Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Exibição e debate do filme A caça acontecem em agosto na Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo

A história de um professor acusado de abuso sexual destaca o caráter contagioso de impulsos coletivos de agressividade

agosto de 2014
Divulgação
Lucas, professor de uma escola infantil de um vilarejo na Dinamarca, tenta refazer sua vida após um divórcio. Klara, uma de suas alunas, é intensamente apegada a ele, como é comum nessa fase do desenvolvimento, mas sente-se rejeitada. A menina insinua um abuso sexual e o professor passa a sofrer uma intensa perseguição. Esse é o tema de A caça, do diretor Thomas Vinterberg.

No dia 24 de agosto, a Sociedade Brasileira de Psicanálise de São Paulo exibe o filme e, em seguida, promove uma discussão sobre a obra com a museóloga Ana Lúcia Siaines de Castro e o psicanalista Neilton Dias da Silva, fundadores do projeto Fórum de Psicanálise e Cinema, que compreende a exibição de filmes seguida de um debate da perspectiva da psicanálise.

A resenha completa de A caça, escrita pela psicanalista Erane Paladino e publicada na Mente e Cérebro, você pode ler aqui.

Leia mais

Ninfomaníaca: a compulsão para fugir da angústia
Filme demonstra como tentativas de autoproteção para abrandar sentimentos de desamparo podem se transformar em sintomas

Unesp desenvolve cartilha que ajuda médicos a identificar vítimas de abuso sexual