou acender um baseado e começar a gritar, experimenta!, experimenta!”

Rita Lee, criticando a campanha de uma marca de cerveja no “Saia Justa”, do GNT.

“Tirar a sobrancelha é a pior coisa do mundo. Também colocamos unha postiça. Meu Deus, como as mulheres conseguem fazer um telefonema ou teclar no computador com unhas tão grandes?”

Lázaro Ramos, sobre a caracterização para o seriado “Sexo Frágil”, em que vai encarnar várias mulheres.

“Tudo tem de ser experimentado”
Suzana Vieira, atriz, assumindo que já usou drogas no “Maria Gabriela Entrevista”, do GNT.

“Algumas atrizes mais velhas olham para mim e resmungam: ‘Quem é essa loura? Ai, modelo!’ Tenho de provar que sou capaz o tempo inteiro”.

Karina Bacchi, que interpretou a sensual Pamela em “Agora É Que São Elas”, da Globo.


Editorias
Capa
Cidades
Brasil
Internacional
Esportes
Polícia
Z
Colunistas
TodoDia Imagem
Fogo Cruzado
Zé Pirata
Charge
Opinião
Editorial
Cadernos
Mulher
Triboz
Revista da TV
Veículos
Zzinho
Social
Absoluta´z
Dez
Barbarizando
Deztaque
Nova´z
Evidência´z
Estilo´z
Outros
Especiais
Assinaturas
Publicidade
Fale Conosco
Tira Dúvidas
A Empresa
A Região
Edições Anteriores

Copyright © 2001 - Editora Z -Jornal TodoDia - Todos os direitos reservados. Esta página é melhor vizualizada nos browsers MS Internet Explorer 4.0 ou superior ou Netscape 4.0 ou superior, com resolução de tela de 800 x 600 pixels e 256 cores ou melhor. webmaster