Mente Cérebro
Clique e assine Mente Cérebro
Notícias

Filhote de bonobo tem sinais de autismo

Primata pode ajudar a desvendar causas do transtorno

fevereiro de 2013
Rahmo/Shutterstock
Teco, de 3 anos, é capaz de passar horas olhando para uvas ou para brinquedos. Passa a maior parte do tempo sozinho. Quando bebê, não se agarrava à mãe como os outros filhotes de bonobo nascidos no cativeiro Great Ape Trust, em Iowa – ele evita o contato físico e o visual de forma muito semelhante a crianças diagnosticadas com autismo. Teco é um caso raro de primata com sintomas de autismo e pode oferecer pistas para o estudo de possíveis causas genéticas e ambientais do transtorno. Segundo os cuidadores, sua mãe passou mais de 60 horas em trabalho de parto, o que leva cientistas a considerarem a interação entre o trauma sofrido no nascimento e fatores genéticos. Ele também tende a se fixar em objetos brilhantes e tem dificuldade de coordenar o movimento de pernas e braços.

Leia mais:

Falha em cromossomos eleva risco de autismo

Ressonância magnética para detectar autismo