Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Brincando de ser mãe: chimpanzés fêmeas tratam galhos como se fossem bonecas

Primatologistas observaram que as símias abandonam o comportamento após terem filhotes

maio de 2011
© anup shah/the image bank/getty images
Jovens macacas cuidam dos gravetos e chegam a dormir com eles ao lado
A semelhança genética entre seres humanos e chimpanzés-comuns (Pan troglodytes) é muito grande – mais de 99%. Recentemente, pesquisadores descobriram outro ponto em comum: às vezes, macacas jovens “brincam de boneca”, assim como crianças, usando galhos de árvore. Esse comportamento foi observado durante uma pesquisa realizada no Parque Nacional de Kibale, em Uganda. Os -primatologistas Sonya Kahlberg, do Bates College, e Richard Wrangham, da Universidade Harvard, nos Estados Unidos, estudaram 68 chimpanzés-comuns que vivem em liberdade. Foi analisado, principalmente, de que maneira os macacos utilizavam pedaços de pau e objetos semelhantes. Após acompanharem os animais por aproximadamente dois anos, os cientistas perceberam que os símios utilizavam galhos não apenas como armas ou ferramentas para buscar água e mel em cavidades profundas, como se supunha inicialmente – muitas vezes eles também brincavam com os gravetos! Sonya e Wrangham notaram que quase 40% do tempo passado com galhos foi dedicado a brincadeiras de “casinha”, nas quais os chimpanzés carregavam pedaços de madeira consigo para onde iam e os embalavam como se ninassem um bebê. Muitas vezes, os “bonecos” eram levados para o local de dormir. Esse comportamento foi visto com mais frequência em fêmeas que ainda não tinham filhotes. As que já haviam sido mães pareciam não se interessar pelos galhos. Com base nesses fatos, os primatologistas acreditam que, assim como para os humanos, a brincadeira funciona como um treinamento para a maternidade.