Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Arte, universo feminino e sintoma

Exposição Elles chega ao Rio de Janeiro com obras de artistas como Simone Valadon e Frida Kahlo

maio de 2013
Domínio público
“O destino de uma mulher é ser mulher”, sentenciou Clarice Lispector em A hora da estrela (1977). As 115 obras expostas em Elle, coleção permanente do Centro George Pompidou, em Paris, temporariamente em cartaz no Rio de Janeiro, traduzem em pinturas, esculturas e fotografias a afirmação da escritora brasileira. A coletânea reúne produções de 50 artistas consagradas do século 20, que vivenciaram décadas decisivas para a emancipação feminina, inclusive no cenário artístico. 

As obras foram organizadas por tema nas salas de exposição do Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB). Um dos destaques é a seção O corpo, com produções da fotógrafa americana Nan Goldin – conhecida por retratar imagens naturalistas de prostitutas e transexuais – e da francesa Louise Bourgeois, morta em 2010. Leitora de Sigmund Freud, Jacques Lacan e Melanie Klein, Louise afirmava que criar era sua “garantia de sanidade”, e deixou vários escritos que relacionavam teorias psicanalíticas a suas pinturas e esculturas, que definia como uma solução de conflitos (ou seja, um sintoma). Ativista do movimento feminista nos anos 60, Louise explorou o imaginário em torno do corpo feminino, como em A mancha vermelha (acima) – a silhueta de sangue remete ao mito bíblico da maldição de Eva, no qual ela e todas as suas descendentes foram castigadas com o ciclo menstrual e as dores do parto. 

A seção Pânico genital apresenta telas de Frida Kahlo, que expressam seu sofrimento físico com a dor crônica e cicatrizes emocionais, como as traições do marido e os sucessivos abortos que teve. Depois de São Paulo, as obras serão expostas no CCBB de Belo Horizonte.

Elles – Mulheres artistas na coleção do Centre Georges Pompidou.
Centro Cultural Banco do Brasil (CCBB). Avenida Primeiro de Março, 66, Centro, Rio de Janeiro. Terça a domingo, das 9h às 21h. Informações: (21) 3808-2020. Grátis. De 24 de maio até 14 de julho.

Leia mais:

Sobre gênios e loucos

Artista plástica usa tecnologia para expressar inconsciente