Brazilian Music Up To Date
The Interview: Chico Science
This page in English

MARACATUS E BRONCAS

UpToDate –E quanto a essa homenagem ao Jorge Mautner em seu disco, tem três remix de “Maracatu Atômico”?

Chico Science –Bem, isso foi uma idéia da gravadora de colocar esses três remix. Eu nem sabia que ia rolar esses remix. Tem a faixa original e as outras três. (pensativo) Não gostei.


UpToDate – Por que?!

Chico Science –Porque eu nunca fui consultado para rolar os remix do disco. Tinham outras coisas para acertar. Não vamos começar a embolar as coisas assim. O disco sai assim e eu não posso fazer nada. Mas que eu quero, eu não quero.


UpToDate – O que você mais gostou das versões de “Maracatu Atômico”?

Chico Science –É difícil falar porque eu tinha outras idéias para fazer um remix. Esse disco novo nós fizermos com o BID, que é um cara mais novo, nosso amigo, fizemos as experiências no estúdio... “Pô, vamos produzir.’ Produzimos porque a gente estava com tudo na mão. A gente estava vivendo a emoção ali das músicas prontas, de estúdio, de descobrir as coisas. Seria difícil para nós pegarmos um produtor de fora. Esse é um processo bem mas demorado. E a gente queria fazer porque queríamos arriscar também.

Então o remix era uma das coisas que a gente também queria fazer. E que tinha outras pessoas interessadas em fazer, e bem legais e interessante de fazer o remix. E a gravadora colocou os remix sem estar nem aí. Não é legal isso, isso é errado. Faz um single com o remix e deixa o meu disco quieto, com a nossa concepção, com o que a gente fez no disco.


Previous Main Interview Next

©Copyright : Brazilian Music Up To Date