Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Exposição permite que visitante se oriente como cego

Em Diálogo no escuro, monitores com deficiência visual guiam o público por ambientes em que se usam todos os sentidos, menos a visão

junho de 2016
DIVULGAÇÃO

Como se orientar em um mundo gerido por imagens? Em Diálogo no escuro, exposição que ocorre simultaneamente no Rio de Janeiro e em São Paulo, o visitante tem a oportunidade de, num ambiente completamente escuro, ser guiado por um cego. No trajeto, experimenta, com sentidos além da visão, o que seria caminhar por uma cidade reconhecível apenas por meio de sons, aromas e sensações táteis.

Concebida pelo filósofo alemão Andreas Heinecke, a mostra já passou por 39 países e teve mais de 8 milhões de visitantes. A ideia de proporcionar vi-sitas em grupo guiadas por cegos, empregados para a exposição, surgiu quando o filósofo desenvolveu um trabalho com um jovem jornalista que havia perdido a visão num acidente de carro. Conhecendo mais de perto essa situação, Heinecke percebeu que a limitação de um dos sentidos demanda uma forma nova e completamente diferente de se estar no mundo. Assim, organizou o formato simples das visitas guiadas em ambientes multissensoriais para fazer a ponte entre a realidade de quem enxerga e a de quem não conta com a visão. 

De acordo com a empresa social Dialogue Social Enterprise, uma das organizadoras do projeto, a exposição é a primeira oportunidade de ter contato próximo com deficientes visuais para mais de 80% dos visitantes, com base em uma pesquisa feita pela empresa durante uma temporada da exposição na Alemanha. As visitas são em grupos de oito pessoas, com entrada a cada 15 minutos, e devem ser agendadas pelo site da mostra.

Diálogo no escuro.
No Rio de Janeiro: Museu Histórico Nacional. Praça Mal. Âncora, s/nº, Centro. De terça a sexta, das 10h às 17h30. Sábado e domingo, das 14h às 18h. R$ 12,00 e R$ 20,00 (sábado e domingo). Agendamento: dialogonoescurorio.com.br. Até 30 de outubro.
Em São Paulo: Unibes Cultural. Rua Oscar Freire, 2500, Pinheiros. De segunda a sábado, das 10h às 19h. Informações: (11) 3065-4333. R$12 (de segunda a quinta), R$ 30 (sexta e sábado). Agendamento: compreingressos.com/unibescultural. Até 17 de julho.

Esta matéria foi originalmente publicada na edição de junho de Mente e Cérebro, disponível na Loja Segmento: http://bit.ly/1UbjWih 


Leia mais:

Cinco aplicativos inovadores para cegos
Descubra como a tecnologia pode melhorar a qualidade de vida de pessoas com deficiência visual

Site erótico para cegos
Locutor oferece detalhes de vídeo de sexo explícito, como descrição dos personagens, roupas, cenário e enredo