Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Entre caras, bocas e gestos

Segundo pesquisadores, os chimpanzés e os bonobos utilizam os gestos de maneira diferente de como usam a voz e a expressão facial

maio de 2007
© Stock.Xch
Embora todos os primatas usem expressões vocais e faciais para se comunicar, sempre se acreditou que apenas os seres humanos gesticulavam com a intenção de transmitir significados. Não é bem assim, de acordo com o artigo publicado nos Proceedings of the National Academy of Sciences (PNAS) e assinado pelos primatologistas Frans de Waal e Amy Pollick, da Universidade Emory.

Segundo os pesquisadores, também os chimpanzés e os bonobos utilizam os gestos de maneira diferente de como usam a voz e a expressão facial, estas geralmente vinculadas a contextos específicos e muito semelhantes entre diferentes grupos. Os pesquisadores observaram que, ao contrário, o repertório gestual desses primatas é muito flexível e específico de cada grupo social.

Os resultados são coerentes com a hipótese segundo a qual a evolução do domínio da comunicação gestual ocorreu antes do início da aquisição da capacidade de articular palavras.