Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Essências para aliviar ansiedade

Óleos de lavanda e laranja agem em receptores cerebrais do sistema límbico, região associada ao processamento de emoções

julho de 2008
MONTAGEM TATIANE SANTOS DE OLIVEIRA/ LAVANDA: ©ULTIMATHULE/SHUTTERSTOCK/LARANJA: ©MATKA_WARIATKA/DREAMSTIME
FRAGRÂNCIAS NATURAIS com propriedades sedativas ajudam no relaxamento
Muito usados pela indústria de cosméticos, os óleos essenciais de laranja e lavanda poderão um dia ajudar a combater a ansiedade. Estudo realizado pelo departamento de psicobiologia da Universidade Federal de São Paulo (Unifesp) demonstrou que essas fragrâncias naturais têm propriedades sedativas e relaxantes em ratos.

Os animais inalaram as essências antes de ser submetidos a diversas tarefas que medem o grau de ansiedade, como o labirinto em cruz elevada, no qual podem seguir dois caminhos: um fechado e escuro e outro, claro e aberto. Os ratos geralmente preferem o primeiro porque claridade e ambientes espaçosos são estressantes para esses seres de hábitos noturnos. Um segundo grupo de cobaias passou pelos mesmos testes depois de receber uma injeção com medicamento para combater a ansiedade (da família do diazepam). Um terceiro grupo, de controle, encarou o labirinto sem tratamento prévio.

O efeito ansiolítico, medido pelo número de animais que se aventurou pelo labirinto claro e aberto, foi maior no grupo que inalou os óleos perfumados, em comparação ao que recebeu o medicamento sintético, que por sua vez foi maior que no grupo-controle. Segundo os autores, as essências de laranja e lavanda interagem como receptores localizados em regiões do cérebro associadas ao processamento das emoções, genericamente conhecidas como sistema límbico. É bem possível que resposta parecida seja observada em seres humanos. A possibilidade deve ser investigada em futuras
pesquisas.