Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Carta para uma amiga

A autora de Americanah e Meio sol amarelo, Chimamanda Ngozi Adichie, aborda temas como violência, preconceito, ignorância e autoestima, em seu último livro

junho de 2017
Gláucia Leal
DIVULGAÇÃO

É possível ler Para educar crianças feministas: Um manifesto, de Chimamanda Ngozi Adichie, em pouco tempo, sem grandes sobressaltos. A linguagem é acessível, informal. Mas o leitor não deve se enganar: com delicadeza e bom humor, a autora de Americanah e Meio sol amarelo (respectivamente de 2014 e 2008, ambos lançados pela Companhia das Letras) aborda temas como violência, preconceito, ignorância, culpa, amor e autoestima. Trata-se, na verdade, de uma carta escrita a uma amiga de infância, que acabou de ter um bebê e lhe pede orientações sobre a educação da menina. Adichie oferece 15 sugestões de forma inteligente e assertiva. A leitura vale também para os pais, claro. E para quem não tem filhos.

Para educar crianças feministas – Um manifesto. Chimamanda Ngozi Adichie. Companhia das Letras, 2017. 96 págs. R$ 14,90.

Para mais sugestões como esta adquira a edição de maio de Mente e Cérebro:

Impressa: http://bit.ly/2q3yTJH 
Digital:   http://bit.ly/mcappandroid - Android
            http://bit.ly/mecapple - IOS
           http://bit.ly/mcappweb - versão web