Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Emoções revelam a primeira “opinião” do cérebro

Respostas emocionais seguem padrões construídos com base nas experiências vividas e podem ser mais rápidas do que a razão

setembro de 2016

Uma das descobertas surpreendentes da neurociência é que as emoções são fundamentais para tomarmos boas decisões – e, consequentemente, nos mantermos mais satisfeitos e saudáveis. Ao contrário do que diz o senso comum, emoções têm lógica, sim – e seguem padrões construídos com base nas experiências vividas. Como as estruturas cerebrais envolvidas no sistema límbico têm acesso privilegiado à memória de situações anteriores similares, uma resposta emocional pode ser oferecida em cada caso bem antes que elaborações racionais tenham tempo de acontecer.

Rápidas e personalizadas, as emoções representam a primeira “opinião” do cérebro sobre qualquer assunto e, desde o começo, direcionam comportamentos, levando-nos a preferir um ou outro curso de ação, mesmo que ainda não saibamos explicar o motivo de determinadas escolhas. Essa rapidez, sempre embasada no “banco de dados” disponível na memória, torna possível resolver de forma ágil questões simples, mas que seriam excessivamente demoradas caso todas as variáveis envolvidas fossem processadas pela razão.

Leia mais:

Administrando as emoções de seus interlocutores
Prestar atenção a demonstrações de ansiedade, irritação, empolgação, decepção ou pesar – nossas e, principalmente, dos outros – pode ser um grande diferencial para o sucesso de acordos

Podemos transmitir estados emocionais através do suor
Pesquisadores holandeses expuseram voluntários a odores secretados em situação de medo e de felicidade